PONTOS IMPORTANTES DA ENTREVISTA DE PAULO CARNEIRO PARA O NO AR COM ANDRÉ HENNING


A entrevista do ex-presidente do Vitória Paulo Carneiro ao programa NO AR com André Henning tratou de assuntos da história do clube mas foca apenas no lado positivo da gestão PC, talvez por falta de tempo as perguntas tenham sido centralizadas aos feitos que destacaram Paulo ao longo do seu comando a frente do EC Vitória, dentro de tudo que foi dito destaquei 5 pontos que considero importantes e que valem a reflexão.

1-COPA E LIGA DO NORDESTE

2-CRIAÇÃO DE UMA LIGA NACIONAL

3-DIVISÃO DE BASE

4-CAMPEONATO BAIANO

5-POLITICA DO ESPORTE CLUBE VITÓRIA

 

1 COPA E LIGA DO NORDESTE

O ex-presidente Paulo Carneiro na entrevista contou parte dos bastidores da Criação da Copa do Nordeste e citou a importância do retorno da competição ao formato que o consagrou nos anos 90, para PC, os clubes precisam se unir para priorizar o formato com datas aos sábados e domingos, aumentando o interesse dos investidores e elevando a competição que hoje vale R$ 30 milhões há um patamar de R$ 100 milhões por ano.

2-CRIACÃO DE UMA LIGA NACIONAL

Paulo retorna ao polêmico assunto do clube empresa, cita o exemplo da Argentina e diz que há uma necessidade de criar uma liga que defenda os interesses dos clubes principalmente no que tange a negociação dos direitos de transmissão, o ex-presidente afirma que os clubes aceitam muito passivamente os valores oferecidos pelas emissoras e cita o exemplo da entrada do Esporte Interativo que com a quebra de monopólio fez os valores da tv fechada saltar de R$ 60 para R$ 500 milhões.

3- DIVISÃO DE BASE

Ao citar a formação de grandes nomes na divisão de base, Paulo Carneiro fala da metodologia e do projeto do clube, e diz ser necessário que o clube tenha uma identidade independente do treinador, mostrar ao profissional que a filosofia do clube é ter por exemplo 2/3 de atletas formados em casa, pois não tem como ser diferente dada a diferença de orçamentos e que o clube precisa aliar as novas ferramentas de fisiologia, psicologia na formação de novos atletas.

PC ainda citou as competições internacionais, os confrontos contra grandes equipes do futebol mundial como fundamental na formação e que demonstrava a força do Vitória como uma das principais escolas do futebol mundial.

4- CAMPEONATO BAIANO

Para o dirigente é necessário que a dupla BAVI se uma, reúna com os clubes para mudar o formato da competição com calendário até junho mas com equipes sub-23, ele cita a possibilidade de ampliar o numero de equipes, ter mais praças esportivas, aumentando o interesse do mercado na competição.

5- POLITICA NO ESPORTE CLUBE VITÓRIA

Um clube dividido politicamente, assim Paulo define o Vitória antes dele e o Vitória atual, para PC o clube só pode crescer na sua gestão porque houve um projeto que foi abraçado, porque os nomes se unirão em prol de um projeto de fortalecimento do clube.

“O Vitória esta dividido politicamente desde o inicio de 2017 e isso é muito ruim” disse Paulo.

PC diz reconhecer a legitimidade de Ricardo David e que torce pelo mesmo, mas critica o isolamento do atual presidente há quem afirmou já ter se colocado a disposição para ajudar e citou também o ex-presidente do Vitória e atual presidente da Liga do Nordeste Alexi Portela que poderia contribuir neste momento de turbulência.

“O Vitória precisa se unir, precisa acabar com essa instabilidade politica” finalizou.

PS: Reitero a opinião do Leão Minha Paixão de apoio incondicional a democracia do clube e do direito de Ricardo David em cumprir seu mandato e que o próximo presidente seja escolhido na eleição no final de 2019.

Anúncios

Ivã Almeida e Paulo Catharino falam do “Novo” Vitória


imagekakakNa noite de ontem(16) Ivã de Almeida e Paulo Catharino, concederam entrevista na rádio FM Itapoan e falaram um pouco do que pretendem implantar no Esporte Clube Vitória na gestão VITÓRIA DO TORCEDOR.

Ivã de Almeida

25015iv-de-almeida-escolhido-como-candidato-na-chapa-vit-ria-do-torcedor-2O novo presidente será empossado na próxima segunda(19) mas afirmou que já vem trabalhando com uma equipe a cerca de 2 meses, entre as principais falas do comandante, as que se destacaram foi:

TRANSIÇÃO: Ivã elogiou o ex-presidente Raimundo Viana e agradeceu o fato dele estar colaborando totalmente nesse 1° momento, Viana tem demonstrado todos os passos do clube e facilitando com isso que o trabalho de IA possa ter resultados mais rapidamente.

FIM DA POLÍTICA DE PÉS NO CHÃO

Pés no chão é arriscado, precisamos ser arrojados, entendo que time vencedor é investimento e faremos de tudo para formar um Vitória campeão.

GESTÃO, FUTEBOL E BASE

Ivã de Almeida com toda sua experiência na área, admitiu que seu governo será na gestão do clube, sem maiores influências sobre os outros setores. Sinval Vieira será o homem forte tanto do futebol quanto das divisões de base mas terá profissionais na equipe para auxiliar nas contratações e gerenciamento, sobre a base, ele confirmou que o “fracasso” atual nas competições e na revelação de grandes nomes, já fez Sinval pensar na mudança de treinadores e na forma de trabalho e que não haverá mais choques na transição dos atletas para o profissional, haja vista que Sinval comandará os dois setores.

UNIÃO COM A OPOSIÇÃO

Para o presidente, este é o momento de trazer de volta a unidade no clube e disse que já conversa com os outros 3 grupos para alinharem forças em prol do Vitória.

PAULO CATHARINO GORDILHO FILHO

paulo catharino gordilho filhoO novo presidente do conselho deliberativo falou da luta nestes 6 anos com diversos grupos de oposição e a união de boa parte destes, o que levou a VdT ao triunfo. Reuniões,AGE, e medidas para que o torcedor pudesse votar e pra que de fato o clube pudesse ter uma oposição.

REUNIÕES DO CONSELHO

Paulo prevê a primeira reunião do conselho para próxima quinta-feira(22) e nela já deliberar a aprovação do orçamento do clube em 2017.

PCGF prometeu transparência e participação do sócio e do torcedor do clube e que todas as reuniões do conselho terão transmissão ao vivo em algum canal de mídia do EC Vitória para que o torcedor saiba o que esta sendo deliberado.

MUDANÇA DO ESTATUTO

O presidente pretende entregar em abril o novo estatuto do clube com sócios tendo direito a voto direto para escolha do novo presidente e formação de um conselho proporcional ao n°s de votos de cada chapa, além disso afirmou que estudam mudar o processo de carência do ST que atualmente é de 18 meses. É preciso diminuir esse tempo, trazer mais torcedores para dentro do clube(Paulo Catharino).

PROJETO ARENA

Paulo C.G. Filho “O conselho não irá abrir mão de votar nos projetos do clube, se o presidente Ivã entender que o projeto da Arena Barradão é interessante, ele terá que ser apresentado ao conselho, e através da deliberação do conselho, o projeto poderá ter prosseguimento”.

“Não queremos com isso, engessar o clube, o presidente terá autonomia para gerir o clube mas projetos dessa dimensão precisam passar pela aprovação dos conselheiros.(Paulo Catharino Gordilho Filho).

Com tudo isso amigos, já podemos ver o inicio do desenho o que será o EC Vitória 2017-2019 e entender quais os caminhos que o clube deverá prosseguir a partir da próxima segunda-feira quando os novos governantes serão empossados oficialmente e com a confirmação dos novos dirigentes que serão anunciados em cada setor do clube.

 

VITÓRIA DO TORCEDOR vence e Ivã de Almeida é o novo presidente do Vitória


phototastic-15_12_2016_14fb9084-f571-40c1-8a11-f5b3bb2da0ffPedro Catharino Gordilho Filho é o novo presidente do conselho deliberativo do Esporte Clube Vitória e a chapa Vitória do Torcedor ficará com as 200 cadeiras do conselho que elegerão na próxima segunda-feira, Ivã de Almeida como novo presidente do Vitória.

Sinval Vieira será o novo homem forte do futebol do clube e a chapa promete AGE em 90 dias para mudança do estatuto e aprovar eleições diretas e voto proporcional na próxima eleição.

Números finais da eleição no Vitória:

Vitória do Torcedor: 528
Vitória de Todos Nós: 425
Vitória Gigante: 391
Vitória Mais forte: 246

OPINIÃO: Não fiz campanha para nenhuma das chapas emas em primeiro momento não estou feliz com o resultado da eleição, pelo menos nos debates quando sabatinado, achei que Ivã não teve boa desenvoltura mas já que venceu, torço sinceramente para que ele desenvolva um grande trabalho, sobretudo no futebol do clube.

Parabéns aos meus amigos Fabio Mota, Fabio Monteiro, Toshio, Andrei Fucs, Anderson Nunes que agora serão conselheiros do clube e que ajudem sim a fazer um Vitória gigante, cada vez mais forte, de todos nós, um Vitória campeão, Vitória do Torcedor!

 

[Eleição] Destaques dos 4 candidatos a presidência do Vitória!


phototastic-08_12_2016_43bb9d6d-8270-45d4-854a-77b08998ea97Amanhã (15/12) conheceremos o novo presidente do EC Vitória para os próximos 3 anos e o LMP resolveu destacar pontos positivos e negativos dos candidatos.

RAIMUNDO VIANA (CADA VEZ MAIS FORTE)

650x375_raimundo-viana-presidente-do-vitoria_1514277O atual presidente do Vitória assumiu o clube em grande crise após sucessivos fracassos de Carlos Falcão e conseguiu apagar as chamas.

Acesso pra série A do brasileiro

Campeão baiano 2016

Classificou para Copa do Nordeste 2017

Permanência na série A em 2017

“Fim da política de pés no chão” Com as compras dos direitos federativos de Marinho, Kieza e William Farias.

Inicio do projeto Arena Barradão.

O mandato de Viana também teve pontos negativos e com forte impacto na imagem do cartola.

Não aprovar a eleição direta para presidente

Não aprovar a formação de conselho proporcional.

Não ter renovado com Escudero e Gatito.

Não reforçar o elenco para o segundo semestre

Demora na definição da saída de Mancini

Campanha irregular no brasileiro

PAULO CARNEIRO (VITÓRIA GIGANTE)

10-03-15_paulocarneiro100315_1481207607Paulo foi presidente do Vitória na década de 90 e acumulou polêmicas a frente do comando, com estilo arrojado e agressivo, PC acumulou fãs e desafetos no clube.

Maior campeão estadual e do nordeste

11 consecutivos na série A

Revelação de grandes jogadores na base

Base papa títulos internacionais

Incluiu o Vitória no clube dos 13

Contratações de grandes craques(Petkovic,Bebeto,Túlio,Mazinho,Aristizabal,Edilson,Vampeta)

Vitória passou a mandar oficialmente seus jogos no Barradão

Boas campanhas nos brasileiros 93,98,99 e Copa do Brasil 2003

Mas como nem tudo é flores, houve também muitos problemas nos 17 anos em que PC ficou no comando.

Problemas de relacionamentos com parte da imprensa

Casos de agressão a repórteres e jogadores

Polêmica vendas de atletas como Hulk

Processo contra o clube com documentos falsos

Ida para o rival

Rebaixamento para séries B e C consecutivamente

RICARDO DAVI (VITÓRIA DE TODOS NÓS)

ricardo-daviRicardo teve passagem no departamento de marketing do Vitória e fez bom trabalho no setor, com ele as mídias sociais cresceram, o clube teve duas premiadas ações de marketing que ganhou o mundo mas também ficou marcado por criação de camisa “comemorativa”no rebaixamento 2014 ede estar ligado a gestão Falcão e sobretudo ter declarado que era contra eleições diretas.

IVÃ DE ALMEIDA( VITÓRIA DO TORCEDOR)

25015iv-de-almeida-escolhido-como-candidato-na-chapa-vit-ria-do-torcedor-2

Conselheiro do clube a bastante tempo, Ivã ganhou notoriedade nos últimos 6 anos e pode ser reconhecido como o cara que engatinhou um processo de oposição no clube quando em 2010 prometeu ir para o bate chapa com Alexi Portela e em 2013 com Carlos Falcão mas tem justamente isso contra a sua pessoa, após reunião do conselho desistiu de candidatura e esteve entre os que elegeram AP e CF por aclamação e sobretudo pelo fato de que nos períodos pós eleições não manteve uma postura sólida de oposição.

PS: Pouco se tem dos feitos de Ricardo Davi e Ivã de Almeida que permita listar seus pontos positivos e negativos até pelo fato de que nunca geriram o clube como os outros candidatos.

 

 

BOMBA: Chapa Vitória Gigante de Paulo Carneiro foi oficialmente impugnada!


vitória giganteA comissão presidida por José Rocha emitiu nota oficial no site do Vitória na qual decide impugnar a candidatura da chapa Vitória Gigante de Walter Seijo e Larissa Dantas com apoio do ex presidente Paulo Carneiro.

Membros das chapas Vitória de Todos Nós e Vitória do Torcedor fizeram requerimento para impugnação da chapa por descumprimento de regras do estatuto, e foi acatado.

O VG deve recorrer da decisão e podemos ter um grande imbróglio e judicialização da eleição do clube.

Abaixo o anexo da impugnação:

wp_ss_20161123_0001

Frase de Raimundo Viana traduz muito sobre como o Vitória é “GOVERNADO”


650x375_ec-vitoria-raimundo-viana-silvoney-salles_1520330Para algumas pessoas a frase dita pelo presidente Raimundo Viana foi apenas algo desastroso mas na verdade o que foi dito revela as entranhas do pensamento arcaico e a forma como o EC Vitória é conduzido.

Ao ser interpelado o presidente disse: “…SOU CONTRA O REBAIXAMENTO DOS GRANDES. O INTER É CAMPEÃO MUNDIAL. DEVERIA HAVER UMA PROTEÇÃO ESPECIAL, UM RANKING QUE PROTEGESSE OS MAIORES CLUBES.”

O Vitória clube presidido por Viana pode ser rebaixado mas Inter não? Quer dizer então que um clube jamais pode ascender ou descender de seu status de grande ou pequeno mesmo com seus feitos dentro de campo, não importando a gestão e o trabalho, o mérito e a competência.

Muito se discute d injusta forma como os recursos são divididos pela TV entre os clubes mas seguindo a lógica de RV nada deve mudar. Essa maneira “conservadora” mostra o porque dele Raimundo Viana ser um dos que barram eleições diretas no Vitória e que independente dos resultados das gestões, o clube tem que continuar na mão dos “Monarcas elitistas” que se julgam os grandes que não podem ser rebaixados para fora série A da presidência, diretorias e conselhos do clube.

A cada entrevista de Raimundo Viana ele solta uma pérola desagradável, desde o se achar protagonista, ao ser torcedor do Flamengo até o julgar que eleições diretas é para dar vez a aproveitadores. As palavras do gestor são preocupantes e demonstram o porque a ada dia torcedores estão descontentes com o EC Vitória a ponto de que há mais de um mês o clube não registra nem um sequer novo sócio torcedor ao PROGRAMA SOU MAIS VITÓRIA.

É presidente apesar dos péssimos nomes que surgem como prováveis candidatos a presidência do clube no fim do ano, vou torcer para que você desta vez honre sua palavra e não tente a reeleição porque “Múmias não podem ficar e fora da gestão”.

DESREUNIÃO no Vitória


vitoria sem fronteiras, vitoriaju, vitoria candango, vitoria sampa Oi TEXTO DO VITORIA CANDANGO

DESREUNIÃO” NO VITÓRIA
No último sábado (17/09), líderes da Rede Vitória Sem Fronteiras estiveram no Barradão, em reunião solicitada pelo Marketing do Vitória para apresentarem o planejamento do setor. Nossos representantes foram Raquel Ribeiro (VITORIAJU – Aracaju), Tiago Bittencourt (Vitória Candango – Brasília) e Vinicius Bittencourt (Vitória Sampa – São Paulo), munidos de questionamentos coletados pelas torcidas integrantes da Rede (22 torcidas agregadas). Eram principalmente sobre reforma do estatuto, ações de marketing, Arena Barradão e intervenções no time de futebol.
Antes de adentrar no decorrer da reunião, cabe esclarecer peculiaridades da Rede Vitória Sem Fronteiras, pois se trata de uma estrutura organizacional diferenciada dentre os movimentos de torcidas do Vitória.
A Rede não é uma torcida organizada, mas sim uma manifestação conjunta de torcidas, que muitas vezes não tem posicionamento uníssono. Imagine 50, 100, 200 torcedores em cada cidade destas 22 torcidas. Muitos deles estão há tanto tempo fora de Salvador, ou mesmo nunca estiveram tão próximos do clube. Nem por isso são menos importantes. O trabalho da Rede é dar visibilidade a esses torcedores, muitos deles associados do Vitória.
Com essa amplitude e essa capilaridade, imbuída do espírito democrático, a Rede procura ouvir os torcedores antes de se manifestar. Evitamos manifestações sobre aspectos que não são pacificados nas discussões. E as torcidas têm a liberdade de divergir do manifesto grupal e fazê-lo individualmente. Isso é democracia. E isso significa também que tudo o que publicamos requer um tempo maior de amadurecimento e de construção. Em geral, não atuamos com imediatismo.
Pois bem, voltemos a reunião do último sábado. Fomos recebidos muito bem pelo ouvidor Gilton do Carmo e nos sentamos à mesa com ele, com o presidente Raimundo Viana, com o conselheiro Ralph Fernandes, com Leila Teixeira e André Chaves, ambos do Marketing. Aí aconteceu o oposto do que a pauta previa e o oposto do que se espera de uma reunião, especialmente para torcedores que viajaram a Salvador por causa dela e precisavam otimizar o tempo.
O presidente Raimundo Viana repetiu a postura da reunião que tivemos em julho e passou cerca de uma hora e meia praticamente falando sozinho, enaltecendo as maravilhas da sua gestão. Foi interrompido algumas vezes pelos representantes da Rede, que não admitiram, por exemplo, ouvir que quem vaia o time não é Vitória, mas Victor Ramos, que ele julga ser um grande craque e ídolo, deve ser abraçado mesmo depois de fugir do seu tratamento médico para ir a uma festa em São Paulo. Ele deixou claro que prefere bater na torcida e apoiar um barqueiro pouco eficaz no seu trabalho. Chegou ao ponto de sugerir que torcedores que vaiaram poderiam ter sido “pagos”, como se a torcida do Vitória não estivesse insatisfeita o suficiente para fazer de graça. Raimundo Viana acha que torcedor do Vitória de verdade é o que pede para tirar foto com o “Vovô Mundico”.
Por quase a totalidade do tempo, Raimundo Viana se ateve a assuntos alheios a pauta. Levantou a voz para garantir seus argumentos que, em boa parte, eram também alheios a realidade, como enaltecer o desempenho de Kieza dizendo que ele é “vice-artilheiro do Campeonato Brasileiro”. Algumas poucas vezes, os representantes da Rede conseguiram falar por cima do presidente, já que era impossível não ter reação diante tanta incoerência. O presidente adotou a estratégia de desvirtuar a pauta e empurrar a reunião com a barriga. E a reunião virou “desreunião”.
Pouco pode ser aproveitado deste dia. Levamos reclamações de torcedores quanto a dificuldade de renovar o Sou Mais Vitória pelo site, especialmente em um momento em que a eleição se aproxima e, pela mente dos nossos dirigentes, se o sócio atrasar a renovação em um dia invalida todo seu tempo de vínculo, perde os 18 meses contínuos e o direito de votar. Embora o estatuto não fale nada sobre o hiato entre o fim de um plano anual e a sua renovação, é assim que eles tratam a questão.
Foram explanados dois projetos sociais. A representante do VITORIAJU falou da escolinha comunitária Leões da Colônia, em São Cristovão (SE) e recebeu a promessa do clube fazer a divulgação do projeto e realizar uma peneira entre os garotos. Pelo Vitória Sampa, a campanha de doação de brinquedos às crianças do Instituto Saica Pilar no Dia das Crianças, também com promessa de divulgação. Sobre o Sou Mais Vitória, houve uma sugestão de benefício para sócios de fora de Salvador (a garantia do ingresso quando o time jogar próximo da cidade onde ele mora), a qual o vice-presidente Manoel Matos, que apareceu depois, concordou.
Lamentavelmente, foi o pouco que conseguimos colocar em discussão em quase três horas que estivemos representados no Barradão.
A Rede realizou todo o esforço para se fazer presente e foi privada de se manifestar sobre a questão central e vital do Vitória hoje, que é a malfadada reforma do estatuto. Se lá não pudemos falar, aqui decretamos aos quatro ventos que somos mais um dentre diversos movimentos de torcedores do Vitória que brigam por eleições verdadeiramente democráticas. Lutamos por uma estrutura organizacional plural e somos contra a proporcionalidade esdrúxula de uma chapa elegendo todos os seus candidatos e as outras obtendo vagas, aí sim, proporcionais. Somos contra a proposta do presidente do Conselho Fiscal ser obrigatoriamente da mesma chapa eleita para o Conselho Deliberativo, o que geraria desconfianças sobre a fiscalização. Temos a certeza de que a Assembleia Geral jamais votará pela perda do seu próprio poder de decisão sobre alterações do Estatuto. E é justamente por desejarmos estar cada vez mais presentes que reivindicamos a alternativa de votar pelo meio virtual, o que incluirá diversos sócios de fora de Salvador no processo político.
Por fim, lamentamos profundamente as manifestações tacanhas do presidente Raimundo Viana. Temos certeza de que o presidente do nosso clube precisa ser alguém de mente mais moderna e inovadora, que se conecte com a realidade e que trabalhe pela participação da torcida no dia a dia do Vitória e não apenas viva sob o carisma de um personagem.
O Vitória hoje é protagonista, sim, mas de uma comédia de erros, de um pastelão como o visto na última reunião do Conselho. Este Conselho ainda não se deu conta de que, endossada por um possível rebaixamento para a Série B, a chance de uma chapa de torcedores de arquibancada, não viciada, ganhar é muito grande, e de acordo com o estatuto atual, os 300 conselheiros de hoje darão adeus ao clube.
O Vitória tem muitos amadores, mas definitivamente não é para principiantes.
Amanhã vai ser outro dia. A justiça vingará.
ESTAMOS CONTIGO EM QUALQUER LUGAR!

[CONTRATADO] Sherman Cardenas é o novo reforço do Vitória





EC Vitória contratou o meia Cárdenas do Atlético Nacional com contrato até o final de 2017, o meia chega por empréstimo e com passe fixado com preferência de compra pelo rubro negro.

Cardenas chega nessa terça feira, realizará exames e tudo certo assina com o clube.

ESCUDERO
Presidente afirma que com a chegada de Cardenas, o meia Damian Escudero não deverá ser contratado.

Rhayner

Clube ainda briga mas ao que parece o jogador não deseja bim, de acordo com Raimundo Viana só depende do atleta.

Apodi
Lateral foi oferecido mas de acordo com o presidente, negociações não avançaram e não deve vim.

Contratações
O clube deve anunciar um lateral durante a semana mas Viana resolveu manter em sigilo para não atrapalhar o andamento das negociações.

Gringo Rodrigo Ramallo é apresentado oficialmente


 

wp_ss_20160704_0002 (2).png

Insira uma legenda

 

O Vitória fez nesta manhã a apresentação oficial do R18 que no leão passará a ser R13, Rodrigo Ramallo da seleção Boliviana.

Ramallo treinou pela manhã com os companheiros e ao final se dirigiu a sala de imprensa onde já era aguardado para conceder entrevista e falar da sua chegada ao EC Vitória e ao futebol brasileiro.

O atacante afirmou que esta muito feliz com a oportunidade e disse que sempre treina forte para estar pronto para jogar e ajudar.

R13 tem 25 anos e chega do The Strongest da Bolívia, ele é a primeira e única contratação do clube até o momento para a disputa brasileiro e Copa do Brasil, ele aguarda que seu nome seja publicado no BID para estar a disposição de Mancini.

Qual o projeto senhores? Brigar contra o rebaixamento?


barros, mancini, viana, matos

Logo após a confirmação do retorno do Vitória a série A do campeonato brasileiro, Viana, Matos, Barros e Mancini deram entrevistas falando que o Vitória tinha um projeto (planejamento) muito forte a ser executado neste ano de 2016 que passaria por contratações para elevar o nível da equipe para disputa das competições desse ano. E logo de cara 4 decepções, as não renovações de Escudero, Gatito, Rhayner e Diogo Mateus foram sentidas e lamentadas pela torcida.

Vagner Mancini disse sobre a sua renovação “Não depende de dinheiro, isso definitivamente não é problema, a questão é o projeto que estamos pensando e isso ocorrendo eu fico no Vitória”. Ele ficou mas o projeto esta sendo atendido ?

Por sua vez Anderson Barros após a conquista do baiano disse “Isso é fruto de muito trabalho, dedicação, estamos quietos, trabalhando sem alarde e teremos um grande time para o brasileiro” já se passaram 6 rodadas e nenhuma contratação foi feita e nem sinal dos tais reforços, a letargia nas contratações preocupam, porém o diretor de futebol parece não se preocupar com as carências deste elenco e deve achar normal que Mancini seja obrigado a improvisar jogadores e a ter que escalar Vander e Maicon Silva de titulares.

Manoel Matos é o homem das promessas, o cara que aparece para as entrevistas as mídias esportivas baiana, vem desde as semifinais do estadual afirmando que o time teria 6 contratações pontuais, jogadores de nível que qualificariam o elenco, em nova entrevista semana passada, o vice presidente reafirmou sua fala mas a demora dos anúncios incomodam ao torcedor que não aguenta mais tantas especulações e nada de concreto.

Raimundo Viana em entrevista a ESPN se disse ‘‘iluminado, predestinado” a fazer coisas grandes que nenhum outro fez no Vitória, o presidente foi enfático ao falar sobre a campanha do Vitória no brasileiro e na Copa do Brasil, “ Seremos protagonistas, o Vitória vai montar um time capaz de fazer frente e não se surpreendam se beliscarmos uma libertadores”. Viana continuou falando das contratações de Kieza, Dagoberto, Victor Ramos e Marinho, comentou sobre investimentos e finalizou dizendo “ Montaremos uma forte equipe, quem sabe não vencemos a copa do Brasil? Eu acho que fui escolhido por Deus para ser o cara a levar o Vitória a conquistar coisas que ainda não conseguiu, quem sabe não faremos mais esta proeza” ?

Bom, primeiramente foi intencional publicar este texto logo após o triunfo diante do Internacional, líder do campeonato brasileiro. Mostrar que as cobranças por reforços não é algo imediatista que dependa de resultados pontuais, o Vitória poderia sim, vim a ser protagonista na série A e na copa do Brasil, os triunfos contra o Corinthians e Inter mostram o quão pobre tecnicamente estão os certames 2016, times com muitas deficiências, carências e oscilações onde 6 contratações de qualidade nos colocaria de fato num patamar de briga na parte de cima da tabela, porém o time que temos atualmente é carente de Marinho e depender 38 rodadas do camisa 07 é pedir demais e que o filme não se repita por que ele já foi exibido duas vezes em 2010 e 2014.