AMÉRICA MG X VITÓRIA Campeonato Brasileiro


O Vitória tem na noite de hoje(30) uma tarefa complicada, encarar o América MG no estádio independência e mesmo no inicio da competição, deixa o fantasma da zona de rebaixamento pra trás. O time conta com os reforços de Wallyson e Lucas Fernandes e terá os desfalques de Juninho e Nickson que foram vetados pelo departamento médico.

Vagner Mancini deve manter a mesma equipe que vem atuando, a duvida está por conta do lateral Jeferson que pode atuar no lugar de Welison que vem sendo improvisado no setor.

A expectativa fica em relação de qual será a postura do leão diante do coelho, o time que fez uma boa exibição diante do Corinthians vai manter a mesma estratégia num jogo reativo, ou tentará novamente propor o jogo com triangulações? De qualquer forma, o rubro negro precisa do primeiro triunfo.

HISTÓRICO

EM Campeonato brasileiros são 5 jogos com 4 triunfos do Vitória e 1 empate, o ultimo jogo foi no Barradão em 2016 e o Vitória ganhou de 2×1, no independência o jogo terminou igual em 1×1.

FICHA TÉCNICA
América-MG x Vitória
Campeonato Brasileiro – 3ª rodada

Local: Arena Independência, em Belo Horizonte
Data: 30/04/2018 (segunda)
Horário: 20h
Árbitro: Vinicius Furlan (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (ambos de SP)

América-MG:  Jori, Norberto, Messias, Rafael Lima e Carlinhos; Leandro Donizete, Juninho (Wesley) e Serginho; Marquinhos, Aylon e Rafael Moura (Judivan). Técnico: Enderson Moreira

Vitória: Caique, Jeferson (José Welison), Kanu, Ramon e Pedro Botelho; Willian Farias, Uillian Correia, Yago e Rhayner; Neilton e Denílson. Técnico: Vagner Mancini

Anúncios

Atlético Mineiro 2×1 Vitória Leão perde mais uma e volta a zona


o

atletico-2x1-vitoria

O vitória infelizmente perdeu +1 fora de casa e voltou a zona de rebaixamento após revés contra o atlético mineiro no estádio independência com 2 gols de Fred para o time mineiro e Kanu descontando para a equipe rubro negra.

O treinador vagner mancini insistiu no esquema com 3 atacantes E deixou serginho no banco a esperança do torcedor era ver o time no tradicional esquema 4 4 2 mas isso não aconteceu e o boliviano foi o escolhido pelo treinador para começar a partida. O jogo começou bom com o atlético buscando o ataque e o vitória saindo no contra ataque rápido e tentando abafar Com o sistema de marcação alta Porém os espaços deixados no meio campo foram perigosos e Robinho e Fred sempre conseguiam lances para finalizar dentro da área. Parecia não ser o dia do camisa 99 que perdeu 1 gol incrível depois de lançamento na área ele deu carrinho na bola sem goleiro e acertou o travessão mas infelizmente foi 1 ledo engano Fred viria a marcar nos acréscimos do 1os. tempo depois de lançamento ele finalizou no canto do goleiro Fernando Miguel abrindo o placar. Antes do gol de Fred 1 lance chamou muita atenção aos 36min 1 contra ataque rápido do vitória marinho recebeu em profundidade partiu conduzindo a bola e tentou encobrir o goleiro Giovanni que fez grande defesa o detalhe é que o atacante David passava Livre pra receber Marinho perdeu gol e ao final do 1. tempo o goleiro caíque reserva do rubro negro partiu pra cima do atacante e gerou 1 princípio de confusão mais os jogadores depois afirmaram que conversaram e se acertaram no vestiário.

No 2os. tempo puxe-nos continuaram buscando o gol o vitória chegou ao empate com o cano após cobrança de falta de diego renan pelo lado esquerdo o zagueiro cabeceou com precisão empatando a partida para vitória. Mancini mudou colocou Alipio e Serginho em lug r de Ramallo e David Mas foi o atlético que conseguiu o 2os. gol novamente com fred após vacilo da defesa do vitória o atacante recebeu sozinho e fuzilou o goleiro fernando miguel é decretado 2 a 1 para o atlético e dando números finais a partida.
FICHA TÉCNICA
Atlético-MG x Vitória
Campeonato Brasileiro – 23ª rodada
Local: Independência, Belo Horizonte (MG)
Data: 07/09/2016
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS/Asp. Fifa)
Assistentes: Leirson Peng Martins (RS) e Maurício Coelho da Silva (RS)
Cartões amarelos: Fernando Miguel, Marcelo, Diogo Mateus, Ramon e Alípio (Vitória); Edcarlos (Atlético-MG)
Gols: Fred – 2x (Atlético-MG); Kanu (Vitória)

Atlético-MG: Giovanni; Carlos César, Gabriel, Edcarlos e Fábio Santos; Rafael Carioca, Lucas Cândido, Maicosuel (Yago), Robinho e Carlos Eduardo (Clayton); Fred. Técnico: Marcelo Oliveira.

Vitória: Fernando Miguel; Diogo Mateus (Euller), Kanu, Ramon e Diego Renan; Amaral, Marcelo e Cárdenas; Marinho, David (Alípio) e Ramallo (Serginho). Técnico: Vagner Mancini.

Atlético MG x Vitória Leão tem tarefa difícil diante do galo


Atlético mineiro x Vitoria

Um confronto importantíssimo hoje a noite pelo brasileiro, tanto para o galo que sonha em se aproxima do líder e se fortalecer no G-4, quanto para o leão que quer fugir da cola da zona de rebaixamento.

Ambas as equipes possuem desfalques importantes, Mancini não conta com Kieza e Vander suspensos e Victor Ramos, William Farias e o recém contratado Henrique foram vetados pelo departamento médico, Zé Love não teve o nome publicado no BID nem viajou.

Marcelo Oliveira não conta com Marcos Rocha, Patric, Erazo, Leandro Donizete, Carlos, Luan e Cazares que estão no DM Otero,Pratto e Rafael Carioca estão defendendo as suas seleções mas time teve os retorno de Victor e Datólo.

O treinador Vagner Mancini confirmou que existe apenas uma dúvida manter o boliviano Ramallo e o esquema com 3 atacantes ou promover Serginho ao lado de Cárdenas e o tão pedido por todos, tradicional esquema 4-4-2. Foi realizado um treino tático com jogadas de bola parada e o treinador espera surpreender no independência.

FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-MG X VITÓRIA
Local: Arena Independência, Belo Horizonte (MG)
Data: 7 de setembro de 2016, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Leison Peng Martins (RS) e Maurício Coelho Silva Penna (RS)
ATLÉTICO-MG: Victor, Carlos César, Gabriel, Edcarlos, Fábio Santos, Yago (Rafael Carioca), Lucas Cândido, Robinho, Carlos Eduardo, Maicosuel e Fred. Técnico: Marcelo Oliveira.
VITÓRIA: Fernando Miguel; Diogo Mateus, Ramon, Kanu e Diego Renan; Amaral, Marcelo e Cárdenas; Ramallo (Serginho), Marinho e David. Técnico: Vagner Mancini.

 

[AMÉRICA MG x VITÓRIA] Leão quer vencer o coelho e embalar no brasileiro


AMÉRICA MG X VITÓRIA

 

O Vitória esta empolgado depois de triunfar sobre o Corinthians na última rodada e quer manter o embalo e vencer o América MG no estádio do independência às 21 horas de hoje.

Kieza afirmou que o rubro negro tem que ser inteligente e adotar a mesma postura do segundo tempo contra o Corinthians de contra ataques rápidos. Além disso o goleador espera mais aproximação entre ele e Leandro Domingues para criações de jogadas que resultem em gols.

Mancini tem força máxima para o confronto com exceção de Vander que cumpre suspensão automática, em seu lugar Tiago Real,Alipio, Dagoberto e Deivid disputam a vaga. William Farias recuperado volta a frente da zaga e Norberto assume se vez a lateral direita e tem a chance de se consolidar, o atleta afirmou que esta 100% e poderá atuar os 90 minutos.AMÉRICA MGX VITÓRIA

Sem Vander Mancini deverá sair do 4-3-3 e voltar ao tradicional 4-4-2 com Domingues e Real auxiliando o ataque e com mais um homem povoando o meio campo mas caso queira manter o estilo Dagoberto esta apto e pode atuar embira seja mais provável que ele comece no banco de reservas. Veja o desenho do time em campo:campo-de-futebol-wallpaper

 

Em campeonato brasileiros da primeira divisão o Vitória nunca perdeu para o América MG foram 4 jogos com três triunfos e 1 empate, a última vez que as equipes se enfrentaram na elite foi em 2001 sendo 1×0 para o rubro negro.

 

FICHA TÉCNICA

América-MG x Vitória

Campeonato Brasileiro – 3ª rodada

Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)

Data: 25/05/2016

Horário: 21h

Árbitro: Gilberto Castro Junior (Asp-Fifa-MG)

Assistentes: Clovis Amaral da Silva (Asp-Fifa-PE) e Cleberson do Nascimento Leite (CBF-PE).
América-MG:  João Ricardo; Artur, Sueliton e Alison; Hélder, Leandro Guerreiro, Claudinei, Rafael Bastos e Danilo; Victor Rangel e Tiago Luis. Técnico: Givanildo Oliveira.
Vitória:  Fernando Miguel;  Norberto, Victor Ramos, Ramon e Diego Renan; Amaral, Willian Farias (Marcelo) e Leandro Domingues; Alípio (Tiago Real), Marinho e Kieza. Técnico: Vagner Mancini.

[ATLÉTICO-MG 2X0 VITÓRIA] O jogo e os próximos confrontos


ATLÉTICO-MG X VITÓRIA

Olhar o placar e ver 2×0 para o adversário é triste na situação que o Vitória se encontra, ainda mais quando o resultado final não traduz fielmente o que foi o jogo.

O Galo até que teve mais oportunidades, buscou mais o gol, natural de quem tem a melhor equipe, joga em casa e busca o G-4, mas o Leão não foi uma presa fácil, buscou marcar forte e sair nos contra ataques e criou suas chances, mas que fora desperdiçadas.

O grande erro do Vitória foi não matar o jogo, o lance desperdiçado por Vinicius quando chutou fraco mas poderia ter passado para Dinei livre na marca do pênalti, e novamente com Vinicius aos 40 do 1º Tempo quando ele recebeu em profundidade e chegou a tirar o goleiro Victor do lance, mas chutou para fora.

No segundo tempo Escudero saiu para entrada de Adriano e por incrível que pareça o time manteve a pegada, o alvinegro tentava ao abafa, mas era impedido pela defesa bem postada, quando conseguia a infiltração, Gatito estava lá para defender, o rubro negro jogava por uma bola e as chances apareciam, porém Marcinho por duas vezes ficou esperando não sei o que, ao invés de bater no gol,no final o golpe de misericórdia, o lance mais batido, mais tentado pelos atleticanos deu certo, jogada vertical e Tardelli recebeu na  cara de JR Fernandez fazendo 1×0, pouco tempo depois a zaga dormirá e Guilherme ampliou e sepultou a partida.

JR: FERNANDEZ: Boas saídas do gols, faz suas defesas, passa tranquilidade, mas a fase do time não ajuda.

NINO: Desafoga, busca o jogo, ´um valente em campo, mas não adianta chegar, lançar, lançar e lançar se Dinei é o homem invisível

KADU e ROGER: Seguros, travaram duelos com Tardelli , Guilherme e André e tiveram êxito na maioria dos lances.

JUAN: Foi bem melhor do que nas ultimas partidas, marcou e tentou a saída com Vinicius, mas ainda pode render mais.

LUIZ GUSTAVO: Um valente como cabeça de área, marca muito forte, depois continuou bem como zagueiro.

CÁCERES: Limitou-se a marcar, apareceu pouco no apoio, mas cumpriu bem a posição de segundo volante,

ESCUDERO: Jogando mais recuado e centralizado, deu o equilíbrio ao meio, mas ficou distante para criar jogadas, gosto mais dele aberto na esquerda.

MARCINHO: Camisa 10 que se preza não pode receber aquela bolas e ficar sem saber o que fazer, nem chuta, nem avança, nem passa, ainda errou o passe no gol de Tardelli.

VINICIUS: Tem velocidade, dribla bem, cria opção, mas precisa finalizar melhor e também passar a bola nos lances que tem alguém melhor colocado, foi responsável pelo zero no lado rubro negro.

DINEI: O homem invisível, uma camisa 09 daquele tamanho que não sobe, não aparece com tantos lances de bola lançada na área.

ADRIANO: Até que hoje foi bem, ajustou a marcação, porém sua saída de bola é sofrível.

EDNO: Péssimo, pesado, sem ritmo não deu continuidade em nenhum lance.

WILLIAN HENRIQUE: Entrou mal, não conseguiu puxar os contra ataques.

NEY FRANCO: Escalou o que tem de melhor, e para mim errou na mudança de Kadu e Edno, não que isso tenha sido definitivo para derrota, mas o zagueiro estava bem e o meia foi péssimo.

FICHA TÉCNICA

Atlético-MG X Vitória
Campeonato Brasileiro – 25ª rodada
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 28 de setembro de 2014, domingo
Horário: 16h
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (CBF-SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP) e Rogério Pablos Zanardo (ASP-Fifa-SP) .
Cartões amarelo: Kadu  e Juan (Vitória); Guilherme e Diego Tardelli (Atlético-MG).
Gols: Diego Tardelli  e Dodo (Atlético-MG)
Atlético-MG: Victor; Marcos Rocha, Léo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Josué, Leandro Donizete, Guilherme e Diego Tardelli; Carlos e André (Dodô). Técnico: Levir Culpi.
Vitória: Júnior Fernández; Nino Paraíba, Roger Carvalho, Kadu (Edno) e Juan; Luiz Gustavo, Cáceres, Escudero (Adriano) e Marcinho; Vinicius (William Henrique) e Dinei.Técnico: Ney Franco.
OS 4 JOGOS DO BRASILEIRO
Com 3 jogos em casa contra: Botafogo, Goiás e Cruzeiro e 1 fora contra o Sport, o Vitória jogará a sua vida no campeonato brasileiro, a meta tem que ser 12 pontos, a diretoria tem que tomar vergonha na cara e colocar os ingressos a R$ 10 e fazer do Barradão um caldeirão nesse momento complicado.

 

[Atlético-MG X Vitória] Para que o sonho vire realidade!


ATLÉTICO-MG X VITÓRIA

O Leão faz o jogo da sua vida contra o galo, vislumbrando a classificação para Libertadores 2014, eu já digo que esse é o jogo antecipado da competição continental, porém para isso o rubro negro precisa vencer e torcer para que a rodada 38, seja tão boa quanto a 37.

De qualquer maneira o Vitória fez um grande campeonato, honrando a sua torcida e nos fazendo brigar na parte de cima da competição, sobretudo no segundo turno sob o comando de Ney Franco, o treinador chegou e disse que queria ver o Leão brigando pelo título simbólico de campeão do segundo turno e chegamos na ultima rodada realmente vislumbrando isso, com os mesmos 35 pontos do Cruzeiro e perdendo apenas no saldo de gols.

Para conseguir chegar a Libertadores o Vitória precisa vencer e torcer para que Goiás e Botafogo não vençam as suas partidas, em caso de derrotas destes adversários o Leão precisa apenas de um empate para carimbar a quarta colocação, o time pode brigar ainda com o Atlético-PR para isso o Leão precisa vencer e o time de Mancicni perder, mas o Leão precisa ainda tirar uma diferença de 6 gols de saldo.

O MOMENTO É IMPORTANTE

Dos quatro que concorre a vaga o Leão é quem vive o melhor momento, o Botafogo em crise venceu apenas um dos últimos 5 jogos e vem de uma derrota, já o Goiás teve duas derrotas consecutivas e com isso esta bastante ameaçado e seu principal jogador Walter não deverá estar 100% contra o Santos, o Atlético sofreu três derrotas nos últimos 5 jogos, isso sem contar a Copa do Brasil quando perdeu para o Flamengo, o time anda pressionado  e enfrentará o Vasco no sufoco para se salvar da degola.

Ao contrario dos adversários o Vitória venceu 3 dos últimos 5 jogos, tendo perdido apenas para o Cruzeiro, o time esta confiante e buscará o resultado para a classificação.

OPINIÃO LMP: Confiou na classificação, estou dizendo isso a muito tempo e agora é a hora da concretização, independente do resultado, postarei um texto bastante ilustrativo da nossa ótima campanha no brasileiro.