Vitória x Corinthians Pra repetir o feito!


O Vitória recebe o Corinthians na Arena Fonte Nova querendo repetir 2016, quando os times se enfrentaram na segunda rodada e o leão rugiu alto, vencendo por 3×2.

Petkovic não confirmou o time, o capitão Willian Farias é dúvida, Fred, Renê Santos(zaga ou volante) e Flávio brigam por uma vaga e Rafaelson e Pisculichi disputam quem completa a equipe.

Assim como Pet, Carille também tem problemas de desfalques mas Pablo é o mais “sentido” por ser titular. O alvinegro vem de empate em casa na primeira rodada e de certa forma, pressionado e o rubro negro pode tirar proveito disso, Petkovic trabalhou muito a transição rápida para o ataque e deve buscar surpreender assim a defesa Corintiana.

Ficha técnica: Vitória x Corinthians
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data e horário: domingo, às 16h (de Brasília)

Escalação provável do Vitória: Fernando Miguel, Salino, Alan Costa, Fred, Geferson, Willian Farias. (Renê Santos), Uillian Correia, Cleiton Xavier, Paulinho, David, Rafaelson (Pisculichi)
Escalação provável do Corinthians: Cássio, Fagner, Pedro Henrique, Balbuena e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô

Desfalques do Vitória: Patríc, Welison, Bruno Ramires, Kieza, André Lima e Gabriel Xavier.
Desfalques do Corinthians: Pablo, Moisés, Léo Príncipe (estiramento, Giovanni Augusto e Vilson.
Arbitragem: Péricles Bassols Pegado Cortez (PE), auxiliado por Clóvis Amaral da Silva e Cleberson do Nascimento Leite (ambos do PE)

Anúncios

Bahia x Vitória O grande clássico Raiz


A dupla BAVI volta a se encontrar pra mais um clássico mas desta vez existe algo diferente, vintage, retrô, a volta dá torcida raiz, e que nunca deveria ter sido extinta, é o retorno dá área reservada a torcida mista.

Para quem nasceu nos anos 2000 é difícil entender a emoção, o entusiasmo dos noventistas de um jogo Bahia x Vitória com torcida mista, isso tem muito haver com as guerras protagonizadas por organizadas que copiaram tudo que não presta dos Hooligans mas chegou a hora de lhes apresentar o que é torcer de verdade, o que é entrar na Fonte juntos, provocando, sentando lado a lado e sair com aquele sarro legal que somente os baianos tem.

Hoje será um BAVI sem dúvida diferente dos últimos 10 anos e que além de um bom futebol, possamos nos encantar com a festa das torcidas em paz e após o jogo que independente de quem vença sabemos que será o leão, vamos curtir com toda paz!

O técnico Argel Fucks divulgou antecipado a escalação e o único nome que não concordo é de Geferson, Euller vem tendo boas atuações e merece a titularidade. No primeiro BAVI dele mesmo já classificado em primeiro, Fucks vai com time titular e sabe dá importância, histórica dá partida e quer manter os 100%.

Guto Ferreira o que chama o Vitória de rival, e durante a semana levantou questionamento s sobre arbitragem, fez treino secreto e não divulgou a equipe mas a verdade é que não há muito que esconder.

TÉCNICA
Bahia x Vitória
Campeonato Baiano – 10ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 09/04/2017
Horário: 16h
Árbitro: Jailson Macedo Freitas
Assistentes: Carlos Eduardo Bregalda Gussen e Elicarlos Franco de Oliveira
Bahia: Anderson; Eduardo, Tiago, Éder e Armero; Edson (Renê Júnior), Juninho e Régis; Allione, Edigar Junio e Hernane. Técnico: Guto Ferreira
Vitória: Fernando Miguel; Patric, Kanu, Alan Costa e Geferson; Willian Farias,  José Welison, Cleiton Xavier  e Gabriel Xavier; David e Kieza. Técnico: Argel Fucks

O nordestão respira! Semis e finais dos sonhos alimentam o semestre do futebol brasileiro


4 campeões, não apenas isso, os 3 maiores vencedores e o atual campeão dá Copa do Nordeste se enfrentam na semifinal dá Copa do Nordeste 2017 e se isso não fosse suficiente, serão 4 grandes clássicos estaduais na semifinal e 2 grandes clássicos regionais nas finais.

A Bahia é Pernambuco irão parar para ver Santa Cruz x Sport e Bahia x Vitória e continuarão paradas para ver os confrontos que seguirão destes jogos. A expectativa é que estes 6 duelos tenham média de público superior a 25 mil apaixonados no Arruda, Ilha de Retiro, Barradão. e Fonte Nova.

O nordestão Lampions League ainda não tinha voltado ao seu ápice, aos momentos áureos dá década de 90 e início dos anos 2000 mas agora tem as finais dos sonhos com os 3 representantes da 1ª divisão e 1 dá 2ª do futebol nacional e a rivalidade é o regionalismo irão com toda certeza encantar todo país de apaixonados por futebol.

LEÃO VIVERÁ MARATONA DE JOGOS

8 partidas em 25 dias está é a sequência que o rubro negro terá pela frente em 3 competições diferentes: Campeonato baiano, Copa do Nordeste e Copa do Brasil:

05/04 Vitória x Fluminense de Feira (baiano)

09/04 Bahia x Vitória (baiano)

13/04 Vitória x Asa ou Paraná (Copa do Brasil)

16/04 Semifinal do Baiano

19/04 Asa ou Paraná x Vitória (Copa do Brasil)

23/04 Vitória x Bahia (Nordestão)

2604/ Bahia x Vitória (Nordestão)

30/04 Semifinal do Baiano

A média de jogos pode aumentar caso o leão se classifique para as finais do campeonato baiano e dá Copa do Nordeste.

Vitória 2×1 America MG A base resolve (Video Melhores Momentos)


 

O Vitória venceu o América MG com gols de Marcelo e David e com isso deixou a zona de rebaixamento do campeonato brasileiro e pode respirar um pouco  na competição.

Mancini insistiu no esquema com 3 atacantes colocando Ramallo como central e Kieza aberto pela esquerda e mantendo Vander na direita, Serginho continuou no banco, e o coelho com meio povoado dominou o primeiro tempo e criou boas oportunidades assustando Fernando Miguel mas como quem não faz toma, o Vitória chegou há um golaçoooooooo com Marcelo num chute forte de canhota mo ângulo.

No segundo tempo Vander saiu entrou David e o rubro negro cresceu, o garoto da base fez o jogo ferver, deu um belo passe que Cárdenas desperdiçou e na sequência fez um bonito gol de cabeça com assistência do colombiano, Vitória 2×0 e tranquilidade na partida, depois do gols o camisa 7 continuou criando mas dessa vez quem diminuiu foi os visitantes com uma falha coletiva que começou com erro de passe do David e falha de Ramon e Victor Ramos, sufoco no fim como já é tradição do Vitória.

FICHA TÉCNICA
Vitória x América-MG
Campeonato Brasileiro – 22ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 28/08/2016
Horário: 18h30
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)
Assistentes:  Rafael da Silva Alves e Elio Nepomuceno de Andrade Júnior (RS)
Cartões Amarelos: Vander, Marcelo, Osman, Kieza, Jonas
Gols: Marcelo, David, Danilo Barcelos

Vitória:  Fernando Miguel; Diogo Mateus, Victor Ramos, Ramon e Diego Renan; Willian Farias (José Welison), Marcelo e Cárdenas (Serginho); Vander (David), Kieza e Rodrigo Ramallo. Técnico: Vagner Mancini.

América-MG: João Ricardo, Jonas, Alison, Suéliton, Gilson, Leandro Guerreiro (Diego Lopes), Juninho, Pablo, Matheusinho (Danilo Barcelos), Osman, Michael (Nilson). Técnico: Enderson Moreira.

[BAHIA X VITÓRIA] Clássico quente com clima de decisão!


bahia x VITÓRIA BAVI

Bem diferente do ultimo encontro quando goleou por 4×1 no Barradão. O Vitória chega ao clássico com moral, antes desanimado e em crise pelas eliminações do primeiro semestre, agora o rubro negro enfrenta o rival com a expectativa de se consolidar no G-4 e diminuir a distância para o líder Botafogo e de quebra instaurar uma possível crise no tricolor que por sua vez tenta ganhar novo folego na competição, já que vive um momento de grande instabilidade e perder hoje sacramenta sua saída do grupo dos 4 e pode ocasionar a demissão do treinador Sergio Soares.

O Vitória esta na segunda colocação com 49 pontos e 14 Vitórias, triunfando  abrirá 5 pontos e terá 3 triunfos a mais nos critérios de desempate do que o 5º colocado o proprio Bahia que possui  47 pontos e 12 Vitórias. O Bahia busca passar o rival, fato poucas vezes conseguidas nesse brasileiro, triunfando voltaria ao G-4 e ainda ficaria com 1 ponto de vantagem do rubro negro, dando o gás que eles precisam para encarar essa reta final.

Sem muitos mistérios o Vitória de Vagner Mancini esta escalado e a única ausência é do zagueiro Guilherme Mattis que foi expulso polêmicamente no ultimo jogo, recuperado Diogo Matteus deve reassumir a lateral direita e Diego Renan volta a esquerda no lugar de Euller e a provavél escalação deverá ser: Júnior Gatito, Diego Renan, Kanu, Ramon e Euller; Amaral, Pedro Ken, Escudero e Rhayner; David e Elton.

Já no time de Itinga existe a briga na zaga entre Robson e Jailton e a dupla de ataque mesmo com tanto suspense deverá ser mesmo Kieza e Maxi Biancucchi que ao longo da semana se queixaram de dores mas treinaram normalmente no ultimo coletivo da semana, com isso o Bahia deverá is a campo com: Douglas Pires; Railan, Robson (Jailton), Gustavo e João Paulo;  Yuri, Paulinho Dias, Tiago Real e Eduardo; Zé Roberto (Maxi) e Kieza.

Estratégias: Enquanto o Bahia deverá atuar buscando fechar os espaços e adiantando a marcação, o Vitória deverá usar a velocidade de Diogo e Rhayner e também a forte bola parada de Escudero, o rubro negro deverá tomar as iniciativas enquanto o tricolor tentará sair em contra ataque.

Publico recorde na Fonte Nova e uma grande festa com toda certeza das torcidas no maior clássico do norte-nordeste um dos maiores do Brasil e porque não dizer do mundo. A beleza e rivalidade de um BAVI é inexplicavél e contagiante, já perdi as contas de quantos assisti, só tenho a certeza que sorri muito mais do que chorei e espero hoje comemorar mais uma vez e como sempre deixo uma provocação aos meus amigos tricolores, repetirei a frase do ultimo clássico: É na Fonte Nova!HAHAHA então menos de 5 eu nem comemoro!

PEGA LEÃO!

O que vi e vivi na fonte nova!


bavi(18)

Lembrar da fonte nova causa uma grande nostalgia, foi o primeiro estádio em que pisei os pés, e foi justamente num BAVI, meu pai tricolor proferia as seguintes palavras: Hoje você vai aprender o que é time, vai ver o Bahia ganhar e deixará esse negocio de torcer para o Vitória” Eu tinha 12 anos e como todos estava encantado por viver o meu primeiro clássico.

Lembro de muita coisa daquele jogo o charme inconfundível da Leões da Fiel,  o balanço dos anéis superiores com o pulo da Bamor, os cânticos de provocação e a célula que poucos meses depois daria origem ao nascimento da TUI,  a data 23 de fevereiro de 1997 onde 87.725 pessoas lotaram o estádio para ver Bahia 0x3 Vitória, meu pai saiu frustrado do intento de me tornar tricolor, ainda teve que aturar as gozações do filho, mas tem muita coisa que me lembro daquele e dos outros jogos que passaram a ser cada vez mais frequentes na minha vida.

Uma das coisas que me dá tremenda saudade é sentar no setor onde se localizava a torcida mista, eu, meu pai, amigos rubro negros e tricolores brincávamos a cada lance de perigo, a cada gol e ao termino das partidas, brincávamos também com que nem conhecíamos, e raramente vi algum desentendimento, e o detalhe é que não havia policiais, cordões de isolamento, era tudo na base da civilidade, uma rivalidade sadia, intensa, mas amistosa, são incontáveis as vezes que vi e vivi as pessoas saindo da velha fonte abraçados, com camisas de Bahia e Vitória, e a gozação comendo no centro, uns gozando o triunfo, outros colocando a culpa no juiz ou num infortúnio, mas a verdade é que o futebol tinha muito mais graça naquela época, nos orgulhávamos quando saia nos noticiários que ao contrario dos clássicos dos outros estados que já tinha isolamento e confrontos extremos, o BAVI mostrava as torcidas rivais confraternizando antes e depois dos jogos em cada canto desta cidade.

a8cc41e303

Por isso que sonho num retorno aos antigos princípios que foram deixados de lado, espero que com o renascimento da fonte nova, renasça também os velhos e bons hábitos de somos rivais, e não inimigos, somos coirmãos mas não amigos, somos Bahia, somos Vitória, somos BAVI, somos paz, confraternização, e alegria.

PRODUTOS DA LINHA BASIS VITÓRIA

https://www.facebook.com/pages/Basisvit%C3%B3ria/326217080815928