[VITÓRIA X SANTOS] Nada além do que 3 pontos


EC VITÓRIA x Santos

O time não perde a mais de 6 rodadas pelo brasileiro mas também não vence a 3, sendo o rei dos empates do brasileiro com 7 placares terminando igual, o Vitória precisa voltar a vencer, sobretudo em casa, local que andou tropeçando nas ultimas partidas e perdeu a chance de figurar na parte de cima da tabela da competição.

Sem contar com Marinho suspenso, Vagner Mancini tem os reforços de Fernando Miguel, Serginho e Cárdenas que é a principal contratação do rubro negro para o brasileiro até o momento e poderá fazer sua estreia neste domingo mas iniciando provavelmente do banco. Tendo atuado bem quando entrou no segundo tempo contra o Atlético Paranaense, o meia Serginho esta cotado para a vaga do camisa 7 e com isso o time passaria a ter um meia de oficio.

O Santos não conta com Zeca,Thiago Maia e Gabriel que estão a disposição da seleção olímpica e Dorival Jr poupou alguns titulares no treino de sexta mas nada que preocupe para o jogo. Com 26 pontos e na 4ª colocação o peixe vem forte em busca dos 3 pontos porque anseia se consolidar no G-4 e quem sabe se aproximar do líder Palmeiras.

Com 19 pontos em 12º no brasileirão, o leão não pode mais se dar ao luxo de perder pontos no Barradão para não pensar em se aproximar da zona de rebaixamento com os 3 contratados já integrados, a expectativa é que Mancini escale um time mais compacto e consiga corrigir os erros de aproximação ofensiva e os erros de marcação e com isso o time consiga voltar a vencer.

HISTÓRICO

Em campeonatos brasileiro Vitória x Santos já jogaram 31 partida com 9 triunfos do Vitória 7 empates e 15 triunfos santista, no ultimo jogo dos times em 2014, o peixe levou a melhor vencendo de 1×0 no Barradão.

ec vitória x santos escalação

FICHA TÉCNICA: Vitória x Santos

Local: Barradão, Salvador (BA)
Data e horário: domingo, 18h30 (de Brasília)

Escalação Vitória: Caique(Fernando Miguel),Diego Renan, Kanu, Victor Ramos, Euller, William Farias,Marcelo, Serginho, Vander, Dagoberto, Kieza Escalação provável: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Caju; Yuri, Renato, Lucas Lima e Vitor Bueno; Copete e Ricardo Oliveira.
Arbitragem: Rodolpho Toski Marques (ASP-Fifa, do Paraná) apita, auxiliado por Guilherme Dias Camilo (Fifa, de Minas Gerais) e Celso Luiz da Silva (MG)

Anúncios

[GRÊMIO X EC VITÓRIA] Uma boa hora para surpreender


GRÊMIO X EC VITÓRIA

A situação do rubro negro esta ficando delicada, muito próximo da zona de rebaixamento e sem vencer a 3 jogos, o time de Vagner Mancini precisa desesperadamente vencer o Grêmio nesta noite de São João e respirar um pouco no campeonato brasileiro e de quebra dar motivos para que seus torcedores possa celebrar a grande festa de tradição nordestina.

 

A tarefa do Vitória não é nada fácil, o tricolor gaucho além de invicto em casa, não sofreu gols em seus domínios, o que mostra o poder defensivo da equipe e que contrasta com o atual momento do ataque do rubro negro que não contará com o artilheiro Marinho e terá Dagoberto que ainda não marcou com a camisa do Vitória e Kieza que não balança as redes a 5 jogos.

 

Vagner Mancini modificou a equipe sacando Ramon da defesa e promovendo Kanu que volta a titularidade na equipe, outro que ganha chance é Euller que vai para lateral esquerda e Diego Renan se desloca para direita em lugar de Norberto. A grande duvida é quem entra no lugar de Marinho¿ Caso opte por Alipio ou Vander,o esquema será mantido no 4-2-1-3, se o escolhido for Flavio, Marcelo ou Welisson, além de reforçar a marcação no meio o time virá no 4-3-1-2 e ainda a possibilidade de que Ramon feche a trinca na defesa com o 5-2-1-2. Aguardar para ver a decisão de Mancini.

 

No time comandado por Roger Machado a tônica é vencer e não deixar Palmeiras e Inter se distanciarem, além de criar um pouco de gordura no G-4, somando 3 pontos,O Grêmio abriria 5 de diferença para o Corinthians que tropeçou na rodada e para o Santos que assumiu a 5ª colocação.

 

HISTÓRICO

 

O Leão não ruge alto contra o Grêmio em sua casa desde 82 quando venceu por 1×0, um ótimo dia para derrubar o jejum. No geral tricolores e rubro negros até que fazem um confronto equilibrado com 16 vitórias do Grêmio 08 empates e 11 triunfos do Vitória. Em 2014 o Vitória venceu no Barradão por 2×1 e o Grêmio venceu na Arena por 1×0 sendo este o ultimo confronto das duas equipes.

ec vitória x GRÊMIO

FICHA TÉCNICA

Grêmio x Vitória

Campeonato Brasileiro – 10ª rodada

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Data: 23/06/2016

Horário: 19h15

Árbitro: Sandro Meira Ricci (Fifa/SC)

Assistentes: Carlos Berkenbrock (SC) e Neuza Inês Back (Fifa/SC)

Grêmio: Marcelo Grohe; Edilson, Fred, Bressan e Marcelo Oliveira; Walace, Ramiro, Giuliano, Douglas e Everton; Luan. Técnico: Roger Machado.

 

Vitória: Fernando Miguel; Diego Renan, Victor Ramos, Kanu e Euller; Amaral, Willian Farias, Flávio e Tiago Real; Dagoberto e Kieza. Técnico: Vagner Mancini.

 

[VITÓRIA X NÁUTICO] Confronto com clima de decisão no Barradão!


VITÓRIA X NAUTICO

Na reta final da série B cada jogo é uma verdadeira decisão e o clima hoje em Salvador é justamente este, o Vitória recebe o Náutico no Barradão e precisa vencer para não dar chances ao Timbu e a outros de se aproximarem do rubro negro e do G-4, recuperar a segunda colocação e continuar de olho no Botafogo.

Com uma série de mexidas nos treinos durante a semana Vagner Mancini prometeu mudar o time do Vitória mas a base deverá ser mantida, Vander deve ser a única ’’novidade’’ na 10 que circula com Deivid, Jorge Wagner e Flavio.

No alvirrubro a palavra é recuperação, após vexame em casa diante do Botafogo o time pernambucano sabe que uma derrota praticamente sepulta suas chances de acesso em 2015 e por isso a equipe de Dal Pozo deve vim fechada e buscar explorar os contra ataques, chances do leão pressionar e buscar o gol desde o inicio, marcando o Vitória encontrará espaços para jogar com mais tranqüilidade e surpreender o timbu.

A expectativa é de publico superior aos 25 mil no Barradão hoje empurrando o rubro negro que quer manter a invencibilidade que já duram 09 jogos e o tabu de 14 anos sem perder do Náutico em casa.

FICHA TÉCNICA

Vitória x Náutico

Série B – 33ª rodada

Local: Estádio Manoel Barradas, em Salvador

Data: 31/10/2015

Horário: 16h10 (da Bahia)

Árbitro: Rodrigo Alonso Ferreira (SC)

Auxiliares: Rosnei Hoffmann Scherer (SC) e José Roberto Larroyd (SC)

 

Vitória: Júnior Gatito; Diogo Mateus, Ramon, Kanu e Diego Renan; Amaral, Pedro Ken, Escudero e Rhayner; Vander e Elton. Técnico: Vagner Mancini.
Náutico:  Júlio César; Rafael Pereira, Fabiano Eller, Ronaldo Alves e Fillipe Souto; João Ananias, Jackson Caucaia, Willian Magrão e Biteco; Hiltinho e Bergson (Daniel Morais). Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

[BAVI-BAHIA 1X3 VITÓRIA] O leão mostra mais uma vez quem manda na Fonte Nova!


bahia 1x3 VITÓRIA BAVI

O Vitória continua a passear na Arena Fonte Nova, não importa o quanto os torcedores e até jogadores do rival vociferem os números mostram quem é o verdadeiro dono do estádio, mais um triunfo e o rubro negro passa 2015 invicto nos clássicos 2 triunfos e 1 empate e o 3×1 de hoje ainda sacramentou a 100ª partida de Vagner Mancini comandando o Leão em 3 passagens pelo clube.

O BAVI

Estádio lotado, festa nas arquibancadas e aos 15 segundos gol do Bahia num vacilo total de todo o time do Vitória que ainda não havia percebido que o arbitro já havia iniciado a partida, bola tocada de pé em pé, marcação frouxa e Kieza apareceu livre para fazer Bahia 1×0. A unica coisa que não deveria ocorrer, o único fator  que poderia tirar o triunfo do Vitória era realmente sofrer um gol logo no inicio mas o time foi maduro e conseguiria reverter.

Com 1×0 no placar o rubro negro parecia nervoso, errava muitos passes e não conseguia criar, era o momento do rival aproveitar mas eles adotaram uma postura errada e custou caro, ao tentar buscar os contra ataques o Bahia levou o leão ao ataque, porém foi num contra ataque fulminante que Escudero empatou o jogo aos 28 minutos do 1º tempo, a jogada foi iniciada pelo próprio argentino que recebeu antes do meio e tocou rápido e avançou por trás da defesa para pegar o rebote de Douglas Pires, após conclusão de Elton no lançamento de Diogo Matheus, 1×1 e o domínio do Vitória começa a ficar mais claro.

Finalzinho do segundo tempo e o lance que definiu completamente a partida, Kieza meteu a mão na bola e fez o gol, bem anulado por Leandro Pedro Vuaden que aplicou o segundo cartão amarelo e expulsou o camisa 9 do Bahia, confusão em campo, muita reclamação e parece que nos vestiários  da fonte a coisa ficou quente e isso desestabilizou ainda mais o rival.

O Vitória com um a mais voltou soberano para o segundo tempo, comandava as ações e buscava o gol e após cobrança de escanteio de Escudero a bola foi cabeceada na área e ficou livre para Rhayner que chutou estranho mas marcou o segundo, Bahia 1 x 2 Vitória. Tudo que o Vitória queria, com placar e quantidade numérica vantajosa, o leão passou a administrar e só não sacramentou logo por que o bandeira anulou corretamente o gol de Elton de cabeça.

O Bahia até que tentava mas esbarrava em Ramon e Gatito e nesse momento Mancini já percebendo a queda de rendimento fez mudanças na equipe para garantir os 3 pontos e quando parecia que o Vitória não tinha mais pretensões, tocando a bola pro lado e pro outro, eis que Diego Renan toca para Elton que lindamente fazo pivô e de calcanhar toca na entrada da área o lateral do Vitória dá um chutaço que toca na trave e morre no fundo das redes sacramentando o triunfo do Vitória.

Após o terceiro, a expectativa era de mais gols e mais uma goleada na Arena, porém o rubro negro não estava com tanto apetite e fez apenas gastar o tempo como rival fragilizado em campo e a torcida de 4 mil rubro negros calando 33 mil tricolores na Arena FONTE NOSSA!

O vitória diminuiu para 4 pontos a distância para o Botafogo na briga pelo título, aumentou a distância para o quinto colocado o próprio Bahia em 5 pontos e terá mais duas partidas em casa para consolidar o retorno a primeira divisão.

 

SÉRIE B – 29ª RODADA
Bahia 1 x 3 Vitória
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Horário: 16h30
Gols: Kieza, Escudero, Rhayner e Diego Renan
Cartões amarelos: Amaral, Diogo Mateus e Ramon (Vitória). Kieza, Maxi, Tiago Real e Yuri (Bahia)
Cartões vermelhos: Kieza
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden
Assistentes: Marcelo Bertanha Barison e Carlos Henrique Selbach
Bahia: Douglas Pires; Railan, Robson, Gustavo e João Paulo; Yuri, Paulinho Dias (Souza), Tiago Real e Eduardo(João Paulo Penha); Maxi Biancucchi e Kieza. Técnico: Sérgio Soares
Vitória: Gatito; Diogo Mateus, Kanu, Ramon e Diego Renan; Amaral, Pedro Ken, Vander, Rhayner (David) e Escudero (Jorge Wagner); Elton. Técnico: Vagner Mancini.

[BAHIA X VITÓRIA] Clássico quente com clima de decisão!


bahia x VITÓRIA BAVI

Bem diferente do ultimo encontro quando goleou por 4×1 no Barradão. O Vitória chega ao clássico com moral, antes desanimado e em crise pelas eliminações do primeiro semestre, agora o rubro negro enfrenta o rival com a expectativa de se consolidar no G-4 e diminuir a distância para o líder Botafogo e de quebra instaurar uma possível crise no tricolor que por sua vez tenta ganhar novo folego na competição, já que vive um momento de grande instabilidade e perder hoje sacramenta sua saída do grupo dos 4 e pode ocasionar a demissão do treinador Sergio Soares.

O Vitória esta na segunda colocação com 49 pontos e 14 Vitórias, triunfando  abrirá 5 pontos e terá 3 triunfos a mais nos critérios de desempate do que o 5º colocado o proprio Bahia que possui  47 pontos e 12 Vitórias. O Bahia busca passar o rival, fato poucas vezes conseguidas nesse brasileiro, triunfando voltaria ao G-4 e ainda ficaria com 1 ponto de vantagem do rubro negro, dando o gás que eles precisam para encarar essa reta final.

Sem muitos mistérios o Vitória de Vagner Mancini esta escalado e a única ausência é do zagueiro Guilherme Mattis que foi expulso polêmicamente no ultimo jogo, recuperado Diogo Matteus deve reassumir a lateral direita e Diego Renan volta a esquerda no lugar de Euller e a provavél escalação deverá ser: Júnior Gatito, Diego Renan, Kanu, Ramon e Euller; Amaral, Pedro Ken, Escudero e Rhayner; David e Elton.

Já no time de Itinga existe a briga na zaga entre Robson e Jailton e a dupla de ataque mesmo com tanto suspense deverá ser mesmo Kieza e Maxi Biancucchi que ao longo da semana se queixaram de dores mas treinaram normalmente no ultimo coletivo da semana, com isso o Bahia deverá is a campo com: Douglas Pires; Railan, Robson (Jailton), Gustavo e João Paulo;  Yuri, Paulinho Dias, Tiago Real e Eduardo; Zé Roberto (Maxi) e Kieza.

Estratégias: Enquanto o Bahia deverá atuar buscando fechar os espaços e adiantando a marcação, o Vitória deverá usar a velocidade de Diogo e Rhayner e também a forte bola parada de Escudero, o rubro negro deverá tomar as iniciativas enquanto o tricolor tentará sair em contra ataque.

Publico recorde na Fonte Nova e uma grande festa com toda certeza das torcidas no maior clássico do norte-nordeste um dos maiores do Brasil e porque não dizer do mundo. A beleza e rivalidade de um BAVI é inexplicavél e contagiante, já perdi as contas de quantos assisti, só tenho a certeza que sorri muito mais do que chorei e espero hoje comemorar mais uma vez e como sempre deixo uma provocação aos meus amigos tricolores, repetirei a frase do ultimo clássico: É na Fonte Nova!HAHAHA então menos de 5 eu nem comemoro!

PEGA LEÃO!

[ATLÉTICO GO X VITÓRIA] Duelo com objetivos distintos!


ATLETICO GO X VITÓRIA

 

O Vitória vai a Goiânaia enfrentar o Atlético GO com o objetivo de vencer se manter no G-4, se afastar dos concorrentes e não permitir que o Botafogo se desgarre, para isso o treinador Vagner Mancini espera que o time tenha a mesma postura do primeiro tempo contra o Criciúma na ultima terça.

 

Com desfalques importantes, Mancini foi obrigado a mexer na equipe ainda sem contar com Escudero, Fernando Miguel e Elton e agora sem o polivalente Rhayner, Diego Renan e Amaral ele aposta em Euller, Vander e Marcelo basta saber se o ultimo será o da base ou Mattos.

 

Gilberto Pereira também teve problemas para escalar o dragão, com 4 desfalques ele chamou Eron e Juninho para o lugar de Tarracha e Willie que pertencem ao Vitória, Éder e Arthur também ganharam oportunidade e figuram entre os 11 que enfrentam o Leão no Serra Dourada.

 

O Vitória busca se manter no G-4 e ter uma sequência positiva, já o Atlético GO quer se afastar da zona de degola, mesmo sem a possibilidade de entrar no Z-4 o treinador Gilberto diz que o time precisa equilibrar transpiração e inspiração e não deixar que o Ceará que vem numa crescente no segundo turno chegar.

 

 

 

FICHA TÉCNICA

Atlético-GO x Vitória

Série B – 25ª rodada

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)

Data: 12 de setembro de 2015, sábado

Horário: 16h30

Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF)

Assistentes: Jose Reinaldo Nascimento Junior (DF) e Lucas Torquato Guerra (DF)
Atlético-GO: Márcio; Éder Sciola, Rafael, Samuel e Eron; Feijão, Pedro Bambu, Jorginho e Washington; Juninho e Arthur. Técnico: Gilberto Pereira
Vitória: Gatito Jr; Diogo Mateus, Guilherme Mattis, Ramon e Euller; Marcelo Mattos (Marcelo), Flávio, Pedro Ken e David; Vander (Jorge Wagner) e Rafaelson. Técnico: Vágner Mancini.

[CRICIÚMA 2X3 VITÓRIA] Leão vence duelo emocionante contra o Tigre e se mantém no G-4


CRICIUMA 2 X 3 VITÓRIA

FICHA TÉCNICA
Criciúma 2 x 3 Vitória
Série B – 24ª rodada
Local: Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma
Data: 08/09/2015´
Horário: 19h
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias  Araújo (CBF-SP)
Assistentes: Daniel Cotrim de Carvalho (CBF-PR) e  Diogo Morais (CBF-PR).
Cartões amarelos: Guilherme Mattis , Diego Renan, Amaral e Rhayner (Vitória); Natan e Marcão (Criciúma)
Cartão vermelho: Marcão
Gols: Rhayner 2 x e Vander (Vitória); Roger Guedes e Wanderson (Criciúma)
Criciúma:Luiz; Jonas, Wanderson, Willian Rocha, Guilherme Santos; Wellington, Marcão, Natan (Douglas Moreira); Lucca, Neto Baiano e Jefferson (Roger Guedes) Técnico:Petkovic.

Vitória: Júnior Gatito; Diogo Mateus, Guilherme Mattis, Ramon, Diego Renan; Amaral, Flávio (Euller), Pedro Ken (Jorge Wagner, David (Vander); Rhayner e Rafaelson. Técnico: Vagner Mancini.

[BRAGANTINO X VITÓRIA] Sorte e competência de campeão!


BRAGANTINO X VITÓRIA

 

Nas ultimas duas rodadas o Vitória contou com a sorte para se manter na liderança do brasileiro, mas agora chegou a hora do rubro negro demonstrar competência, mesmo com os desfalques o time de Mancini terá de vencer e mostrar porque chegou ao topo da competição.

 

O Vitória não contará com Pedro Ken, Escudero, Fernando Miguel, Ramon, Elton e Rhayner é duvida, a lista é extensa mas time que quer ser campeão tem que superar os obstaculos e dificuldades e vencer seus advérsarios, embora o leão tenha tido dificuldades quando depende dos seus reservas na competição, essa é a hora de Kanu, Jorge Wagner, Robert e Vander mostrarem que possuem condições de brigar por vaga que são peças importantes no elenco.

 

O Bragantino esta na décima colocação com 28 pontos e 44% de aproveitamento, Mancini tem que dar atenção especial a Alan Mineiro pois demonstra habilidade e inteligência e aproveitar os espaços da zaga que já levou 31 gols até aqui na competição para chegar ao triunfo, em casa o Braga é um time chato, mas o Leão que é o melhor visitante esta pressionado e precida de mais 3 pontos longe do Barradão para continuar no topo e ir para decisão com o Botafogo sábado mais tranquilo.

 

BRAGANTINO X VITÓRIA

Serie B – 22ª rodada

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Data: 01/09/2015

Horário: 20h30

Árbitro: Diego Almeida Real (CBF-RS)

Assistentes: Carlos Henrique Selbach (CBF-RS) e Alexandre Pruinelli Kleiniche (CBF-RS)
Bragantino: Douglas; Alemão, Leandro Silva, Luan e Gilberto; Edson Sitta, Jocinei, Alan Mineiro e Chico; Rodolfo e Jobinho. Técnico: Wagner Lopes.
Vitória: Júnior Gatito; Diogo Mateus, Kanu, Guilherme Mattis e Diego Renan; Marcelo Mattos, Flávio, Jorge Wagner e David; Rhayner (Vander) e Robert. Técnico: Vagner Mancini.

[VITÓRIA X OESTE] É hora de criar gordura


VITÓRIA X OESTE

O Vitória contou com a sorte para manter a liderança da série B na ultima rodada, quando perdeu mas foi beneficiado pelos insucessos dos adversários, hoje em casa o rubro negro quer voltar a vencer e quem sabe adquirir uma vantagem maior, a chamada gordurinha para ter um pouco de tranquilidade na competição, diante do Oeste o time comandado por Mancini tentará repetir o primeiro turno quando se recuperou de um réves diante da equipe de Roberto Cavalo.

Com o retorno do seu principal jogador Damian Ariel Escudero, e também com Diogo Mateus voltando a lateral, o Vitória ainda não terá força máxima mas ganha bons reforços, Mancini ainda não poderá contar com Fernando Miguel, Mattis e Pedro Ken.

O Oeste vem de empate em casa com o ABC e figurá na parte média da tabela com 27 pontos na 12ª colocação, tem como treinador o ídolo rubro negro Roberto Cavalo e conta com o experiente Fernandinho na lateral esquerda.

Para triunfar o leão terá que superar o bloqueio adversário, o Oeste deverá buscar o contra ataque, a chamada bola do jogo, buscar explorar os erros, por isso o Vitória terá que ter muita atenção, acertar os passes e aproveitar as chances logo no inicio para que assim o adversário possa adotar uma postura mais ofensiva e os espaços surjam, jogadas rápidas pelas laterais com Diogo e Diego, Rhayner e Escudero serão imprescindíveis para o triunfo, outro fator importante é a presença e apoio do torcedor rubro negro que deve comparecer em bom numero para empurrar o Leão a mais um triunfo rumo a primeira divisão.

 

FICHA TÉCNICA

Vitória x Oeste

Série B – 21ª rodada

Local: Estádio Manoel Barradas, em Salvador

Data: 25/08/2015

Horário: 19h

Árbitro: Leandro Saraiva Dantas de Oliveira (RN)

Assistentes: Luís Carlos Câmara Bezerra (RN) e Lorival Cândido Flores (RN)
Vitória: Júnior Gatito; Diogo Mateus, Kanu, Ramon e Diego Renan; Marcelo Mattos, Flávio, Escudero e David; Rhayner e Elton. Técnico: Vagner Mancini.

 

Oeste: Jeferson; Weldinho, Halisson, Ligger e Fernandinho; Leandro Mello, Elivélton, Renato Xavier e Patrick Silva; Wagninho e Júnior Negão. Técnico: Roberto Carvalo

 

[SAMPAIO CORRÊA X VITÓRIA} Não é uma questão de vingança, é uma questão de liderança!


gh

O Vitória dá inicio hoje a sua caminhada no returno do brasileiro como o time a ser batido, muito diferente do inicio da competição quando perdeu para o Sampaio Corrêa em pleno Barradão e estava mergulhado em crise, 19 rodadas depois o Leão busca vencer o advérsario e demonstrar que realmente o momento é outro e que embora alguns estejam falando em vingança, para o rubro negro a motivação é a liderança.

Com muitos desfalques na equipe Mancini teve que promover alterações forçadas, sem contar com Escudero, Fernando Miguel, Mattis, Diogo Mateus e Pedro Ken o Vitória vai ter que mostrar agora que tem um elenco, um grupo e não apenas 11 titulares que o levaram ao topo, o jogo é complicado no castelão mas essa é a hora de se consolidar e para isso os 3 pontos são mais que necessarios.

O Sampaio esta atualmente na 6ª colocação e sonha em voltar ao G-4 para isso precisa vencer em casa, com 31 pontos, apenas 2 o separando do Bahia quarto colocado, a equipe de Léo Condé afirma que não irá se defender mas buscará atacar, ataque este que já marcou 27 gols no brasileiro e é perigosissimo, mas ai estará também o trunfo de Mancini, os espaços gerados pela ofensividade adversaria permitirá ao Vitória surpreender com os contra ataques rapidos puxados por Rhayner e Deivid e também o lateral rapido Euller e com isso liquidar a partida.

O Vitória tem 37 pontos, lidera a competição tem o melhor ataque da série B.

FICHA TÉCNICA

Sampaio Corrêa x Vitória

Série B – 20ª rodada

Local: Castelão, em São Luís (MA)

Data: 22/08/2015

Horário: 16h30

Árbitro: Francisco de Paula dos Santos Silva (RS)

Assistentes: Jesmar Benedito Miranda de Paula (GO) e Edson Antônio de Sousa (GO)

 

Sampaio Corrêa: Rodrigo; Daniel Damião, Luiz Otávio, Plínio e Willian Simões; Dê, Léo Salino e Diones; Edgar, Pimentinha e Douglas. Técnico: Léo Condé.

 

Vitória:  Júnior Gatito; Diego Renan, Kanu, Ramon e Euller; Marcelo Mattos, Flávio, Jorge Wagner e David; Rhayner e Elton. Técnico: Vagner Mancini.