[Vitória 3×1 CRB] LIderança do Rei Leão no brasileirão!


FICHA TÉCNICA
Vitória x CRB
Série B – 13ª rodada
Local: Barradão, em Salvador
Data: 17/07/2015
Horário: 21h50
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Assistentes: Alex Alexandrino e Fabrício Porfírio de Moura (SP)
Cartões: Diogo Mateus, Ramon (Vitória) / Olívio, Gabriel, Glaydson
Gols: Daniel Marques (contra), Elton, Diogo Mateus / Leandro Brasília (CRB)

Público total: 10.896
Renda: R$ 141.781
Vitória: Fernando Miguel; Diogo Mateus, Ramon, Guilherme Mattis e Diego Renan; Amaral, Flávio, Pedro Ken (Rogério) e Escudero; Rhayner (David) e Elton. Técnico:Vagner Mancini
CRB:  Júlio Cesar; Audálio, Daniel Marques (Leandro Brasília), Gabriel e Gleidson Souza; Glaydson Almeida, Olívio, Josa, Danilo Bueno e Cañete; Zé Carlos.Técnico:  Mazola Júnior

Marketing do Vitória planeja construção de Camarote e novo plano de sócios!


Camarote Manoel Barradas

 

MATÉRIA ORIGINAL RETIRADA DO CORREIO DA BAHIA!

Barradão ganhará camarotes entre o gramado e a arquibancada

Além de propiciar modernidade, o espaço vai solucionar um atual problema estético do Barradão, que ficou com uma extensa camada de areia após a troca e relocação do gramado

Antigo, sem conforto, incapaz de atrair o público mais exigente: o Barradão caminha para deixar este presente pra trás. Em fase de elaboração, o estudo de viabilidade para a implantação de camarotes ao redor do gramado ficará pronto em 40 dias.

O CORREIO fez uma projeção visual de como ficariam os futuros camarotes do Barradão. A ideia da diretoria rubro-negra é fazer algo semelhante à Vila Belmiro, estádio do Santos (Foto: Fotomontagem em fotos/CORREIO e Divulgação)

Inspirado no espaço feito pelo Santos na Vila Belmiro, a obra tende a custar entre R$ 1,5 milhão e R$ 2 milhões e tem possibilidade de ser realizada ainda neste ano, a depender da obtenção de verbas e da aceitação da torcida.

O plano é que o projeto tenha um total de 40 camarotes e possa atender até 1,2 mil pessoas – atualmente o único camarote do Barradão, localizado acima das cadeiras, atende apenas 60 pessoas e será ampliado para receber 300.

“A ideia surgiu da necessidade de prover o Barradão de alguns espaços que nos permitam fazer algumas ações com empresas, patrocinadores e também atingir um público que não frequenta o nosso estádio devido ao alto nível de exigência. Não dá pra aceitar o Barradão do jeito que está. Não dá pra adiar isso”, defende o diretor de marketing do Leão, Ricardo David.

Além de propiciar modernidade, o espaço vai solucionar um atual problema estético do Barradão, que ficou com uma extensa camada de areia após a troca e relocação do gramado no início do ano passado. A ideia inicial, de cobrir o local com grama sintética, não saiu do papel pelo custo considerado alto: R$ 400 mil.

“Só pra melhorar a estética, não valia a pena. Considerando que não vamos ter que fazer fundação, já que não tem nenhuma carga em cima do local. É cobrir aquela área com piso. Teríamos esse vidro de alto impacto para aguentar as boladas. É um material importado, já procuramos saber. O resto é alvenaria e acabamento”, explica Ricardo David, engenheiro eletricista de formação, que pretende cobrar um valor bem inferior em relação aos R$ 140 do Lounge Premium da Fonte Nova.

Caso a obra seja realizada antes do fim da Série B, o Vitória teria que jogar na Fonte Nova ou em Pituaçu, onde tem treinado com frequência.

Nova casa
O clube chegou a conversar com a Arena, mas a proposta não agradou. “Eu não consigo fazer essa obra com o time jogando. O torcedor também tem uma certa resistência em jogar na Fonte. Tudo depende também dos recursos e da ideia ganhar força”, comenta Ricardo David. Uma das fontes de receita  seria o patrocínio da Caixa, que está para ser renovado e, coma a confirmação, vai render R$ 6 milhões.

Além da instalação dos camarotes, o Vitória mira, de imediato, reformas nas cantinas e banheiros, problemas crônicos nos jogos com público superior a 10 mil pessoas. O que vai ficar só no campo da ideia será a cobertura do estádio, com orçamentos entre R$ 6 milhões e R$ 15 milhões.

“Nós não temos um estádio com uma arquitetura que propicia a implantação de cobertura. Teríamos que adaptar várias tecnologias. Não será possível nos próximos dois anos”, avalia David.

Novo SMV será lançado em setembro e terá plano de R$ 10

Com a meta de atingir 20 mil sócios até o fim de 2016, o Vitória vai lançar o novo Sou Mais Vitória no início de setembro. Com atuais 4 mil sócios ativos, o clube aposta em algumas novidades para atingir o torcedor rubro-negro em massa. Uma delas será apresentar categorias específicas para crianças, mulheres e idosos.

Mais do que aumentar o número de sócios, o marketing quer os rubro-negros mais integrados ao clube. As mulheres, por exemplo, vão concorrer a clínica de estética em dias de jogos, com serviços de salão de beleza. Já para o público adolescente, ações como jogar videogame com os jogadores na concentração. “Será uma renovação que o objetivo não é mudar nome e valores, mas sim mudar filosofia. Ao torcedor que quiser acessar o universo interno do clube, a chave chama-se ‘sócio’”, argumenta o diretor de marketing do Vitória, Ricardo David.

Outra aposta será o plano de sócio no valor de R$ 10, medida que fez o Palmeiras crescer assustadoramente seu programa de associados neste ano – após a inauguração da Allianz Parque, o time paulista saltou de 32 mil sócios no final de 2014 para atuais 129 mil.

Sem direito a voto e ingresso, no Vitória este associado terá acesso ao clube de vantagens, com promoções em farmácias, supermercados, entre outras empresas parceiras do clube.

A expectativa de sucesso do novo SMV também passa pelo encerramento de uma prática antiga na Toca do Leão: fornecer ingressos às torcidas organizadas. “Acabamos completamente com esses ingressos cedidos. Só contemplamos parceiros e patrocinadores, que pagam por isso. Foi uma transição. Primeiro reduzimos drasticamente os ingressos, agora eles têm uma cota pequena de preço subsidiado”, explica Ricardo. São cerca de 300 ingressos para Os Imbatíveis no valor de R$ 8, menor que o espaço rubro-negro-10, lançado pelo clube e que vai estrear contra o CRB, na sexta.

VITÓRIA 4X1 BAHIA (JOGO COMPLETO) Campeonato brasileiro série B 2015


[VITÓRIA 4X1 BAHIA] Mais um massacre rubro negro!


RTEmagicC_15f1f84848.jpg

O Vitória esta mais do que acostumado a massacrar o rival de Itinga, 5×1, 7×3, 4×1 são placares cada vez mais comuns no atual cotidiano do clássico, o rubro negro tem sido impiedoso com o tricolor seja na Arena Fonte Nova ou no Barradão e ontem não foi diferente 4X1 incontestável  e muita gozação num clássico lindo e de estádio cheio em Salvador.

O Leão abriu o placar logo no inicio com 4 minutos em jogada ensaiada entre Rhayner e Escudero que lançou para o zagueiro Guilherme Mattis que cabeceou para as redes, fazendo Vitória 1×0 Bahia, no intervalo ele já alfinetou:-Disseram que eu era lento a semana toda, que iam jogar em cima de mim,esta ai meu gol, eu estou levando a melhor. Mattis

O desenho tático revelado por Mancini durante a semana foi visto em campo e foi o diferencial do jogo, o treinador afirmou que o Vitória precisaria avançar a marcação e forçar o Bahia ao chutão e aos erros, surpreendeu na escalação incial quando colocou Rhayner e Marcelo de titulares e ambos deram conta do recado e justamente como planejado, assim a equipe se comportou e impôs seu jogo pra cima do rival, com Rhayner, Escudero, Elton e Pedro Ken pressionando na frente, Marcelo e depois Amaral e Flávio conseguindo anular a grande maioria das jogadas no meio, nas poucas oportunidades que o Bahia conseguia ultrapassar a barreira, Mattis e Ramon davam conta do recado e nos chutes de fora o Paredão Fernando Miguel mostrava toda sua segurança e aplicava belas defesas.

Poderia afirmar que foi um VItória perfeito em campo, mas as inúmeras perdas de oportunidades desperdiçadas me faz aplicar um quase perfeito, Elton lutou, foi importante taticamente mas não teve êxito na sua maior obrigação que é fazer gols, Rhayner infernizou, deu belas assistências, Escudero da mesma forma, mas o arremate final sempre faltava um algo mais, sobretudo no primeiro tempo e em jogos encardidos como clássicos não pode se dar ao luxo de não matar logo o rival.

No segundo tempo o Leão voltou ainda mais feroz, mudou a forma de jogar recuando a marcação e chamando o Bahia para o ataque, porém saindo rápido para o contra ataque e levando grandes perigos ao gol de Douglas Pires, e foi justamente num desses contra ataques que o Vitória conseguiu a oportunidade de ampliar após subida rapida de Diego Renan que foi derrubado na área e Arilson marcou a penalidade(ALELUIAAAAAAAAAAAAAA) Escudero bateu e fez Vitória 2×0 Bahia.

Após o segundo o jogo ficou completamente dominado, e ao 36 Rhayner tocou na frente e Rogério de prima marcou um golaço no Barradão, até agora o goleiro tricolor procura a bola. Vitória 3X0 e festa ainda maior na arquibancada e o melhor foi ver a torcida tricolete querendo ir embora e sem poder porque por ordem da policia militar os tricolores do poderiam deixar o Barradão após 1 hora depois do final do clássico. Aos 42 Maxi Goiabinha descontou mas a festa era mesmo rubro negra e aos 46 o estreante artilheiro do Brasil Robert mostrou logo seu cartão de visita e mandou um pombo sem asa no ângulo, decretando Vitória 4X1 Bahia.

FICHA TÉCNICA
Vitória 4×1 Bahia
10ª rodada – Série B
Local: Barradão, em Salvador
Data: 04/07/2015
Horário: 16h30
Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação (BA)
Assistentes: José Carlos Oliveira dos Santos e Jucimar dos Santos Dias (BA)
Cartões Amarelos: Escudero, Amaral e Rogério (Vitória); Adriano, Pittoni, Titi, Robson, Souza (Bahia)
Cartões Vermelhos: Escudero (Vitória); Souza (Bahia)
Gols: Guilherme Mattis, Escudero, Rogério, Robert (Vitória); Maxi Biancucchi (Bahia)

Vitória: Fernando Miguel; Diogo Mateus, Guilherme Mattis, Ramon e Diego Renan; Marcelo (Amaral), Flávio (Rogério), Pedro Ken e Escudero; Rhayner e Elton (Robert). Técnico: Vagner Mancini.

Bahia: Douglas Pires; Adriano Apodi, Robson, Titi e Marlon; Pittoni (Mario), Tiago Real e Souza; Maxi Biancucchi, Williams Santana (João Leonardo) e Léo Gamalho (Jacó). Técnico: Sérgio Soares.

 

DEMITIDO: Claudinei Oliveira deixa o comando do Vitória, Wesley assume interinamente


650x375_claudinei-oliveira_1520804
O Esporte Clube Vitória informa que o treinador Claudinei Oliveira deixou o comando técnico da equipe. O clube agradece o trabalho do profissional no período em que ficou à frente do rubro-negro e deseja sucesso em sua carreira.
Claudinei assumiu o Vitória no jogo contra o Colo Colo, dia 21 de março, e teve aproveitamento de 51%, com 4 vitórias, 5 empates e 2 derrotas.
Interinamente, assume o comando da equipe o técnico campeão do sub-20, Wesley Carvalho, que faz parte da comissão técnica do time profissional como um dos assistentes.
SITE OFICIAL

VITÓRIA CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL SUB-17 (Confira FOTOS)


622_c7925cf5-41bc-3a1e-b23a-bec06ca92a86

O Vitória que já havia sido campeão da Copa do Brasil sub 15 em 2010 e sub-20 em 2012, agora é também Campeão do Brasil sub-17, o time venceu o Botafogo no Rio de Janeiro por 3×1 e levou a decisão para os pênaltis e venceu por 4X3 com uma bela defesa do goleiro John. O time de João Burse chega hoje a Salvador com a taça, mais uma da fabrica de talentos que contrasta em muito com a fase vivida pelo profissional do clube.

 

CLIQUE NAS IMAGENS PARA MAXIMIZAR

 

 

ESPORTE CLUBE VITÓRIA Convoca o sócio torcedor!


smv

 

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DA ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

Pelo presente EDITAL, ficam convocados todos os Associados do Esporte Clube Vitoria, nos termos do Art. 6o do Estatuto Social, para comparecer à Assembleia Geral Consultiva, que será realizada Sábado, 06 de Junho de 2015, às 10h00min, via portão 16, no espaço constante do estacionamento interno da administração do Clube, localizada na Rua Arthêmio Valente, nº 01, Praça Júlio Rêgo, Bairro Nossa Senhora da Vitória, para debater especificamente sobre eleições Diretas para Presidente do Clube.

Notas Explicativas:

1. Somente poderão participar os associados-torcedores, integrantes dos programas de fidelidade, cuja filiação seja no mínimo de 18 (dezoito) meses da data da realização da assembleia.

Salvador(Ba.), 11 de maio de 2015.

[BOTAFOGO X VITÓRIA] Final da Copa do Brasil sub-17, Leão precisa golear pra conquistar título


bot-x-Vitoria

Com títulos nas categorias sub-15 e sub-20 o Vitória quer aumentar o cartel e ser também campeão da Copa do Brasil sub-17, porém para tal feito o rubro negro terá de golear o Botafogo por três ou mais gols de diferença ou ainda vencer por 3×1 levar a decisão para penalidade e converter mais do que o time Alvinegro que venceu no Barradão por 3×1 e por isso tem boa vantagem.

O treinador João Burse do Vitória se apega aos números do Vitória na competição que sempre fez 3 gols fora de casa e o Botafogo já sofre revés em seus domínios, a tendência é que o leão sufoque a estrela solitária que buscará os contra ataques com os espaços deixados pelas tentativas desenfreada de reverter o placar adverso.

VITÓRIA: Jonh; Cedric, Rangerson, Gabriel e Padilha; Hebert, Luciano, Matheus e Yan; Eronildo e Potó.

[VITÓRIA X ASA] Leão quer vaga na próxima fase da copa do Brasil!


grd-vitoria e asa

O Vitória quer pegar o embalo do triunfo de sábado e se classificar hoje no Barradão para terceira fase da Copa do Brasil, para isso o rubro negro precisa de um empate por 0x0 ou qualquer triunfo, 1×1 leva as penalidades, qualquer outro resultado classifica o Asa de Arapiraca.

Claudinei relacionou 23 atletas e pode promover as estreias do zagueio Guilherme Mattis e do lateral Diogo Mateus, o treinador tem também o retorno de Jorge Wagner e Rhayner a equipe o desfalque fica por conta de Luiz Gustavo cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

Já o treinador Vica confia na experiência de Didira para tentar surpreender o VItória, sem problemas o time vem completo para Salvador.

FICHA TÉCNICA

Vitória x ASA

Copa do Brasil 2ª fase – jogo de volta

Local: Barradão, em Salvador

Data: 19/05/2015

Horário: 19h30

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (ASP-FIFA-RS)

Auxiliares: José Javel Silveira (CBF-RS) e Alexandre Pruinelli Kleiniche (CBF-RS).

Vitória:  Fernando Miguel; Diego Renan, Ramon, Ednei e Mansur; Amaral, Flávio, Escudero e Gabriel; Vander e Elton. Técnico: Claudinei Oliveira.

ASA-AL: Pedro Henrique; Gabriel, Lucas Bahia, André Nunes e Rayro; Jorginho; Marcos Antônio, Didira e Uéderson; Valdanes e Alex Henrique. Técnico: Vica.

Claudinei Oliveira relaciona Vitória com Diogo Mateus, Mattis e retorno de Jorge Wagner


claudinei_thiago_19032015_1

O técnico Claudinei Oliveira relacionou 23 jogadores para partida contra o Asa de Arapiraca nesta terça no Barradão, valendo vaga na terceira fase da Copa do Brasil para enfrentar o Palmeiras.

As novidades ficaram por conta dos contratados Guilherme Mattis e Diogo Mateus, o retorno de Jorge Wagner que foi “poupado da ultima partida” e a ausência de Luiz Gustavo que cumprirá suspensão por terceiro cartão amarelo, além de ter se queixado de cansaço muscular.

Time que treinou como titular: Fernando Miguel; Romário (Diogo Mateus), Ramon, Ednei e Mansur; Amaral, Flávio, Marcelo, Jorge Wagner (Vander) ; Gabriel e Elton.

RELACIONADOS

Goleiros: Fernando e Wilson;
Laterais: Diego Renan, Diogo Mateus, Mansur, Romário e Euller;
Zagueiros: Ednei, Ramon, Diego Mattis e Maracás;
Volantes: Amaral, Marcelo e Flávio;
Meias: Escudero; Gabriel; Dakson, David e Jorge Wagner;
Atacantes: Vander, Elton, Rhayner e Léo Ceará.

ELTON

douglas_elton_futurapress_marcosbezerra

O diretor de futebol do Vitória Anderson Barros confirmou que não haverá troca de Elton por Pedro Ken e nenhum outro jogador do Coritiba, o mesmo disse que houve um interesse do clube paranaense pelo atleta mas que o Vitória não deseja liberar e que o centroavante permanece na toca.