Bahia x Vitória O grande clássico Raiz


A dupla BAVI volta a se encontrar pra mais um clássico mas desta vez existe algo diferente, vintage, retrô, a volta dá torcida raiz, e que nunca deveria ter sido extinta, é o retorno dá área reservada a torcida mista.

Para quem nasceu nos anos 2000 é difícil entender a emoção, o entusiasmo dos noventistas de um jogo Bahia x Vitória com torcida mista, isso tem muito haver com as guerras protagonizadas por organizadas que copiaram tudo que não presta dos Hooligans mas chegou a hora de lhes apresentar o que é torcer de verdade, o que é entrar na Fonte juntos, provocando, sentando lado a lado e sair com aquele sarro legal que somente os baianos tem.

Hoje será um BAVI sem dúvida diferente dos últimos 10 anos e que além de um bom futebol, possamos nos encantar com a festa das torcidas em paz e após o jogo que independente de quem vença sabemos que será o leão, vamos curtir com toda paz!

O técnico Argel Fucks divulgou antecipado a escalação e o único nome que não concordo é de Geferson, Euller vem tendo boas atuações e merece a titularidade. No primeiro BAVI dele mesmo já classificado em primeiro, Fucks vai com time titular e sabe dá importância, histórica dá partida e quer manter os 100%.

Guto Ferreira o que chama o Vitória de rival, e durante a semana levantou questionamento s sobre arbitragem, fez treino secreto e não divulgou a equipe mas a verdade é que não há muito que esconder.

TÉCNICA
Bahia x Vitória
Campeonato Baiano – 10ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 09/04/2017
Horário: 16h
Árbitro: Jailson Macedo Freitas
Assistentes: Carlos Eduardo Bregalda Gussen e Elicarlos Franco de Oliveira
Bahia: Anderson; Eduardo, Tiago, Éder e Armero; Edson (Renê Júnior), Juninho e Régis; Allione, Edigar Junio e Hernane. Técnico: Guto Ferreira
Vitória: Fernando Miguel; Patric, Kanu, Alan Costa e Geferson; Willian Farias,  José Welison, Cleiton Xavier  e Gabriel Xavier; David e Kieza. Técnico: Argel Fucks
Anúncios

[BAHIA X VITÓRIA] Leão com vantagem para ficar com título do baiano!


VITÓRIA X BAHIA

O Vitória se acostumou a ganhar o campeonato baiano nas ultimas 3 décadas, situação que deixou o Leão e sua torcida bem desconfortável com o fato de estar a 2anos sem ganhar a competição, agora com vantagem e amplo tabu em cima do rival, a expectativa é da retomada da hegemonia.

Mancini leva a campo o mesmo time que venceu o BAVI no ultimo domingo por 2×0 no Barradão, mesmo “recuperados” Dagoberto, Fernando Miguel e Tiago Real iniciam no banco e poderão reforçar a equipe no decorrer do jogo.

No time de Doriva a expectativa é de mudança de formação com Thiago Ribeiro mais avançado próximo a Hernane e mais aberto no meio buscando pressionar o Vitória nos minutos iniciais, o que deve gerar espaços para os contra ataques rápidos puxados por Leandro Domingues, Vander e Marinho e essa deve ser a maior arma rubra negra na tarde de hoje.

Recheado de provocações o BAVI viverá novamente hoje mais um capitulo de sua história, as torcidas se alfinetam mas tudo na paz e nos bastidores os presidentes também resolveram promover “tretas” domingo passado o Vitória provocou o Bahia no telão do estádio do Barradão, o Bahia promete o troco e com tudo isso o folclore do BAVI continua forte e mostra porque esse confronto é especial e apaixonante.

NÚMEROS

O Vitória pode perder pela diferença de um gol que fica com o título

O Leão esta a 8 clássicos mais de dois anos sem perder para o rival

Já ocorreram 12 BAVIs dia das mães com 6 triunfos do Vitória, 3 empates e 3 derrotas

O Bahia nunca na história conseguiu reverter à vantagem do Vitória no segundo jogo

Diego Renan,Vander,Caique e o presidente Raimundo Viana nunca perderam para o rival, Já Marcelo Santana presidente do Bahia nunca venceu o clássico

FICHA TÉCNICA

Bahia x Vitória

Campeonato Baiano (2º jogo da final)

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador

Data: 08/05/2015

Horário: 16h

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS)

Assistentes: Bruno Raphael Pires (Fifa-GO) e Luiz Cláudio Regazone (Asp. Fifa-RJ)

Bahia: Marcelo Lomba; Tinga, Lucas Fonseca, Éder e Moisés; Feijão, Paulo Roberto, Danilo Pires e João Paulo Gomes; Thiago Ribeiro e Hernane . Técnico: Doriva.

Vitória: Caíque; José Welison, Victor Ramos, Ramon e Diego Renan; Amaral, Willian Farias e Leandro Domingues; Vander, Marinho e Kieza. Técnico: Vagner Mancini.

[BAHIA X VITÓRIA] Clássico quente com clima de decisão!


bahia x VITÓRIA BAVI

Bem diferente do ultimo encontro quando goleou por 4×1 no Barradão. O Vitória chega ao clássico com moral, antes desanimado e em crise pelas eliminações do primeiro semestre, agora o rubro negro enfrenta o rival com a expectativa de se consolidar no G-4 e diminuir a distância para o líder Botafogo e de quebra instaurar uma possível crise no tricolor que por sua vez tenta ganhar novo folego na competição, já que vive um momento de grande instabilidade e perder hoje sacramenta sua saída do grupo dos 4 e pode ocasionar a demissão do treinador Sergio Soares.

O Vitória esta na segunda colocação com 49 pontos e 14 Vitórias, triunfando  abrirá 5 pontos e terá 3 triunfos a mais nos critérios de desempate do que o 5º colocado o proprio Bahia que possui  47 pontos e 12 Vitórias. O Bahia busca passar o rival, fato poucas vezes conseguidas nesse brasileiro, triunfando voltaria ao G-4 e ainda ficaria com 1 ponto de vantagem do rubro negro, dando o gás que eles precisam para encarar essa reta final.

Sem muitos mistérios o Vitória de Vagner Mancini esta escalado e a única ausência é do zagueiro Guilherme Mattis que foi expulso polêmicamente no ultimo jogo, recuperado Diogo Matteus deve reassumir a lateral direita e Diego Renan volta a esquerda no lugar de Euller e a provavél escalação deverá ser: Júnior Gatito, Diego Renan, Kanu, Ramon e Euller; Amaral, Pedro Ken, Escudero e Rhayner; David e Elton.

Já no time de Itinga existe a briga na zaga entre Robson e Jailton e a dupla de ataque mesmo com tanto suspense deverá ser mesmo Kieza e Maxi Biancucchi que ao longo da semana se queixaram de dores mas treinaram normalmente no ultimo coletivo da semana, com isso o Bahia deverá is a campo com: Douglas Pires; Railan, Robson (Jailton), Gustavo e João Paulo;  Yuri, Paulinho Dias, Tiago Real e Eduardo; Zé Roberto (Maxi) e Kieza.

Estratégias: Enquanto o Bahia deverá atuar buscando fechar os espaços e adiantando a marcação, o Vitória deverá usar a velocidade de Diogo e Rhayner e também a forte bola parada de Escudero, o rubro negro deverá tomar as iniciativas enquanto o tricolor tentará sair em contra ataque.

Publico recorde na Fonte Nova e uma grande festa com toda certeza das torcidas no maior clássico do norte-nordeste um dos maiores do Brasil e porque não dizer do mundo. A beleza e rivalidade de um BAVI é inexplicavél e contagiante, já perdi as contas de quantos assisti, só tenho a certeza que sorri muito mais do que chorei e espero hoje comemorar mais uma vez e como sempre deixo uma provocação aos meus amigos tricolores, repetirei a frase do ultimo clássico: É na Fonte Nova!HAHAHA então menos de 5 eu nem comemoro!

PEGA LEÃO!

[BAHIA X VITÓRIA] Agora é hora de decisão!


bahia x vitória campeonato baiano 2014

O DIA 06/04 PARA O VITÓRIA

– Nessa data, em 1997, o Rubro Negro vencia o BaVi na antiga Fonte Nova por 4 a 2. Com gols maravilhosos de jogadores como: Bebeto Gama, Ueslei e Agnaldo Capacete.

Foi um BaVi eletrizante, com uma Fonte Nova praticamente lotada. Mais de 75.000 pagantes (infelizmente nunca mais teremos um publico desse em BaVi) presenciaram um jogão de bola. Eu estava lá e vibrei com mais um momento mágico do Rubro Negro, goleamos o nosso rival, nesse jogo que assim como hoje, foi o 1º jogo da Final (só que naquele ano foi final do 1º turno).

Esse foi o único BaVi realizado nessa data. Espero que hoje se repita o triunfo, de preferência de goleada (se não golearmos, tá bom também)

Ah! e amanhã completa exatos um ano do 5 a 1 qua aplicamos no Jahia, na inauguração da Arena Fonte Nova.

Veja a ficha dos 4 a 2 que enfiamos no dia 06/04/1997:

Jahia 2 x 4 Vitória (06/04/1997, Fonte Nova)
Competição: Final do 1º Turno do Baiano de 97
Gols: Edmundo e Odemílson (Bah);
Bebeto Gama, Flávio Tanajura, Úeslei e Agnaldo (Vit)
Público: 75.044
Vitória: Nílson, Russo, Flávio, Júnior Tuchê e Esquerdinha; Preto Casgrande,, Bebeto Campos, Gil Baiano (Uéslei) e Chiquinho (Emerson); Bebeto Gama (Humberto) e Agnaldo
Técnico: Arturzinho

E veja os gols:

http://www.youtube.com/watch?v=6AknaA_VNzI

HISTORICO

FICHA TÉCNICA

Bahia x Vitória 
Campeonato Baiano – 1º jogo da final
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 06/04/2014
Horário: 16h
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (FIFA-GO)
Auxiliares: Fabrício Vilarinho (FIFA-GO) e Bruno Boschilla (FIFA-PR)
Bahia: Marcelo Lomba; Diego, Demerson, Titi e Pará (Guilherme Santos); Fahel, Uelliton, Pittoni, Lincoln e Rhayner;  Anderson Talisca. Técnico: Marquinhos Santos.

Vitória: Wilson; Ayrton, Matheus Salustiano, Rodrigo Defendi e Mansur; José Welison, Cáceres, Juan e Hugo; Souza e William Henrique. Técnico: Ney Franco.

[BAHIA X VITÓRIA] Clássico BAVI terá que superar a desconfiança


BAVI BAHIA X VITÓRIA

As humilhações impostas ao rival Bahia em 2013 deu a sensação  de que o Vitória teria que buscar um novo arqui-inimigo, alguém que realmente pudesse impor algum tipo de respeito, pois é notória a superioridade rubro negra nas duas ultimas décadas, tanto que nos anos 2000, o placar de conquistas esta em 9×1 para o leão.

Agora o clássico vive outro problema, a desconfiança da qualidade técnica, com os times jogando um futebol bem medíocre, as torcidas estão desconfiadas, não esta existindo a velha pirraça tradicional pré-jogo e nada parece chamar a atenção nesse BAVI, há quem diga que é um clássico que não vale nada, consideração que antes seria vista como loucura.

No Vitória existe a preocupação de mostrar que pode ser um time sem Escudero, desde o brasileiro, quando El mito sai o time sucumbi, o rendimento com o camisa 11 é ótimo, sem ele cai vertiginosamente e preocupa.

No Bahia a expectativa é de que Talisca esteja em um dia iluminado, e que Lomba opere seus milagres, pois o restante do time é visto com muita desconfiança, quem também sofre com grande pressão é o técnico Marquinhos Santos que a cada revés fica sob ameaça de demissão,  para tentar salvar seu cargo ele promoverá a estreia do recém chegado Diego Macedo e deve escalar o jovem Jean da divisão de base no ataque.

Mesmo sem um futebol encantador, a verdade é que o Vitória é mais eficiente que o Bahia, além disso o leão é líder invicto do campeonato baiano e buscará manter a invencibilidade e vencer o rival na Arena Fon73 Nova.

FICHA TÉCNICA
BAHIA X VITÓRIA
Campeonato Baiano – 17ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 23/03/2014
Horário: 16h
Árbitro:  Manoel Nunes Lopo Garrido (BA)
Auxiliares:  Adson Marcio Lopes Leal (BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA)
Bahia: Marcelo Lomba; Diego Macedo, Demerson, Titi e Guilherme Santos; Uelliton, Pittoni, Lincoln, Talisca e Rhayner; Jeam. Técnico: Marquinhos Santos
Vitória: Wilson; Ayrton, Rodrigo Defendi, Luiz Gustavo e Mansur; José Welison, Cáceres e Felipe [Mauri]; Marquinhos, Alan Pinheiro [Marcelo] e Dinei. Técnico: Ney Franco.

Um BAVI nivelado por baixo


vitoria_bahia_ae_erikabel_15

A dupla BAVI vem praticando um futebol extremamente decepcionante, com poucos destaques positivos, poderia até resumir com Wellison no rubro negro e Talisca no tricolor, o resto, é um clássico nivelado por baixo, sem grandes expectativas, tanto que a procura por ingressos, esta muito abaixo da normalidade.

Não me recordo quando vivenciei uma véspera de BAVI tão ameno, sem as típicas provocações, sem aquele friozinho na barriga, esta parecendo só mais um jogo, e  é claro que bater nas sardinhas nunca pode ser visto desta forma.

Até os ingredientes que poderiam fazer ferver esse BAVI parecem ter desandado, Maxi machucado(MIGUÉ), Uelliton com péssimo futebol, Souza indo pro jogo mas no banco, El mito Escudero machucado, empates sem graça contra equipes fracas, treinadores em momentos questionáveis e sem um cara em que se possa olhar pro campo e dizer: ESSE RESOLVE!

A verdade é que o Leão vencerá rsrsrsr, mas mesmo assim até agora nada tem me motivado nesse BAVI, ainda espero algo bombástico, um fato novo que apimente o clássico, cadê Neto Polêmico Artilheiro do Brasil Baiano quando precisamos dele?

É amigos, se algo não acontecer até domingo, estamos fadados a um BAVI semelhante ao primeiro, insosso, sem torcida, sem time, sem vibração… Deus salve o clássico BAVI.

 

[Bahia x Vitória] Vencer e continuar na briga rumo ao G-4


BAHIA X VITÓRIA

O leão continua na perseguição a vaga no g-4 e para isso tem que entrar focado e vencer o rival na Arena Fonte Nova (ARENA 51, ARENA FONTE NOSSA e etc). A expectativa é que o rubro negro mantenha a freguesia, sem perder para o Itinga a mais de 10 anos no estádio, com mais de 2 anos sem perder BAVI, com várias surras aplicadas este ano (5×1,7×3,3×0), agora o Leão tem ainda mais um motivo para atropelar geral.

Com os desfalques de Escudero, Ayrton e Maxi Biancucchi de quem se tinha a expectativa de retorno, Ney Franco não contou conversa e promoveu o retorno de Michel, deslocando Luiz Gustavo para lateral direita e colocando o jovem Leílson no meio campo pelo lado esquerdo, o Vitória vai manter o esquema que vem dando certo e espera voltar logo ao caminho dos triunfos e embalar novamente uma grande sequência sem derrotas.

Do lado de lá é só desespero!

A torcida do Bahia mesmo com maior numero de ingressos, deve ser novamente minoria no estádio, desconfiados os tricolores não estão tão animados com o mando de campo, para completar, a Bamor já avisou que não vai a fonte, Feijão declarou que tem raiva do Vitória e a diretoria afastou o jogador Souza. Calma, não precisva demonstrar tanto medo, queremos respeito, reajam, demonstrem um mínimo de hombridade, pelo menos finjam que serão competitivos, tenho que dizer, procura-se um rival.

Tudo efeito que o rubro negro provoca do outro lado, mas não adianta correr, chegou a hora de mais uma porrada.

Vitória: Wilson, Luiz Gustavo, Victor Ramos, Kadu, Juan, Michel,Cáceres, Renato Cajá, Leilson, Marquinhos, Dinei

Bahia: Marcelo Lomba: Madson, Rafael Donato, Lucas Fonseca, Fahel, Feijão, Diones, Helder, Marquinhos Gabriel, Wallyson, Fernandão

Saiba tudo sobre o Nordestão!

https://valmerson.wordpress.com/2013/10/08/copa-do-nordeste-definido-o-caminho-do-vitoria-rumo-ao-hexa/

[BAHIA X VITÓRIA] O Leão é favorito e ponto final


BAHIA X VITÓRIA

Sem muita historinha, ou discursos politicamente correto e vazio, o Vitória é o favorito a vencer o BAVI e conquistar o título do campeonato baiano 2013, e não é difícil chegar a essa conclusão, os números são totalmente favoráveis ao rubro negro que fez a melhor campanha, tem a vantagem de dois resultados iguais e ainda defende alguns Tabus.

O Vitória não perde para o Bahia a cerca de 2 anos, sendo 6 jogos com 3 triunfos do Leão e 3 empates.

O Vitória ganhou o ultimo 6 BAVIs da Fonte Nova.

O Vitória ganhou todos os BAVIs da Arena Fonte Nova.

Se tudo isso não bastasse a analise dos elencos dos times, mostra uma superioridade técnica do Vitória, mas é claro que tudo isso não ganha jogo e ainda mais em se tratando de clássico, porém o rubro negro precisa sim tomar a postura de favorito e atropelar no BAVI, só o status não basta, é preciso traduzir tudo isso quando se estiver em campo.

OS PROBLEMAS DO VITÓRIA PARA O BAVI

A semana foi complicada para o treinador Caio Junior, o departamento medico do clube andou muito lotado, e para piorar com pacientes importantes, Renato Cajá, Escudero e Mansur não serão problema, mas Luis Alberto já esta descartado, a duvida agora é na lateral direita, Nino foi relacionado mas segue em tratamento intensivo e muitos já descartam a possibilidade do atleta jogar, Cáceres ou Gabriel Paulista devem ser improvisados no setor.

FICHA TÉCNICA

Campeonato Baiano – final

BAHIA X VITÓRIA

Local: ARENA FONTE NOVA (BA).

Data: domingo, 12 de maio.

Horário: 16h.

Bahia: Marcelo Lomba; Pablo, Demerson, Titi e Magal; Toró, Fahel, Diones e Talisca; Zé Roberto e Fernandão. Técnico Joel Santana.
Vitória: Deola; Nino Paraíba(Gabriel Paulista), Victor Ramos, Fabrício e Mansur; Michel, Cáceres e Escudero, Renato Cajá; Maxi Biancucchi e Dinei. Técnico: Caio Júnior.

[BAHIA X VITÓRIA] O primeiro BAVI da nova Arena Fonte Nova


BAHIA X VITÓRIA

Neste domingo dia 07 de Abril de 2013 o mundo testemunhará mais um fato que entrará para história do ludopédio, independente do placar, se haverá ou não show de bola, o clássico BAVI será profundamente marcado nesse dia e é por isso que todos os olhos estão voltados para partida que tem tudo para ser épica.

O Vitória tem 100% de aproveitamento no campeonato baiano e chega com status de favorito, o que não quer dizer muita coisa, realmente o Leão tem um time mais qualificado no papel, mas quando se trata de clássico, aí é melhor jogar as estatísticas no lixo e aguardar para ver o que acontecerá, mas é claro que confio no triunfo do rubro-negro.

Do lado tricolor a ordem é vencer de qualquer maneira para evitar a chegada de uma crise, pois mesmo sendo líder do seu grupo, o Bahia anda muito irregular e só venceu 1 de 3 partidas, perder o BAVI dará ainda a certeza de que o Vitória terá as vantagens nas fases de decisões, o que acabou determinando o campeão dos últimos estaduais.

Uma coisa todo mundo tem certeza, será uma festa linda, um clássico cheio de rivalidades, mas sem violência, será lindo ver Os Imbatíveis assumindo o lugar que um dia foi da lendária Leões da Fiel, ouvir os cânticos de incentivo e provocação e tomará que a celebração do triunfo ao final do jogo.

CANDIDATOS A NOVO ÍDOLO DA NAÇÃO RUBRO-NEGRA!

555772_363281080442861_1211279855_n

Os clássicos tem por costume consagrar novos ídolos, os últimos BAVIs na era da fonte nova Consagraram Nadson e Índio, sendo o primeiro no Barradão, Após o BAVI deste domingo quem será o novo queridinho da torcida do Leão?

Escudero, Victor Ramos, Renato Cajá, Maxi Biancucchi e Dinei entram fortes na disputa, será que algum deles irá conquistar a nação rubro-negra?

ESQUEMA TÁTICO DO VITÓRIA (2)

Escalação do Bahia: Lomba, Neto, Danny Morais, Titi, Magal, Fahel, Diones, Helder, Rosales, Adriano, Obina. Técnico: Jorginho

Escalação do Vitória: Deola, Nino, Gabriel, Victor Ramos, Mansur, Michel, Luis Alberto, Renato Cajá, Escudero, Maxi Biancucchi, Dinei. Técnico: Caio Junior

[Bahia x Vitória] Na Raça e na vontade, pra cima deles Leão!


Parabéns mamães!

Esta é a hora de manter a hegemonia, momento de demonstrar o porque somos o melhor do norte/nordeste e deixar ecoar mais uma vez nos quatro cantos deste Brasil o grito de: É Campeão!

O Vitória vem do seu melhor momento no ano, a cerca de 3 partidas vem demonstrando um futebol vistoso e convencendo os seus torcedores, e nesta final o que esperamos é que o rubro negro repita o que fez com o Botafogo, principalmente no segundo tempo, caso isso ocorra e eu tenho a certeza de que vai ocorrer, a taça mais uma vez será nossa.

Ricardo Silva foi efetivado no cargo na minha opinião numa tentativa da diretoria de estimular ainda mais os atletas que gostam muito do professor, e a verdade é que inexplicavelmente o Vitória cresce em determinados momentos com ele, e para coroar isso, só falta o título. O Vitória treinou secretamente e relacionou 21 jogadores para a conquista que tem tripla responsabilidade, ser campeão e manter a hegemonia, comemorar o aniversario do clube e presentear as mamães rubros negras.

O Vitória esta pronto mas, não confirmado por Ricardo, alguns acreditam em algumas mudanças mas para mim o time vai somente com Romário no lugar Léo machucado, o restante será o mesmo time com: Douglas, Romário, Rodrigo, Victor Ramos, Wellington Saci, Uelliton, Rodrigo Mancha, Pedro Ken, Geovanni, Tartá e Neto Baiano. É verdade que Gabriel pode pintar, mas não creio em Marquinhos ou Dinei entrando de primeira no lugar de Geovanni, e acho até melhor que isso não aconteça, pois Geovanni apesar de não ter atuado bem nas ultimas partidas, tem boas atuações e marca gols em BAVIs e, além disso, ele sai para jogar com qualidade e ainda compõe o meio na hora de defender, como Marquinhos já afirmou que não tem condições de 90 é bom entrar no segundo tempo, e Dinei é uma substituição para mudar o esquema do jogo, é a substituição no momento em que o jogo vai para o tudo ou nada.

Agora querido amigos, quero lhes apresentar com pouquíssimas modificações o texto de Beth Danta ou simplesmente Beth da TUI:

Eu só quero RAÇA!
Entrega total dentro de campo. Bola perdida? Não existe.
Jogando pra frente como tem que ser. Que as cores do manto vermelho e preto sejam honradas por cada um dos 11 que as vestir.
Na arquibancada (no trabalho, ou em casa) darei o meu melhor, cantarei até a garganta sangrar. E se chover? É bom que refresca. E se o sol brilhar? Melhor pra iluminar os caminhos do Leão. Tem essa de clima não!

Eu te amo Vitória e sei que irei vê-lo ser campeão mais uma vez em cima do nosso maior freguês!

PEEEEEEEEEEEGA LEÃOOOOOOOOOOO!

FICHA TÉCNICA

Campeonato Baiano – Final

Bahia x Vitória 

Local: Estádio de Pituaçu, em Salvador (BA).

Data: Domingo, 13 de maio.

Horário: 16h.

Árbitro: Wilson Luiz Seneme (FIFA-SP).

Assistentes: Márcio Eustáquio Santiago (FIFA-MG) e Rodrigo Pereira Jóia (FIFA-RJ).

Bahia: Marcelo Lomba; Madson, Rafael Donato, Titi e Hélder (Gerley); Fahel, Diones, Gabriel, Morais (Fabinho); Lulinha e Souza. Técnico: Paulo Roberto Falcão.

Vitória: Douglas; Romário, Rodrigo, Victor Ramos (Gabriel Paulista) e Wellington Saci; Uelliton, Rodrigo Mancha, Pedro Ken e Tartá; Marquinhos (Dinei) e Neto Baiano. Técnico: Ricardo Silva.