[VITÓRIA 3X1 PONTE PRETA] O triunfo da superação


VITÓRIA X PONTE PRETA

Quando a bola rolou no estádio Manoel Barradas- BARRADÃO nesta noite de quarta feira, eu tinha certeza de que teria que ser na base da superação, e disse isso no texto de pré-jogo, e não deu outra, o Leão mesmo com tantas dificuldades conseguiu uma virada emblemática daquelas de entrar para história por tudo que envolveu o jogo.

O Vitória começou muito bem, com a grande ousadia do garoto Euller ( o novo filho do vento rsrsrsr calma, muita calma, é só brincadeira) que chegava com toda força na defesa da macaca e levava perigo. Depois com os chutes de fora da área ( ALELUIA) de Luiz Alberto e que chutaço na trave, mas vacilou na saída com passe errado de Luiz Alberto, vacilo de Cáceres e gol do bom centro avante Willian.

Depois do gol o rubro negro se perdeu, sentou o golpe e ficou atordoado, foi muito bom o soar do gongo e fim de primeiro tempo para restabelecer as forças e buscar a recuperação no embate.

No segundo tempo Caio Junior retornou com Pedro Oldoni e ele não decepcionou aos 7 minutos a bola cabeceada por Cáceres em cobrança de escanteio de Renato Cajá, encontro o centro avante que de joelho empatou a partida e marcou seu primeiro gol com a camisa do Vitória.

1016998_564005343647504_1596436423_n

Após o gol o Leão cresceu, a torcida guerreira que esta de parabéns empurrou o time e aos 17 Vander fez uma verdadeira pintura, onde a Coruja dorme, golaço.

Com a virada no placar o rubro negro cresceu ainda mais e Caio Junior colocou Marquinhos e Eliseu em lugar de Cáceres e Camacho. Aos 42 Pedro Oldoni foi valente, brigou com os zagueiros e a bola ficou limpa para Marquinhos que entrou esperto, arisco com a vontade que todos pedimos a ele e ainda deu um drible desconcertante no defensor e tocou no canto do goleiro Roberto decretando Vitória 3×1 Ponte Preta.

WILSON: Trabalhou pouco desta vez, mas quando solicitado respondeu bem. 7.0

Gabriel Paulista: QUE DESPEDIDA HEIM? Parabéns que você agora honre o nome daqueles que vestiram o manto e saíram da nossa base na europa 7,5

Victor Ramos: Hoje foi bem miais seguro, trabalhou bem na defesa. 7.0

Fabricio: Levou um nó seco no gol de Willian, mas a culpa foi de Cáceres e Luiz Alberto, boa partida. 7.0

Euller: Muita coragem e segurança, foi o grande destaque ofensivo no primeiro tempo,, o garoto não sentiu a pressão, mantém ele Caio Junior. 8,0

Luiz Alberto: Uma partidaça, um único erro, faltou aquele golaço com a bola no travessão, 8.0

Cáceres: Vacilou, a bola veio na fogueira mas era para dar um bico, perdeu e tomamos o gol, mas não se abateu e fez seu jogo. 6,5

Camacho: Destou, foi melhor do que nas outras oportunidades, mas ainda não rendeu o que se espera dele. 4,5

Renato Cajá: Bela partida, voltou a ser importante com bons passes e na bola parada. 7.0

Vander: Estava precisando desse gol, que pintura hein garoto? Agora é dar continuidade. 7.5

Rômulo: Não foi bem mais uma vez, hoje teve até mais bolas, mas não soube fazer o pivô; 4,5

Pedro Oldoni: Partidaça, um gol importante e vamos dizer uma assistência. 8.0

Marquinhos: Fez o que esperamos dele, belo gol, tem que ser sempre assim decisivo. 8.0

Eliseu: Entrou com vontade e conseguiu manter a pegada no meio campo. 7.0

Caio Junior: Hoje acertou tudo, escalou o que tinha e substituiu muito bem, 10,0

Torcida: Não deu os 15 mil que pedi, mas os 5 mil guerreiros foram importantes, aplaudiram, cantaram, apoiaram e foi premiado com uma bela Vitória.

 

FICHA TÉCNICA

Série A
Vitória x Ponte Preta
Local: Estádio Manoel Barradas, em Salvador (BA).
Data: 14/08/2013
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (Asp.Fifa/PR)
Auxiliares: Márcio Eustáquio Santiago (Fifa/MG) e Neuza Inês Back (Asp. Fifa/SC)
Gols: Vander, Marquinhose Pedro Oldoni (Vitória) / William (Ponte Preta)
Vitória: Wilson; Gabriel Paulista, Victor Ramos, Fabrício e Euller; Luís Alberto, Cáceres (Marquinhos), Renato Cajá e Camacho (Elizeu); Vander e Rômulo (Pedro Oldoni).Técnico: Caio Júnior.

Ponte Preta: Roberto; Artur, César, Ferron (Brian Sarmiento) e Diego Sacoman; Baraka, Uendel e Chiquinho; Éverton Santos (Alemão), Rildo e William. Técnico: Paulo César Carpegiani.

PS: O zagueiro Thiago Carvalho chega nesta quinta feira a Salvador, mas a informação é de que o atleta tem um problema medico, caso isso se confirme ele não assina com o Vitória.

PS2: Parabéns a Gabriel Paulista, torço pelo sucesso dele lá na Espanha, que bela despedida, carregado pelos companheiros, beijo no Escudo e apoio do torcedor, 142 partidas com a camisa do Leão.

Anúncios

[VITÓRIA] Uma imagem resume o acesso do Leão! (FOTOS E PAPÉIS DE PAREDE)


A imagem acima é a figura que simboliza a subida do  Vitória, o acesso da perna quebrada, poderia ser a do furacão da alegria, do título, mas foi o de uma comemoração comedida, tímida, de quem sabe que poderia ter conquistado mais do que a simples subida na quarta colocação. O acesso é valido, mas ninguém esconde que há uma grande frustração em não ter ganho a competição.

No mais é agradecer a Neto Baiano pelos seus gols, agradecer a Paulo Cesar Carpegiani que conseguiu nos dar base para a classificação, ao apaga fogo do PC Gusmão, agradecer a Chumbinho, agradecer a Alexi Portela por acabar em parte com a politica de pés no chão e entender que é preciso investir para se ter retornos e sobretudo agradecer a torcida leonina que foi recordista de publico da competição e fez uma verdadeira festa. Vocês me deram motivo de orgulho em meio as decepções.

Tenho que deixar aqui a minha revolta contra Alexi Portela pela covardia e falta de comando quando foi preciso uma mão forte e não houve comando, a Ricardo Silva e Uelliton que derrubaram o treinador e entregaram o título, a Pedro Ken pela falta de hombridade, e a Raimundo Queiroz que se agarrou ao cargo e não teve a coragem de tomar as atitudes pertinentes ao cargo que exerce, vocês nos envergonharam.

Parabéns Ivete, Tatau, Alinne Rosa, Viáfara, Fernando Baía e Alexandre Peixe o amor de vocês e a maneira como conduziram os torcedores é emocionante, parabéns a TUI, que emoção, a virada da faixa foi algo marcante, esse acesso é de vocês… GUERREIROS. Parabéns a cada torcedor, a cada blogueiro, vocês são o combustível para este clube andar.

Em 2013 espero mudanças, espero renovação total, pouca gente deste elenco merece continuar, a garotada da base ( exceto aquele que todos já sabem) e o atacante Willian, Dinei, Deola, Michel, Fernando Bob o restante pode ir sem pena.

Quero ressaltar as frases ditas pelo presidente Alexi após o jogo:” – Vamos pensar a partir de amanhã. Hoje é só o momento de comemorar o retorno para Série A. Foi muito sofrido e acredito que a torcida merece essa alegria. Espero montar um grande clube para buscar o título do Nordestão, Baianão e fazer bonito no Brasileiro da Série A. Tem jogadores que estamos pensando, mas vamos esperar um pouco – “

“- Erramos. Quem não erra? Fizemos tudo com a intenção de botar o Vitória na primeira divisão. O Vitória não é feito só por mim. Existe um grande grupo de conselheiros e pessoas que me apoiam .”  e lembra-lo das frases de Chumbinho e PCC quando saíram e PC Gusmão quando assumiu.

Chumbinho: Existe muita interferência externa, muita gente querendo opinar, não se faz futebol desta maneira, os conselheiros devem contribuir para o clube, não mandar, decidir, isso fica a cargo de quem tem competência”

 

Paulo Cesar Carpegiani: O presidente é muito influenciável, ouve muita gente, se deixa levar, na mesma hora em que está tudo bem e parabeniza o seu trabalho, ele retorna após falar com pessoas más intencionadas e desmente tudo que disse anteriormente, ele é gente boa, mas não pulso firme, não tem a firmeza para comandar.

 

 

Paulo Cesar Gusmão: Futebol não se faz por amizade, o Vitória não é clube de amigos.

 

Portanto mais do que qualquer coisa 2013 tem que ser o ano de um novo modelo de administração, montagem de elenco e da maneira como conduzir o futebol do clube, é preciso entender que futebol não é para amigos, futebol é para profissionais, pessoas que se dão o respeito.

 

SRN

FICHA TÉCNICA

Série B

Vitória x Ceará

Local: Estádio Manoel Barradas

Data: 24/11/2012

Árbitro: Sandro Meira Ricci (PE-FIFA)

Assistentes: Márcio Eustáquio Santiago (MG-FIFA) Paulo César Faria Lima (MT-CBF 1)

Cartões amarelo: Nino Paraíba e William (Vitória) / Éverton (Ceará)
Cartão vermelho: Jaílton (Ceará)

Gol: William (Vitória) / Victor Ramos (Contra)
Renda: R$ 658.000.
Público total: 37.566.

 

Vitória: Deola; Nino Paraíba, Victor Ramos, Gabriel Paulista e Mansur; Michel (Rodrigo Mancha), Fernando Bob, Willie e Pedro Ken; William (Leilson) e Dinei (Marcelo Nicácio). Técnico: Paulo César Gusmão.

 

Ceará: Diónantan; Apodi, Heleno, Jaílton e Vicente (Eusébio); João Marcos, Éverton (Luiz Henrique), Leandro Chaves e Magno (Régis); Mota e Robert. Técnico: Anderson Silva.

[VITÓRIA 5 x 3 AMÉRICA-MG] Meu coração, não sei porque, bate feliz…


Uma noite para fazer as pazes, uma noite para quem gosta de emoções, mas verdadeiramente uma noite para quem ama o Vitória incondicionalmente.

O Leão voltou a vencer na estreia do treinador Paulo Cesar Gusmão e voltou ao páreo do título, ficando na segunda posição e apenas dois pontos atrás do Goiás restando 3 jogos para o fim da competição.

Parabéns aos 5 mil guerreiros que estiveram no Barradão, vocês são a alma desse time.

O positivo da partida

Além de vencer e conquistar mais 3 pontos, tem alguma coisa mais positiva do que essa? Rsrsrsr O Vitória voltou a mostrar vontade de vencer, de brigar e isso é o que me deixou feliz, ao que parece PC Gusmão realmente conseguiu mudar o clima na toca. O Vitória marcou 5 gols numa partida, sendo que nas ultimas partidas nada de bola na rede.

O negativo da partida

Em que clube o cara que está em crise com a torcida entra com a tarja de capitão e numa cobrança decisiva de penalidade vai para a bola mesmo sem ser o cobrador oficial? Respondo que em nenhum, faltou liderança, faltou quem intervisse, pois nunca na vida que os ex- camisa 05 deveria ser o cobrador da penalidade.

O lado bom disso é que o treinador mudou e existem grandes possibilidades dele ser sacado da equipe titular.

A ENTREVISTA DE UELLITON APÓS O JOGO

Uelliton em entrevista a rádio sociedade diz: Estou esperando o meu contrato acabar para ir embora e seguir o meu caminho.

O cara está em crise com a torcida, faz gol contra, é uma letargia em campo e perde um pênalti que poderia ser decisivo e ainda dá entrevista reclamando das vaias.
Ainda tem gente que defende este cara, não consigo entender como e porque
Nós te dizemos, Uma ótima noticia, já vai tarde se quiser ir antes, pede ao presidente, todos irão te apoiar nesta decisão e que não volte mais!

Willie levou o 3º amarelo e não joga a próxima partida.

FICHA TÉCNICA

VITÓRIA 5 x 3 AMÉRICA-MG

Local Estádio do Barradão, em Salvador (BA)

Árbitro Fabrício Neves Correa (RS)

Cartões Amarelos AMÉRICA-MG: Dudu

Gols: VITÓRIA: Nino Paraíba, aos 11min do 1º tempo, e aos 46min do 2º tempo; William, aos 5min do 2º tempo; e Willie aos 16min do 2º tempo, e aos 18min do 2º tempo

AMÉRICA-MG: Fábio Júnior, aos 17min do 1º tempo, e aos 39min do 2º tempo; e Rodriguinho, aos 33min do 2º tempo

VITÓRIA: Deola; Nino Paraíba, Victor Ramos, Rodrigo Mancha e Gilson; Uelliton (Fernando Bob), Michel e Tartá; Willie (Arthur Maia), Elton e William (Marquinhos).

Técnico: Paulo César Gusmão.

AMÉRICA-MG: Neneca; Patrick (Lula), Gabriel, Dirceu e Bryan; Dudu, Marquinhos Paraná, Gilberto (Júnior Timbó) e Rodriguinho; Ewerthon (Rodrigo Pimpão) e Fábio Júnior. Técnico: Cláudio Prates (interino).

35º rodada Série B – Resultados e classificação  
 
Vitória-BA 5 x 3 América-MG
Ipatinga-MG 2 x 1 Bragantino-SP
ABC-RN 1 x 2 Avaí-SC
BOA-MG 2 x 2 Goiás-GO
CRB-AL 1 x 2 Paraná-PR
Atlético-PR 1 x 1 América-RN
Criciuma-SC 0 x 2 São Caetano-SP
Joinville-SC 2 x 1 Guaratinguetá-SP

Guarani-SP 2 x 1 ASA-AL
Barueri-SP 0 x 0 Ceará-SC

[VITÓRIA 2X2 CRICIÚMA] O jogo dos líderes terminou empatado, mas o Leão manteve a liderança!


Foi um jogo como todos esperavam disputadíssimo, o Criciúma veio com o intuito de vencer e complicou bastante a vida do Vitória que saiu por duas vezes atrás do placar e buscou o empate, a virada foi tentada mas parou nas mãos de Michel Alves.

Parabéns aos 34 mil guerreiros que lotaram ao Barradão e fizeram a festa, pena que não houve a premiação com o triunfo.

O Vitória começou muito nervoso e por isso pagou o preço contra uma equipe qualificada como a do Criciúma que tem o goleador Zé Carlos e o talentoso e promissor Lucca, para agravar isso Uelliton e Michel não estiveram numa boa noite, o ultimo vacilou no segundo gol, outro que não esteve bem foi o maestro Pedro Ken, com isso o Vitória encontrou dificuldades para vencer.

OS destaques positivos foram Willian e Elton que mostraram  faro de gol, e balançaram as rede novamente.

Agora é esperar o jogo de sábado contra o Ipatinga.

Vitória x Criciúma – 22ª rodada do campeonato Brasileiro da série B

Data: 04 de setembro de 2012

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)

Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva (FIFA/GO) e Eduardo de Souza Couto (RJ)

Cartões amarelos: Nino Paraíba, Gabriel Paulista e Victor Ramos (Vitória) / Lucca, Gilmar e Marlon (Criciúma)

Gols: William e Elton (Vitória) / Zé Carlos e Lucca (Criciúma)

Renda: R$. 557.705,00

Público: 34.795

Vitória: Deola; Nino Paraíba, Victor Ramos, Gabriel Paulista e Gilson; Uelliton, Michel (Fernando Bob), Pedro Ken (Marquinhos) e Willie (Tartá); William e Elton. Técnico: Paulo César Carpegiani

Criciúma: Michel Alves; Ezequiel, Matheus Ferraz, Nirley e Marlon; Diego Oliveira, Elias, Kléber e Giovanni Augusto (Valber); Lucca e Zé Carlos (Gilmar. Técnico: Paulo Comelli

[Ceará 1×3 Vitória] Campeão do primeiro turno, melhor campanha da história da série b


Este é o Vitória, dono de uma marca impressionante no brasileiro série b 2012, arrasador no Barradão e também como visitante, e se não tem mais o artilheiro do Brasil Neto Baiano, tem um elenco recheado de jogadores de qualidade e goleadores também.

O jogo começou truncado e a defesa cometeu um erro que vem se tornando recorrente, cometer penalidades bobas, é a terceira nos últimos 4 jogos, tem que corrigir isso, o time é bom, mas nem sempre dará para buscar a virada.

O time foi bem armado e mostrou muita competência, o elenco é bom e o treinador tem conseguido extrair ao máximo a qualidade de todos eles.

Deola: Um monstro, grandes defesas, trouxe a confiança necessária. Nota 8,0

Nino: Mesmo guerreiro de sempre, é impressionante a sua regularidade. Nota 7,5

Gabriel: Partidaça, jogou muito, conseguiu fechar bem os espaços. Nota 8,0

Victor Ramos: Não precisava cometer aquele Pênalti, mas se recuperou e fez uma grande partida. Nota 7,0

Gilson: Resolveu o problema da lateral esquerda, com ele o time deixou de ficar empenado, joga fácil. Nota 8,0

Uelliton: Marcou bem enquanto aguentou, é um monstro, renova mesmo parceiro: Nota 7,5

Michel: Homenageado pelo adversario, mas mostrou o profissionalismo e garra de sempre. NOTA 7,5

Pedro Ken: Gol do maestro, outra bela partida. Nota 9,0

Willie: Oscilou durante o jogo, mas tem muita qualidade, outra assistência na conta. Nota 8,0

Elton: Ainda não está 100%, mas foi o cara em campo, uma assistência e 1 gol> Nota 10,0

Wiilian: Matador, fez o seu, deixou outra na trave, tem uma média impressionante: Nota 10,0

Tartá: Entrou ligado, participou de boas tramas no ataque. Nota 7,0

Rodrigo Mancha: Não tem a mesma qualidade de Uelliton e Michel, mas fez bem a sua função: Nota 7,0

Rodrigo: Entrou no fim para fechar a zaga e foi feliz: Nota 7,0

Carpegiani: Mostra a cada jogo que conhece o elenco que tem na mão, escalou corretamente e substituiu com inteligência: Nota 10,0

FICHA TÉCNICA

SÉRIE B

Ceará 1 x 3 Vitória

Local: Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza (CE)

Data: 24 de agosto de 2012, sexta

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Assistentes: Ubirajara Ferraz Jota (PE) e Márcio da Silva Oliveira (RN)
Gols: Elton, William e Pedro (Vitória) / Mota (Ceará)

Ceará: Fernando Henrique; Paulo Sérgio, Thiego, Daniel Marques e Márcio Careca; Heleno, João Marcos (Robert), Juca (Magno) e Bruninho (Robston); Mota e Itamar. Técnico: PC Gusmão.

Vitória: Deola; Nino Paraíba, Victor Ramos, Gabriel Paulista e Gílson; Michel, Uelliton (Rodrigo Mancha), Pedro Ken e Willie (Rodrigo); William e Elton (Tartá). Técnico: Paulo César Carpegiani.

 

[Vitória 2×1 Joinville] Não vi os JECs que disseram que iam invadir o LMP após o jogo!


Galera antes de tudo quero dizer que estou transtornado, isso mesmo transtornado, não farei hoje o texto pós-jogo porque não tenho condições de emitir qualquer parecer, não entendeu? Eu explico!

Ontem me programei como sempre para ir ao Barradas, marquei com os amigos e saímos as 17:40 e só chegamos ao Barradão no intervalo do jogo devido ao gigantesco engarrafamento na BR324 e na entrada de Águas Claras, tomei uma chuva torrencial, corri da ponte até o Barradão, gastei meu suado dinheirinho (isso é mentira,desta vez ganhei o ingresso na promoção do Resenha Rubro-Negra) e passamos aquele sufoco todo para garantir o triunfo e só cheguei em casa as 22:34 horas isso mesmo foram praticamente 5 horas para assistir uma partida de 90 minutos, a qual eu só pude ver 45 e até os gols comemoramos do carro, absurdo, isso tem que mudar.

Alexi Portela bravejou após o jogo do CRB e a prefeitura, governo do estado, Transalvador, SETEPS, STP e PM prometeram solucionar os diversos problemas para os torcedores que vão assistir aos triunfos do Leão, mas até agora isso só ficou na promessa, não dá para admitir que cerca de 1000 torcedores ou mais cheguem somente no segundo tempo, isso sem falar na quantidade de gente com ingresso que desistiu e foi para casa, outros pararam em bares da redondeza e alguns tiveram a sorte de chegar mais cedo, mas já com a bola rolando, novamente digo, absurdo.

O Vitória aguarda agora o jogo de hoje entre Atlético PR e Criciúma para confirmar de vez a sua liderança.

Reapresentação

Depois de jogar e vencer três partidas em sete dias, enfim, uma trégua. O Vitória volta a campo somente na sexta-feira, dia 24, para enfrentar o Ceará Sporting, na última rodada do primeiro turno.

Por isso, o técnico Paulo César Carpegiani decidiu dar folga aos jogadores neste fim de semana. A reapresentação ocorrerá somente na segunda-feira, à tarde, iniciando a preparação para o jogo em Fortaleza.

– A equipe sentiu no segundo tempo a seqüência de jogos. Foram três (América MG, sábado, Guaratinguetá, terça-feira, e Joinville, sexta-feira) em sete dias. Isto não é futebol profissional – comentou Carpegiani.

TAÇA BH O VITÓRIA VENCE NOVAMENTE

Com gols de Leonardo e Alan Pinheiro, o Vitória venceu o Grêmio (RS),  por 2 a 1, nesta sexta-feira, pela segunda rodada da fase de classificação da Taça BH de Futebol Júnior-Edição 2012.

Com dois jogos e dois triunfos – seis pontos ganhos –o Vitória volta a jogar, domingo, contra o Vasco da Gama, às 17 horas.

No jogo desta sexta-feira, Leonardo e Alan Pinheiro marcaram os gols do time comandado pelo técnico Carlos Amadeu. Na estreia, o Vitória ganhou de 2 a 1 do Figueirense.

FICHA TÉCNICA
Vitória 2 x 1 Joinville 
SÉRIE B
Data: 17/08/2012
Local: Estádio Manoel Barradas (Barradão), em Salvador
Árbitro: Paulo Cesar de Oliveira (FIFA/SP)
Assistentes: Rogério Pablos Zanardo-SP e Paulo Cesar Silva Faria-MT
Gols: Elton e William (Vitória) / Ricardinho (Joinville)
Vitória: Deola; Nino Paraíba, Victor Ramos, Gabriel Paulista e Gílson; Uelliton, Michel, Pedro Ken (Arthur Maia) e Willie, Elton (Marco Aurélio/Tartá) e William. Técnico: Paulo César Carpegiani.
Joinville: Ivan; Eduardo, Pedro Paulo, Diego Jussani e Gilton (Lino); Leandro Carvalho, Glaydson, Ricardinho (William) e Tiago Real; Marcinho e Jean Carlos (Aldair). Técnico: Leandro Campos.

[VITÓRIA 2X0 GUARATINGUETÁ] Com a determinação que deve ter


Bonito de se ver. Assim foi o Vitória no jogo contra o Guaratinguetá, o Leão buscou o triunfo desde o primeiro minuto de jogo e conseguiu imprimir o seu ritmo de jogo e dominou totalmente o adversário, o rubro-negro só não goleou por detalhes, porém o mais importante foi mais um triunfo na competição.

 

Com dois gols de Willian o Vitória chegou a liderar a competição mas o Criciúma conseguiu uma virada história com 3 gols em cinco minutos, porém o Leão continua no caminho certo e com certeza em breve alcançará a primeira posição.

 

O rubro negro começou sufocando logo no inicio, Pedro Ken quase marcou logo aos dois minutos em bela jogada onde ele tocou por cima do goleiro mas a bola foi para fora, o time continuou em cima e Nino Paraíba mostrou mais uma vez o porque de ser tão festejado pela torcida, ele fez um cruzamento entre 3 defensores adversários e Willian se jogou de peixinho e fez o seu primeiro gol com a camisa do Vitória. Era 14 minutos do primeiro tempo e isso foi importante para o brioso porque fez com que o adversário tivesse a necessidade de sair para tentar empatar, mas o que ocorreu foi o aumento do espaço e o Leão teve chances de ampliar com Pedro Ken chutando na trave, Willie obrigando o goleiro a fazer boa defesa, o Vitória chegou ao segundo após jogada que começou com o Maestro Pedro ken que lançou Willie e o jovem da base teve tranquilidade de dominar e tocar para Willian marcar o segundo dele e do Vitória ,2×0.

 

No segundo tempo o Vitória continuou com o domínio do jogo, as chances de ampliar foram criadas mas o goleiro César fez grandes defesas, em outras oportunidades os zagueiros Fábio Braz e Marquinhos conseguiram afastar os perigos, mas o Leão venceu e desempenhou um bom futebol e isso é o mais importante, na sexta o time enfrenta o terceiro colocado Joinville aqui mesmo no Barradão!

 

Douglas: Muito seguro quando exigido, fez duas boas defesas. Nota 7,5

Nino: Joga muito e esse ano tem o diferencial de acertar com precisão os cruzamentos. Nota 9,0

Victor Ramos: Muito seguro na defesa e quase marca o seu novamente, bela partida: Nota 7.5

Gabriel: Muita garra e determinação, se entendi bem com Victor. Nota 8,0

Gilson: Outra boa partida, ele tem conseguido desempenar o time, marca com segurança e vai para o ataque com qualidade. Nota 8,0

Uelliton: Uma partidaça, marcou muito e está de parabéns Nota 9,0

Michel: Valante, guerreiro, e saí bem para o ataque, importante: Nota 8,5

Pedro Ken: É verdadeiramente o maestro desse time, jogou muito. Nota 9,0

Leílson: Se contundiu muito cedo, mas estava bem no jogo.

Willie: Muita personalidade, jogou muito o garoto, mostrou muita tranquilidade. Nota 10,0

Willian: Goleador nato, mostrou sua credencial, dois belos gols: Nota 10,0

Tartá: Jogou muito bem, tem visão de jogo e dá velocidade ao ataque: Nota 8,0

Marquinhos: Entrou arisco, querendo mostrar serviço e hoje voltou a acertar boas jogadas. Nota 7,5

Fernando Bob: Entrou para segurar a onda e conseguiu. Nota 7,0

Carpegiani: Montou bem o time e substituiu com inteligência: Nota 10,0

 

 

FICHA TÉCNICA: Vitória 2 x 0 Guaratinguetá
Campeonato Brasileiro 2012 (Série B) –  1º turno (17ª Rodada)
Data: 14 de agosto
Hora: 19h30
Local: Estádio Manoel Barradas, em Salvador (BA)
Gols: 1º tempo William (VIT, aos 10 e 38min
Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Júnior (PE/CBF 2)
Assistentes
1 –  José Wanderlei da Silva (PE/CBF-1)
2 –  Clóvis Amaral da Silva (PE/CBF-2)
Cartão amarelo: Bruno Formigoni (GTA)
Renda: R$
Público: pagantes
VITÓRIA: Douglas; Nino, Gabriel, Victor Ramos e Gilson; Uelliton (Fernando Bob), Michel, Pedro Ken (Marquinhos) e Leílson (Tartá); Willie e William
Técnico: Paulo César Carpegiani
GUARATINGUETÁ: César Luz; Fábio Braz, Marquinhos e Filipe (Vinícius); Marlon, Jairo, Leandro Silva, Bruno Formigoni,  Lenílson (Keninha) e Jefferson (Danilo Gomes); Alemão
Técnico: Pintado

Vitória contrata novo lateral esquerdo, Gilson é a bola da vez!


Vitória contratou o lateral-esquerdo Gilson do Cruzeiro, o jogador tem passagens por clubes como Grêmio, Paraná, América MG e Cruzeiro e chega para ser a solução na posição mais carente do clube, mesmo com Mansur, Dener, e Gabriel, e já teve Saci que foi para o Atlético PR e Gabriel Paulista e Léo improvisados no setor.

Gilson chega a pedido de Carpegiani que desde que chegou tem tido problemas nesta posição, o diretor de futebol Raimundo Queiroz já tinha afirmado que buscava um lateral e que este viria de um time da série A, o lateral se junta a Willian que veio para substituir o artilheiro do Brasil Neto Baiano.
Clubes em que Gilson atuou:

Carreira: Cene-MS (2003-2007); Botafogo-SP (2007); Cene-MS (2008); São José-SP (2008); Mirassol-SP (2009); Cuiabá-MT (2009); Cascavel-PR (2010); Paraná Clube-PR (2010); Grêmio (2010-2011); América-MG (2011); Cruzeiro (01/2012)

Neto Coruja finalmente é emprestado

Após duas tentativas frustradas, o empréstimo de Neto Coruja ao time goiana finalmente foi fechado, no inicio do ano ele chegou a ser anunciado mas voltou atrás, a duas semanas  Vitória e Atlético GO chegaram a um novo acordo mas novamente depois de tudo fechado Neto afirmou que não iria deixar o rubro negro baiano, mas na tarde de hoje foi acertado tudo e o volante se apresenta amanhã no novo clube.