E aí Vitória como e quando será?


Às vezes me pego pensando nas campanhas de marketing que eram utilizadas no BARRADÃO na década de 90, e sempre chego à conclusão de que aquele foi o momento mais próximo do clube rumo ao processo de crescimento. Projeto Rússia, Tóquio, Vitória Mania, Axé Vitória, Tetete Vitória e tantos outros, é bem verdade que estas tentativas não tiveram muito êxito, há não ser o Vitória Mania que é praticamente o mesmo sistema de sócio torcedor que temos atualmente, o SOU MAIS VITÓRIA.

Há verdade é que víamos e sentíamos o Leão da Barra galgando espaços e planejando o seu futuro, a expectativa era de que realmente em um espaço curto de tempo teríamos um clube mais estruturado e pronto para conquistar, mas o tempo passou e o sentimento é de retrocesso total na toca do Leão.

Naquela época quando estava assentado na arquibancada do monumental, os meus pensamentos sempre vagavam, e ansiava por viver as possibilidades descritas em cada um daqueles panfletos. E é justamente por isso que no momento eu penso que mesmo não querendo o retorno dele, tenho que afirmar que a maior diferença entre a gestão de Alexi Portela para a de Paulo Carneiro, é que PC nos ensinou a sonhar, e a sonhar com um Vitória grande.

Digo tudo isso após ver o Coritiba pela segunda vez na final da Copa do Brasil, talvez você tenha pensado aí o que tem haver uma coisa com a outra, calma, eu explico. No meu pensamento o caminho do rubro negro para o crescimento hoje, resume-se a COPA KIA DO BRASIL, e digo logo que não é questão do tão sonhado título nacional em suma, mas os leques de possibilidades que a conquista desta competição remete. O Coritiba teve um faturamento de aproximadamente R$ 9.000.000,00(nove milhões)com as classificações para as finais de 2011 e 12  e tudo isso só ocorreu depois de uma grande reformulação, pasmem foi após o rebaixamento que o time paranaense aprendeu a crescer.

Rebaixado para segunda divisão, endividado, estádio quebrado e interditado, os prognósticos não eram positivos, mas a diretoria do Coxa teve coragem e planejou um processo de reestruturação total do clube e isso envolveu todos os setores. Eles começaram por mudar a diretoria, contrataram ex- executivos de grandes empresas, pessoas com conhecimento empresarial e fizeram um planejamento paralelo ao departamento de futebol, a meta era retornar a elite, estruturar as contas do clube, e ser campeão da Copa do Brasil em 2012. Vocês sabem tudo que tem acontecido e por isso para de falar do Coritiba que inclusive nos eliminou este ano desta competição para comentar alguns fatos do rubro negro.

O faturamento do Vitória foi de mais de RS 5.000.000,00(cinco milhões) por chegar a final da Copa do Brasil 2010, o Leão abocanhou com arquibancada, premiações para cada avanço de fase, 2 patrocinadores exclusivos e crescimento de quase 50% do programa se sócio torcedor em virtude daquele ótimo momento, e é justamente por isso que a conquista da Copa do Brasil é para mim, a melhor e mais curta maneira do brioso crescer. Além de saciar o desejo pelo sonho do título nacional, e chegar a libertadores, teremos amplas possibilidades financeiras para dar um rumo de crescimento Vitória, mas temo muito que o momento não tenha ficado para trás, pois com as mudanças impostas pelo Corinthians a CBF, a competição será remodelada em 2013 e tende a ficar muito mais complicada, além de que durará praticamente o ano todos, sendo paralela ao campeonato nacional, e é por isso que eu pergunto: E aí Vitória como e quando será?

projeto Rússia

http://www.arenanordeste.com/paulo-carneiro/projeto-russia-capitulo-i

projeto Rússia parte 2

http://www.arenanordeste.com/paulo-carneiro/projeto-russia-capitulo-ii

Vitória um clube Auto-sustentável

https://valmerson.wordpress.com/2011/01/25/vitoria-um-clube-auto-sustentavel/

SRN