VASCO 2X3 VITÓRIA Leão vence e respira


Pressionado, o leão entrou em campo no seu aniversário de 119 anos precisando vencer, de uniforme novo, com time modificado, o Vitória teve êxito e triunfou diante do Vasco por 3×2 em São Januário.

Mancini prometeu oxigenar a equipe e foi a campo com 6 mudanças e deu certo, aos 16 minutos o rubro negro abriu o placar com André Lima depois de Neilton pressionar a defesa e a bola sobrar livre para o camisa 99 chutar e fazer 1×0. Após a vantagem o Vasco foi pra cima e pressionou o Vitória até que aos 37′ Rhayner comete penalidade, André Rios bate e Caique defende, no rebote a defesa fica parada, Caique sai para abafar em André Rios e comete nova penalidade desta vez cobrada por Pikachu que empata.

No segundo tempo o Vitória teve uma postura melhor e com a entrada de Lucas Fernandes o time chegou ao segundo gol após belo contra ataque, o atacante bateu a bola desviou no zagueiro e enganou Martin Silva, Leão 2×1.

O Vasco em desvantagem se atirou ao ataque e cedeu espaços para o contra ataque mas foi de bola parada o terceiro, após a cobrança a bola bate no zagueiro Werley e entra, gol contra, 3×1 no placar. Pressão cruzmaltina, 3 defesas de Caique e aos 37 o alvinegro diminui após vacilo na marcação, Andre Rios fica de cara com Caique e fuzila para deixar o placar em 3×2.

Apesar da pressão o Vitória conseguiu sua primeira Vitória e respira na competição, agora enfrenta o Sampaio Correia pela Copa do Nordeste e domingo encara o Ceará pelo brasileirão.

FICHA TÉCNICA
Vasco 2×3 Vitória
Campeonato Brasileiro – 5ª rodada
Data: 13/05/2018 (domingo)
Horário: 16h
Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves (RS)
Assistentes: Laeirson Peng Martins (RS) e Lúcio Beiersdorf Flor (RS)
Assistentes adicionais: Vinicius Gomes do Amaral (RS) e Jonathan Benkenstein Pinheiro (RS)

Cartões amarelos: Breno, Henrique (Vasco) / Walisson Maia, Willian Farias, Fillipe Soutto (Vitória)

Gols: Yago Pikachu, Andrés Ríos (Vasco) / André Lima, Lucas Fernandes, Werley, contra (Vitória)

 

Vasco: Rafael Galhardo, Breno, Werley e Henrique; Desábato, Bruno Silva (Bruno Cosendey), Yago Pikachu, Wagner  (Riascos) e Caio Monteiro (Kelvin); Andrés Rios. Técnico: Zé Ricardo.

 

Vitória: Caíque; Lucas (José Welison), Kanu, Ramon e Jeferson;  Willian Farias, Fillipe Soutto e Rhayner (Lucas Fernandes); Neilton, Wallyson e André Lima (Denilson). Técnico: Vagner Mancini.