O Vitória na expectativa de um futuro glorioso(Gestão e Nordestão)


Esta semana fomos agraciados com duas noticias que realmente devem ser festejadas. Equilibrar os negócios do Vitória para elevar o clube ao patamar dos 10 maiores clubes do país e em seguida veio o lançamento oficial da Copa do Nordeste 2013 que terá o apoio da CBF e grandes parceiros comerciais.

Pois bem queridos, é verdade que tudo ainda é tudo ainda é mera especulação, mas a verdade é que o processo de gestão e o retorno da Copa do Nordeste tem tudo para ser um divisor de águas na história do futebol nordestino e é claro que, sobretudo o do Vitória. Há tempos que o meu pedido, o de tantos blogueiro, conselheiros e outros torcedores é que o Vitória tenha um planejamento dos seus departamentos, que haja criação de metas e profissionalização de seus setores, e foi justamente está iniciativa tomada pelo presidente Alexi Portela que foi muitas vezes duramente criticado por mim pela chamada politica de pés no chão, a melhor de todo o seu mandato na história do Leão e que pode sem duvida alguma colocar o seu nome num hall diferenciado na memoria do clube e dos seus torcedores.

De acordo com o Alexi e Falcão o clube busca através da contratação do Instituto especialista em gestão, Educação, Política e Estratégia(INGEPE) fortalecer e organizar o departamento de futebol, profissionalizar o marketing e atrair parceiros comerciais e consequentemente trazer frutos nas divisões de base, e patrimônio. A medida visa elevar o faturamento do  Vitória e chegar ao patamar dos 10 maiores clubes do Brasil se pensarmos que existem 4 grandes no Rio, 4 grandes em São Paulo, 2 no RIo Grande do Sul, 2 em Minas e logo depois vem equipes de porte médio 2 no Paraná, 2 na Bahia, 2 em São Paulo, 2 em Pernambuco e 2 em Goiás, o leão estaria pulando para a figura daqueles clubes brigam ano a ano pelos títulos nacionais e vagas nas competições internacionais , é se misturar entre:

1São Paulo

2Santos

3Corinthians

4Internacional

5Fluminense

6Flamengo

7Vasco

8Cruzeiro

9Grêmio

10Atlético MG

11Botafogo

12Palmeiras

Penso que está é mais ou menos a ordem dos 12 maiores clubes do país nos últimos 10 anos e se o objetivo do Esporte Clube Vitória é se infiltrar nesta zona e se fixar como um dos 10 maiores, teremos times mais competitivos, crescimento em patrocínios, títulos e torcida.

O retorno do Nordestão

Confesso que estou muito feliz e saudoso, está competição foi a primeira em que v i o Vitória sagrar-se campeão ao-vivo, pois estive na fonte nova naquele jogo em 97, é sem duvida alguma o torneio mais charmoso do país, e tem a rivalidade a flor da pele, sem duvida algum será um sucesso de publico e trará novamente o orgulho ao futebol do nordeste, em 2013 a Copa do Nordeste será somente uma sombra do que ela se tornará em cerca de dois a três anos, mas a edição 2013 será a mais importante, isso porque o seu sucesso e bom desempenho em audiência e publico atrairá mais parceiros comerciais e fará com que haja briga também entre as TVs abertas e fechadas e a vaga na sul-americana a partir de 2014 só abrilhantará mais a competição.

Os grupos da 1ª fase

Grupo A: Bahia, Ceará, ABC e Itabaiana

Grupo B: Sport, Fortaleza, Confiança e Sousa

Grupo C: Vitória, América/RN, Asa e Salgueiro

Grupo D: Santa Cruz, CRB, Campinense e Feirense

Os dois primeiros times de cada grupo avançarão para a fase mata-mata, da seguinte forma:
A1 x C2 / C1 x A2
B1 x D2 / D1 x B2

O vencedor de 2013 leva como prêmio a quantia que gira em torno de R$ 1 milhão. Em 2014, o campeão ganhará, além deste valor, vaga na Copa Sul-Americana de 2014.
Vitória, Bahia e Feirense fora da primeira fase do estadual

Participantes da Copa do Nordeste 2013, Bahia, Vitória e Feirense não participarão da primeira fase do Campeonato Baiano do mesmo ano. Essa foi à decisão divulgada pelos clubes durante o evento de lançamento da competição regional, realizado na noite desta quinta-feira, 13, em Fortaleza.

As três equipes só entrarão no estadual durante a segunda fase da competição, que começará obrigatoriamente após o dia 17 de março, última data reservada pela CBF para a disputa do Nordestão em 2013.

Rumo ao Hexa, Pega Leãooooooooooooo!

Vitória apresenta planejamento estratégico


A reunião foi conduzida pelo presidente Alexi Portela Júnior, pelo vice-presidente Carlos Falcão e teve como conferencista o presidente do Instituto de Gestão, Educação, Política e Estratégia (INGEPE), professor Rodrigo Santos, que discorreu sobre os mais de seis meses de uma “profunda radiografia” em todos os setores do Vitória, que culminou no Planejamento, na Política de Recursos Humanos e num minucioso Relatório Final.

Presente ao evento, o vice-presidente do Conselho Deliberativo, Silvoney Sales, foi só elogios à iniciativa. “Tivemos uma consultoria competentíssima, mas contamos, principalmente, com uma diretoria e um corpo de funcionários altamente profissionais, e isto fez com que não precisássemos ‘importar modelos’ de clubes que vivem outra realidade. Este trabalho é inédito no Norte e Nordeste e, neste formato e nível, com certeza, em todo o país”, comemorou o conselheiro.

O vice-presidente administrativo e financeiro, Carlos Falcão, exaltou a importância de saber ‘para onde vamos’ como agremiação esportiva. “Não há vento favorável, a quem não sabe para que porto quer navegar”, parafraseou o dirigente, que aproveitou o momento para anunciar a primeira boa novidade na execução do que fora planejado.

“O Vitória lançará, ainda este ano, o seu Programa de Desenvolvimento Gerencial, para seus diretores, executivos, coordenadores e, por adesão, conselheiros. Teremos um formato exclusivo, focado em um plano de intervenção, pautado no nosso Planejamento Estratégico e com certificação de uma Instituição de Ensino Superior. Tudo, com o que há de mais moderno em educação corporativa e aprendizagem organizacional, pois entendemos que ‘a bola não entra por acaso’, ao contrário do que muitos imaginam”, finalizou Falcão.