VASCO 2X3 VITÓRIA Leão vence e respira


Pressionado, o leão entrou em campo no seu aniversário de 119 anos precisando vencer, de uniforme novo, com time modificado, o Vitória teve êxito e triunfou diante do Vasco por 3×2 em São Januário.

Mancini prometeu oxigenar a equipe e foi a campo com 6 mudanças e deu certo, aos 16 minutos o rubro negro abriu o placar com André Lima depois de Neilton pressionar a defesa e a bola sobrar livre para o camisa 99 chutar e fazer 1×0. Após a vantagem o Vasco foi pra cima e pressionou o Vitória até que aos 37′ Rhayner comete penalidade, André Rios bate e Caique defende, no rebote a defesa fica parada, Caique sai para abafar em André Rios e comete nova penalidade desta vez cobrada por Pikachu que empata.

No segundo tempo o Vitória teve uma postura melhor e com a entrada de Lucas Fernandes o time chegou ao segundo gol após belo contra ataque, o atacante bateu a bola desviou no zagueiro e enganou Martin Silva, Leão 2×1.

O Vasco em desvantagem se atirou ao ataque e cedeu espaços para o contra ataque mas foi de bola parada o terceiro, após a cobrança a bola bate no zagueiro Werley e entra, gol contra, 3×1 no placar. Pressão cruzmaltina, 3 defesas de Caique e aos 37 o alvinegro diminui após vacilo na marcação, Andre Rios fica de cara com Caique e fuzila para deixar o placar em 3×2.

Apesar da pressão o Vitória conseguiu sua primeira Vitória e respira na competição, agora enfrenta o Sampaio Correia pela Copa do Nordeste e domingo encara o Ceará pelo brasileirão.

FICHA TÉCNICA
Vasco 2×3 Vitória
Campeonato Brasileiro – 5ª rodada
Data: 13/05/2018 (domingo)
Horário: 16h
Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves (RS)
Assistentes: Laeirson Peng Martins (RS) e Lúcio Beiersdorf Flor (RS)
Assistentes adicionais: Vinicius Gomes do Amaral (RS) e Jonathan Benkenstein Pinheiro (RS)

Cartões amarelos: Breno, Henrique (Vasco) / Walisson Maia, Willian Farias, Fillipe Soutto (Vitória)

Gols: Yago Pikachu, Andrés Ríos (Vasco) / André Lima, Lucas Fernandes, Werley, contra (Vitória)

 

Vasco: Rafael Galhardo, Breno, Werley e Henrique; Desábato, Bruno Silva (Bruno Cosendey), Yago Pikachu, Wagner  (Riascos) e Caio Monteiro (Kelvin); Andrés Rios. Técnico: Zé Ricardo.

 

Vitória: Caíque; Lucas (José Welison), Kanu, Ramon e Jeferson;  Willian Farias, Fillipe Soutto e Rhayner (Lucas Fernandes); Neilton, Wallyson e André Lima (Denilson). Técnico: Vagner Mancini.

Raimundo Queiroz, Cerezo, Copa do Brasil e comemoração!


Raimundo Queiroz foi apresentado como novo diretor de futebol do Vitória e tratou logo de falar sobre o planejamento e pensamento dele  – “ Vamos subir de qualquer jeito. Uma estrutura igual a do Vitória, um clube como o Vitória, não pode ficar dois, três anos na Série B” – Afirmou.

Logo depois Queiroz falou da expectativa na conquista de títulos nesta temporada e como se deu a sua vinda para o clube – “ É um prazer enorme estar aqui. Recebi outros convites para ir para outros clubes, mas recusei por ficar afastado do Vitória, mas o novo convite do clube foi importante. O Vitória está dando um passeio na segunda divisão. Foi um acidente que aconteceu não ter conseguido o acesso ano passado e isso não tenho dúvida” –

Ao ser questionado sobre as denuncias de corrupção e processos Raimundo Queiroz foi enfático  e criticou PC pelas declarações -“ Quero justificar as críticas, que são infundadas. Não são verdadeiras e até certo ponto desrespeitosas, até porque Paulo Carneiro foi presidente na mesma época que eu. Ele falou bobagens. Nunca tive nenhum processo. Fui em uma delegacia prestar depoimento e dias depois recebi um documento dizendo que todos os meus atos como presidente do Goiás foram normais” –

CEREZO Resolveu me ouvir

Apoiei a vinda de Cerezo e logo na 3º Rodada do baiano quando o Vitória goleou na partida em questão critiquei o treinador pela mudança no esquema tático e a utilização de 3 volantes, após isso vieram as inconstâncias, as mudanças de esquema, e a insistência em Lucio Flavio ao invés de Geovanni, e quando eu decretei o ultimato após o empate contra o São Raimundo em 0x0 dizendo ou muda de conceito ou Fora CEREZO! Eis que ele decidiu optar pelo esquema correto e colocar o que o Vitória tem de melhor em campo. Não foi debalde a boa atuação, e a goleada, isso  foi fruto da coerência e da compactação do meio de campo formado por Uelliton, Michel, Pedro Ken e Geovanni, por isso Toninho Cerezo se quiser continuar no Vitória, ganhar a confiança da galera e conquistar títulos, ouça essa torcida que entende de futebol.

Copa do Brasil

Os ingressos para a primeira decisão do ano já estão a venda, e o leão terá reforços contra o São Raimundo, Nino e Victor Ramos estarão a disposição, Marquinhos e Romário também não deverão ser problemas, já Rildo e Wellington Saci se esforçam para estarem prontos no BAVI.

Surpresa. Recuperado de uma lesão na panturrilha, , o jogador índio participou normalmente da movimentação, mostrando que está 100% do problema. Ele, inclusive, foi relacionado para o confronto diante dos sergipanos.

Outra surpresa foi o meia Tartá. De volta após um período no departamento médico por conta de uma contusão muscular, o atleta deve ficar pronto para o segundo clássico Ba x Vi do ano, domingo, no Barradão.

Confira a lista do relacionados:

Goleiros: Renan e Douglas

Laterais: Léo, Mansur e Nino

Zagueiros: Victor Ramos, Gabriel e Rodrigo

Volantes: Mineiro, Michel, Róbston e Uelliton

Meias: Pedro Ken, Geovanni, Arthur Maia e Lúcio Flávio

Atacantes: Dinei, Marquinhos, Índio e Neto Baiano

A diretoria de arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), divulgou o trio de árbitros que trabalhará na partida entre Vitória e São Domingos, nesta quarta-feira (14), às 20h30, pela Copa do Brasil, no Barradão.

Sebastião Rufino Ribeiro Filho, da Federação Pernambucana, comandará às ações na casa rubro-negra. Ele será auxiliado por uma dupla do Distrito Federal: Marrubson Melo Freitas (Aspirante ao quadro da Fifa) e José do Nascimento Júnior.

O baiano Manoel Nunes Lopo Garrido (CBF) será o quarto (reserva) árbitro no confronto que o Leão precisa vencer para garantir classificação à próxima fase da competição.

Uniformes 2012

O Vitória pretendia usar a modelo Nicole Bahls, ex-namorada do zagueiro Victor Ramos, e a ex-BBB Anamara no lançamento dos uniformes 2012. A apresentação das camisas será dia 27, uma terça, em paralelo à inauguração da loja Planeta Vitória, instalada no Barradão. Com o rompimento do jogador com a modelo acredito que ele será sacada do evento.

 

Comemoração pelos 200 mil acessos

Os papéis de parede já estão prontos, estou apenas fazendo aqueles com as frases que estão sendo enviadas para o blog e para o meu e-mail, acredito que mais do que série de 2011, que será um grande sucesso entre a galera rubro negra, eu particularmente gostei muito.

PS: Desculpe a não publicação dos textos pré e pós jogo contra o Camaçari, um abençoado para não proferir maldição, teve a idéia brilhante de cortar o cabo da minha conexão e fiquei dois dias sem conectividade, por este motivo não publiquei os textos.

SRN