[Vitória 3×2 Feirense] Carpegianni e Ednilson Senna Terão muito trabalho


O Leão venceu na tarde de hoje com dificuldades a equipe do Feirense e se classificou a final do campeonato baiano e de quebra garantiu vaga na Campeonato do Nordeste 2013, agora o Vitória espera o jogo entre Bahia x Conquista para conhecer o seu adversário, antes da final o rubro negro encara o Botafogo pela Copa do Brasil nesta quarta no Barradão.

O JOGO

O Vitória começou sufocando como era esperado, com maior posse de bola o Leão partiu para cima e o adversário apenas se defendia tentando garantir a vantagem frágil do empate que possuía, aos 14 minutos Rildo recebeu a bola e lançou, Pedro Ken de cabeça abriu o placar, Vitória 1×0 Feirense, com o gol a equipe de Senhor do Bomfim saiu para o jogo e aumentou os espaços, o goleiro Renan salvou em duas oportunidades e no fim do primeiro tempo, Léo fez uma jogadaça e marcou um lindo Gol  fazendo 2×0 Vitória e dando números finais ao primeiro tempo.

Os times voltaram sem mudanças, mas com a equipe natural de Feira pressionando, e diminuindo com Danilo Cruz aos 7 minutos, ele percebeu Renan adiantado e bateu fazendo o gol. O Jogo ficou perigoso o rubro negro não rendia em campo e os visitantes queriam o segundo gol, neste momento saiu Rildo e entrou Tartá, o tartaruga ninja trouxe dinamismo e recuperou a posse de bola e num contra ataque ele recebeu e não foi fominha tirou do goleiro e deixou Neto Baiano livre para brocar mais um, Vitória 3×1 Feirense. Neste momento era esperado que o jogo ficasse tranquilo e que a classificação já estaria selada, mas logo na saída o Feirense foi para o ataque e Danilo Cruz experimentou de longe e Renan aceitou 3×2 e verdadeiro sufoco no jogo.

O jogo recomeça entra Arthur Maia e sai Geovanni que acabará de perder um gol feito, e sua segunda jogada Maia foi derrubado e o zagueiro Valdo foi expulso, quem acreditava na facilidade, se enganou  os feirenses continuaram melhor e atacando o Vitória que se fechou e passou a esperar o contra ataque, Ricardo Silva ainda colocou Rodrigo Mancha no lugar de Pedro Ken para garantir o resultado que acabou prevalecendo.

O filho e assistente do treinador Carpegianni assistiu ao jogo e pode fazer as primeiras anotações do Vitória, PCC chega ainda hoje a Salvador e será apresentado amanhã, junto com ele, chega Ednilson Senna que retorna ao clube para ser o preparador físico.

Ficha técnica – Vitória 3 X 2 Feirense 
Jogo de volta da semifinal do Campeonato Baiano.
Local: Estádio Manoel Barradas, em Salvador (BA).
Data: Sábado, 28 de abril.
Horário: 16h.
Publico ( em minutos)
Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação.
Assistentes: José Carlos Oliveira dos Santos e Raimundo Carneiro de Oliveira.

Vitória: Renan; Léo, Victor Ramos, Rodrigo e Wellington Saci; Uelliton, Michel, Pedro Ken e Geovanni; Rildo (Tartá) e Neto Baiano. Técnico: Ricardo Silva.

Feirense: Naldo; Angelo, Valdo, Alysson e Reivan; Baiano, Ananias, André e Danilo Cruz; Paulinho (Jucimar) e Hermínio. Técnico: Ednaldo Oliveira.

O SUB-20 Também garantiu vaga na final após empatar com o Fluminense em 0x0.

Anúncios

[Vitória x Feirense] Daqui para frente é só decisão


O leão vai para selva Barradão hoje tentando rugir forte, e assim como no jogo contra o ABC, acabar de vez com a maldição dos jogos em casa, o Vitória precisa vencer para chegar a final e a partida representa a primeira de todas as decisões do ano, já que agora é:Finais do baiano, fases decisivas na Copa do Brasil e cada jogo do brasileiro é pra  valer.

O rubro negro contará com reforços importantes, Geovanni, Rodrigo e Michel voltam ao time, já Marquinhos e Romário não se recuperaram e não foram relacionados, a equipe é a base do ultimo jogo mas com o retorno destes titulares.

O Vitória precisa vencer e para isso vai ser necessário mostrar o futebol que não foi visto nas duas ultimas partidas contra ABC e o próprio Feirense, o time do interior deve vim fechado explorando os contra-ataques, com isso o Leão vai ter a chance de pressionar, tendo que tomar cuidado para não ser surpreendido.

As palavras de Ricardo Silva

– Não podemos partir com tudo. O Feirense tem um bom time e vai querer jogar nos contra-ataques. No primeiro jogo aqui foi uma história, em Bonfim foi outra e com certeza neste sábado será outra história – falou.
De acordo com Ricardo, os feirenses devem jogar em cima dos erros do Leão.
– O Feirense vem para jogar em cima dos nossos erros, e nós vamos precisar de tranquilidade, inteligência e determinação para alcançarmos o resultado favorável. 

 

Uelliton e Neto Baiano serão homenageados

A diretoria rubro-negra vai homenagear o volante Uelliton e Neto Baiano. O primeiro pela marca de 150 jogos com a camisa do clube e o segundo por ter alcançado Ramon Menezes na artilharia do Barradão. Agora, o jogador é o maior goleador do estádio, com 46 gols.

Vitória: Renan; Léo, Victor Ramos, Rodrigo e Wellington Saci; Uelliton, Michel, Pedro Ken e Geovanni; Rildo e Neto Baiano. Técnico: Ricardo Silva.
Feirense: Naldo; Angelo, Valdo, Alysson e Reivan; Baiano, Ananias, André e Danilo Cruz; Paulinho e Hermínio. Técnico: Ednaldo Oliveira.

 

FICHA TÉCNICA

Semifinal do Campeonato Baiano

Vitória X Feirense 

Local: Estádio Manoel Barradas, em Salvador (BA).

Data: Sábado, 27 de abril.

Horário: 16h.

Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação.

Assistentes: José Carlos Oliveira dos Santos e Raimundo Carneiro de Oliveira.

 

PS:Carpegianni, João Neto e Carlinhos chegam na segunda para assinar com o clube.

PS 2: As contas de 2011 do clube foram aprovadas na ultima quinta feira com uma reunião do conselho, o clube vai divulgar tudo no site oficial.

 

 

[VITÓRIA 6X1 FEIRENSE] Um resultado para dar moral


O Vitória não deu chances ao seu adversario das semifinais do campeonato baiano, o Feirense foi massacrado sem piedade a goleada de 6 a 1 foi até pouco já que o rubro negro passou a administrar o resultado no segundo tempo e mesmo assim ainda desperdiçou inumeras oportunidades. O destaque da partida foi o atacante Marquinhos, autor de três gols. Outro que mostrou um bom desempenho foi Arthur Maia que a cada jogo vem mostrando mais personalidade e começa a justificar o futebol que o fez ser a grande promessa das divisões de base.Vitória e Feirense voltam a se enfrentar nas semifinais do baianão.

Noss primeiros minutos parecia que o Vitória não teria vida fácil. O Feirense queria triunfar e obter as vantagens, para isso tomou a iniciativa e chegou com perigo por duas vezes. Logo no início, Jaiminho arrancou pela direita, tentou o cruzamento e chutou para fora. Logo após, Renan foi obrigado a sair do gol para fazer uma defesa, Mas o ímpeto parou por aí. Aos sete minutos, Geovanni cobrou escanteio, o goleiro Feirense socou mal a bola, e Dinei cabeceou para o fundo das redes. Dois minutos depois, o Leão ampliou o placar. Dinei recebeu em profundidade e chutou forte para a boa de defesa de Uóston. No rebote, Arthur Maia deixou o dele.

O Vitória continuou pressionando e aos 14 minutos Arthur Maia chutou de fora da área e o goleiro Uóston se esticou todo, e fez uma defesa de pagar ingresso evitando o que seria um golaço do jovem da base. 18 minutos e o Feirense consegue diminuir após jogada de bola ensaiada, Sandro cruzou , o zagueiro Rodrigo se atrapalhou e marcou contra. Parecia que o Feirense iria reagir,mas aos 20 minutos, após cobrança de escanteio, Uelliton mandou de cabeça para o gol.

Só o Leão que atacava no jogo. Aos 37 Arthur Maia passou com maestria, Marquinhos sozinho não vacilou e marcou.  Cinco minutos depois Marquinhos marcou novamente, Geovanni mostrou toda a sua categoria e mandou na caeça do camisa 11 que brocou novamente. Com isso o melhor do norte/nordeste deu numeros finais a primeira etapa

Uma coisa era verdade no ínicio do segundo tempo, ou o Leão continuava em cima e aplicava uma goleada histórica ou apenas segurava o resultado e mesmo encontrando facilidades o rubro negro decidiu apenas deixar o tempo passar,O time de Feira até que tentou diminuir o vexame, já que o Vitória tinha diminuido o ritmo e até começou a se poupar, mas pouco foi feito e não houve surpresas, o goleiro Renan quas ençao viu a cor da bola. Mesmo sem muito esforço, o Leão chegou ao sexto gol. Aos 23, Marquinhos recebeu belo passe de Rodrigo Mancha e encobriu o arqueiro do Feirense. É o terceiro do atacante na partida.

Com o resultado na mão, o Leão se limitou a tocar a bola e controlar a partida até o apito final.

O Vitória espera agora até quarta feira quando enfrenta o ABC-RN pela Copa do Brasil no Barradão, a diretoria também promete divulgar a contratação do novo treinador, apesar de eu acreditar que eles vão acabar fazendo a alegria de Mocota e efetivando Ricardo Silva.

Foto da pintura das arquibancadas do BARRADÃO

FICHA TÉCNICA
Vitória 6 X 1 Feirense
Local: Barradão
Data: Domingo, 15 de abril.
Gols: Dinei, Alysson (contra), Arthur Maia, Marquinhos (3x); Rodrigo (contra)
Árbitro: Marielson Alves Silva.
Assistentes: José Carlos Oliveira dos Santos e Kleber Moradillo da Silva.

Vitória : Renan; Léo, Victor Ramos, Rodrigo, Wellington Saci; Michel, Ueliton, Arthur Maia e Geovannni (Lúcio Flávio); Dinei (Rildo) e Marquinhos

Feirense

: Uoston; Angelo, Valdo, Alysson (Everton) e Sandro; Ananias, Alexandre, Gilcimar e Danilo Cruz; Jaiminho (Tite) e Ermínio

PARTICIPE DA ESCOLHA DO 3° MANTO DO ESPORTE CLUBE VITÓRIA:

http://enquete.ecvitoria.adss.com.br/