São Paulo x Vitória Na estreia de Gallo, Vitória precisa fazer história


O técnico Alexandre Gallo disse que é uma grande benção estrear diante de uma equipe grande como o São Paulo e que irá para partida com o pensamento de triunfar, para isso o Vitória terá que fazer história e pela primeira vez em campeonatos brasileiros vencer a equipe paulista no Morumbi.

Reforçado com o retorno do capitão Willian Farias, Gallo promoveu 4 mudanças no time, além do camisa 5, Patric foi mantida mas irá para lateral, Gabriel Xavier será o armador, David retoma a titularidade no ataque e Neilton será pela primeira vez titular e justo contra sua ex- equipe, ele e Kieza irão garantir a lei do ex? Espero que sim.

Na equipe paulista, Rogerio Ceni não conta com Cueva e Rodrigo Caio, convocados para suas respectivas seleções mas ganha Thiago Mendes, Wellington e o recém chegado Maicosuel. O treinador decidiu manter mistério e fechou o último treino da equipe tricolor.

NÚMEROS DE SÃO PAULO X VITÓRIA

O são Paulo é o 11° com 6 pontos e 50% de aproveitamento

O Vitória é o 19° com 1 ponto e 8,3% de aproveitamento.

23 Vitórias do São Paulo

4 Empates

 

FICHA TÉCNICA: São Paulo x Vitória

Campeonato Brasileiro 5 Rodada

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo
Data e horário: quinta-feira, às 19h30 (de Brasília)
São Paulo: Renan Ribeiro; Lucão, Maicon e Militão (Lugano); Thiago Mendes, Jucilei, Cicero e Júnior Tavares; Marcinho, Pratto e Thomaz (Wellington Nem ou Maicosuel)

Vitória: Fernando Miguel;Patric,Fred,Alan Costa e Thallyson;Willian Farias,Uillian Correia e Gabriel Xavier; David, Neilton e Kieza.
Arbitragem: Rafael Traci (PR), auxiliado por Ivan Carlos Bohn (PR) e Luciano Roggenbaum (PR)

[SÃO PAULO X VITÓRIA] Rubro negro que acabar com tabu histórico contra tricolor Paulista


São Paulo x Vitória

 

Sem ainda ter vencido nesse campeonato brasileiro fora de casa, o rubro negro busca seus primeiros 3 pontos longe de Salvador diante do tricolor paulista, para isso terá que superar um tabu de 44 anos sem nunca ter vencido o São Paulo em seus domínios em campeonatos brasileiros, são 15 jogos e o máximo até hoje foram 2 empates que o leão tenha melhor sorte hoje.

Mancini não contará com quarteto Maicon Silva, Leandro Domingues, Marcelo e Flávio que mesmo com exames não apontando nenhuma gravidade após choque feio que o deixou desacordado por segundos em campo no ultimo domingo, fica de fora por recomendação médica e da CBF que pede 72 horas de afastamento em casos semelhantes.

Bauza também definiu seu time sem 4 titulares Kelvin com desconforto muscular e Michel Bastos voltando de lesão não treinaram e devem ser poupados, Paulo Henrique Ganso e Rodrigo Caio recém chegados da seleção podem mudar a definição do time de Paton, o meia se colocou a disposição do treinador mas isso só ficará definido minutos antes. Quem é retorno certo ao time é o atacante Calleri que não atuou na ultima partida por que um amigo faleceu em acidente de moto e ele viajou a Argentina para prestar as ultimas homenagens.

Oscilante no campeonato com 2 triunfos, 2 derrotas nos últimos 4 jogos e vindo de derrota em casa no ultimo jogo o São Paulo ocupa a 7ª colocação com 10 pontos, um a mais que o Vitória que com 9 pontos está em 13º, além disso o tricolor tem o segundo pior ataque empatado com o Fluminense com apenas 6 gols marcados, sendo superior apenas ao Botafogo com 4 tentos marcados até aqui.

Histórico

32 jogos com 22 triunfos do São Paulo 4 empates e 6 triunfos do Vitória

Não empatam no brasileiro desde 1994

FICHA TÉCNICA

São Paulo x Vitória

Campeonato Brasileiro – oitava rodada

Local: Morumbi, em São Paulo

Data: 15/06/2015

Horário: 19h15

Árbitro: Wagner Reway (MT)

Assistentes:  Eduardo Gonçalves (Fifa-MS) e Fábio Rodrigo Rubinho (MT)

São Paulo: Denis, Bruno, Maicon, Lugano (Rodrigo Caio) e Matheus Reis; João Schmidt e Thiago Mendes; Auro (Michel Bastos), Ytalo (Ganso) e Centurión; Calleri. Técnico: Edgardo Bauza.

Vitória: Fernando Miguel; Norberto, Victor Ramos, Ramon e Diego Renan; Amaral, Willian Farias e Tiago Real; Dagoberto, Marinho e Kieza. Técnico: Vagner Mancini

[SÃO PAULO X VITÓRIA] Não e questão de vingança, é questão de Libertadores


são paulo x vitória

 

Quando a bola rolar para Vitória e São Paulo no Morumbi, objetivos diferentes serão combustíveis dos dois lados para tentar o triunfo, o time paulista busca fugir da zona de rebaixamento, enquanto o rubro negro busca uma vaga na zona de classificação para Libertadores.

O Vitória joga também para quebrar o tabu de nunca ter vencido o São Paulo no Morumbi, são 12 jogos com 10 triunfos paulistas e 2 empates.

O time de Ney Franco esta definido e tem o retorno de Victor Ramos, já o time de Muricy pode contar com algumas surpresas já que o treinador escondeu o time da imprensa.

 

São Paulo em principio de nova crise, com problemas na gestão de Juvenal, a torcida pressiona e após conseguir sair rapidamente do sufoco, eis que o tricolor novamente esta ameaçado de rebaixamento, o segundo na sua história, já que ele contou na década de 90 com uma virada de mesa para não ir a segundona do estadual. O rubro negro que esta invicto no segundo turno e vem de 2 triunfos fora, espera engatar o 3 triunfo e embalar ainda mais na  competição.

Rogério x Franco

Quando todos esperavam uma espécie de revanchismo, eis que Ney Franco novamente se mostrou inteligente, e tratou logo de acabar com essa história de vingança, ou sentimento de revanche, o treinador esta correto, pois não é questão de vingança, é uma questão de Libertadores.

FICHA TÉCNICA

Série A

São Paulo x Vitória

Local: Morumbi, em São Paulo (SP).

Data: 05/10/2013

Horário: 21h

Árbitro: Anderson Daronco

Auxiliares: Rodrigo Henrique Corrêa e José Eduardo Calza

São Paulo: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rodrigo Caio e Antônio Carlos; Reinaldo, Douglas, Wellington, Maicon e Ganso; Ademilson e Luís Fabiano. Técnico: Muricy Ramalho.

Vitória: Wilson; Ayrton, Kadu, Victor Ramos e Juan; Luiz Gustavo, Cáceres, Escudero e Renato Cajá; Marquinhos e Dinei. Técnico: Ney Franco.

 

PS: A pressão da Felina deu certo, o jurídico do Vitória leu o texto e anunciou que vai entrar com ação na justiça, o episódio contra a instituição na Arena 51 não passará em branco.