Em treino Argel testa Euller no ataque e ingressos vendidos


Marinho e David VitóriaTodas as atenções estão voltadas para a Toca do Leão na expectativa de saber se Marinho enfrentará o Cruzeiro, hoje o camisa 7 deu voltas no gramado e o departamento médico sinalizou melhora mas ainda não confirmou se jogador será liberado.

Sem Marinho Argel armou o time com Euller na posição do camisa 7 com Fernando Miguel,Diogo Mateus,Ramon, Victor Ramos, Diego Renan, William Farias, Welison, Cárdenas, Euller, Kieza, Zé Love e no segundo momento colocou David no lugar de Diego Renan mas invertendo a posição dele com Euller e Serginho no lugar de Cárdenas.

INGRESSOS

Assessoria divulga que foram vendidos para o jogo entre Vitória e Cruzeiro: 5.484 arquibancadas; 123 cadeiras; 53 visitantes.

Marinho pode voltar diante do Cruzeiro no domingo!


650x375_marinho-ecvitoria_1635005

A princípio o atacante Marinho ficaria de fora de 2 a 3 semanas e o departamento médico do Vitória não descartava uma intervenção cirúrgica que o deixaria o artilheiro da temporada por mais tempo distante do gramado mas na manhã de hoje a assessoria de comunicação do EC Vitória informou que o camisa 7 pode voltar no domingo.

Para que Marinho volte domingo diante do Cruzeiro será necessário avaliar a recuperação do atleta durante a semana e o mesmo terá que usar uma mascara protetora de nariz feita de fibra de carbono que impede que a lesão seja afetada e se agrave, Lewandowski, Ramires, Fernando Torres, Diego Costa e muitos outros atletas já usaram do recurso e tiveram êxito e agora pode ser a vez de Marinho que já ficou de fora ontem contra a Ponte Preta e segue vetado na quarta contra o Sport no Barradão!

Willie é reprovado nos exames médicos e é devolvido


willie

 

Emprestado ao Figueirense no inicio da semana, Willie vai retornar ao Vitória, isso porque o problema cardíaco que fez com que o jovem atleta fizesse uma cirurgia, acusou nos exames de admissão e o departamento médico do time catarinense acredita que é melhor não assinar contrato com o jogador que tem que fazer exames periódicos a cada 3 meses para saber as condições de saúde que tem para atuar.

Willie se junta a Vander, Edson Magal e Rómario e deixam o elenco do Vitória ainda maior, Vander deve ser novamente emprestado, Magal e Rómario poderão ser incorporados ao elenco.

REABILITAÇÃO: Escudero e Willie progridem no tratamento


escudero e willie

Escudero já caminha sem o auxílio do par de muletas. Operado da LCA (lesão do cruzado anterior) do joelho direito, o meia argentino está em fase treino de marcha e tratamento com os fisioterapeutas Clício Alves, Michel Aguiar e Dilson Conceição.

Realiza também treino funcional na academia com a orientação do professor Lucas Itaberaba, assistente da preparação física. Escudero completa 15 dias de operado nesta quarta-feira.
Em fase mais avançada, após a cirurgia de menisco do joelho direito, o atacante Willie realiza treino proprioceptivo, reforço muscular na academia e nesta terça-feira foi submetido à avaliação com o fisioterapeuta Anderson Araújo no aparelho isocinético.
A previsão é que em duas semanas, Willie esteja em campo para atividades controladas.
SITE OFICIAL DO VITÓRIA

ESCUDERO é punido com 30 dias, mas já pode jogar!


ESCUDERO VOLTA AO TIME

A expectativa é de que o cara da camisa 11 fosse inocentado de acordo com o histórico do atleta, a maneira como aconteceu o doping e sobretudo com a apresentação da tal lista de médicos da CBF que provocaram o erro.

Porém isso não aconteceu, o meia foi punido com 30 dias, mas como já cumpriu os 30 dias preventivamente, ele poderá jogar já nesta quarta contra o Vasco no Rio de Janeiro, o Vitória terá de volta o seu principal jogador, Patrícia Saleão competente advogado fez a defesa do atleta que poderia ser punido com até 2 anos de acordo com artigo 6, o médico do clube poderia pegar 4 anos de acordo com o artigo 13.

– Foi um erro do departamento médico. O atleta não tem culpa, porque foi tratado como paciente, e não como atleta – tentou argumentar o chefe do departamento médico do Vitória, Ivan Carilo, que também foi punido com um ano de suspensão.

Um ponto ressaltado pela relatoria do processo para pedir a punição ao médico do clube foi o fato de a clínica para qual Escudero ter sido encaminhado ser de propriedade de José Olímpio, integrante do departamento médico do Vitória.

A promotoria ainda poderá recorrer da decisão!

Escudero já esta no Rio de Janeiro e pode ser incluído entre os relacionados por Ney Franco.

Informações abaixo do lance net

REVIRAVOLTA

thumb

O julgamento teve um desfecho que deixaria muita final de campeonato no chinelo. Tudo se desenhava para a aplicação de uma suspensão de 60 dias ao jogador e quatro anos para o médico, como estava previsto no voto inicial do auditor-relator Felipe Bevilacqua. Mas o presidente da comissão, Paulo Valed, decidiu pedir a diminuição da pena de Carrilo para um ano. Ele foi acompanhado pelos outros auditores. Nessa mudança, o auditor Washington Rodrigues de Oliveira aporveitou a “carona” para pedir 30 dias para Escudero, conforme o voto de outro auditor, Vinícius Sá Vieira.  E aí configurou-se o empate por 2 a 2. Como a sessão só contou com quatro votantes – um auditor faltou -, há o princípio de beneficiar o réu e Escudero pegou 30 dias.

CHEFE DO DEPARTAMENTO MÉDICO LEVA GANCHO

A pena dada ao jogador foi abrandada porque a substância não melhora o desempenho em campo. O jogador tomou o remédio depois de ter recebido o aval do departamento médico do clube baiano. A receita foi dada por uma médica que não faz parte do quadro rubro-negro, a quem o jogador foi encaminhado após o tratamento aplicado pelo Vitória não ter surtido efeito.

– Foi um erro do departamento médico. O atleta não tem culpa, porque foi tratado como paciente, e não como atleta – tentou argumentar o chefe do departamento médico do Vitória, Ivan Carrilo, que também foi punido com um ano de suspensão.

Um ponto ressaltado pela relatoria do processo para pedir a punição ao médico do clube foi o fato de a clínica para qual Escudero ter sido encaminhado ser de propriedade de José Olímpio, integrante do departamento médico do Vitória.

PUNIDO: Escudero pega 60 dias de punição por Doping


ESCUDERO VOLTA AO TIME 2

A expectativa é de que o cara da camisa 11 fosse inocentado de acordo com o histórico do atleta, a maneira como aconteceu o doping e sobretudo com a apresentação da tal lista de médicos da CBF que provocaram o erro.

Porém isso não aconteceu e o Vitória ficará sem seu principal jogador até o Bavi do dia 09/10 Patrícia Saleão competente advogado fez a defesa d o atleta que poderia ser punido com até 2 anos de acordo com artigo 6, o médico do clube poderia pegar 4 anos de acordo com o artigo 13.

– Foi um erro do departamento médico. O atleta não tem culpa, porque foi tratado como paciente, e não como atleta – tentou argumentar o chefe do departamento médico do Vitória, Ivan Carilo, que também foi punido com um ano de suspensão.

Um ponto ressaltado pela relatoria do processo para pedir a punição ao médico do clube foi o fato de a clínica para qual Escudero ter sido encaminhado ser de propriedade de José Olímpio, integrante do departamento médico do Vitória.

Como a pena se encerra em 8 outubro, a volta de Escudero aos gramados se dará justamente no clássico contra o Bahia.

ESCUDERO VOLTA AO TIME gh

 

Apresentação de Juan/ E Erro sobre o Doping de Escudero


10597_570869616294410_665138556_n

Contratado para dar fim ao problema crônico na lateral esquerda do rubro negro, Juan foi apresentado nesta tarde na  sala de imprensa da Toca do Leão e falou o que espera da sua passagem pelo Vitória.

– A expectativa aqui é a melhor possível. É agarrar essa oportunidade que o Vitória está me dando. Não vejo a hora de estrear e principalmente dentro de casa. Tomara que dê certo, que eu jogue bem e que a gente faça um resultado vitorioso.

– O pensamento é ser o Juan do tempo do Flamengo. Depois que deixei o Flamengo, não tive sequência. No São Paulo não pude mostrar o meu futebol. Garra não vai faltar.

Sobre como esta fisicamente e quando deve jogar o atleta disse estar bem, e pronto para atuar e que deve sentir um pouco a falta de ritmo.

– Estou bem fisicamente para suportar o jogo. É claro que vai faltar o ritmo. Mas estou pronto

ESCUDERO

IMAGEM_NOTICIA_3

O jogador teve sinusite na semana do jogo contra o São Paulo e levou um medicamento que costuma utilizar para o clube afim de ser analisado pela departamento médico que confirmou que ele poderia usar, pois o mesmo não faz parte da lista proibida. Após o jogo o atleta foi sorteado para fazer o exame e acusou um tipo de corticoide (presente no medicamento).

O STJD decretou o afastamento preventivo do atleta de 30 dias, mas os médicos do clube contestam a ação pois em evento da CBF, o medicamento em questão estava na lista dos permitidos e por isso não entendem o porque da punição do STJD.

Com tudo isso o Vitória já entrou com recurso no STJD e o advogado, médicos do clube o jogador apresentarão a defesa de Escudero.

COLETIVA DO DOPING  (FALA DE RAIMUNDO QUEIROZ)

O Esporte Clube Vitória informa que protocolou hoje (sexta-feira) no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) defesa em relação ao resultado analítico adverso encontrado na amostra do atleta Damian Ariel Escudero por ocasião do jogo Vitória x São Paulo, realizado no dia 14/07/2013, pelo Campeonato Brasileiro da Série A.
É importante ressaltar que o atleta por se encontrar enfermo, sofrendo de uma crise aguda de sinusite, foi liberado pelo Departamento Médico do Clube a utilizar o medicamento “Prelone”. Dessa forma, o atleta agiu corretamente com prudência e somente utilizou essa medicação com autorização do Departamento Médico.
“Autorizamos o uso desse antiinflamatório somente após termos participado do encontro nacional dos médicos de futebol, patrocinado pela CBF, realizado em Natal (RN) no dia 02/04/2013, onde foi fornecida uma lista de medicamentos liberados para uso do Departamento Médico. Nessa lista a substância encontrada no exame, está liberada”, afirma Ivan Carilo, chefe do departamento médico.

 

[Notícias do Departamento Médico] Veja a situação da Toca da le(s)ão


IMAGEM_NOTICIA_3

Escudero e Vander: Jogadores farão exame na tarde desta terça feira e caso não apresentem a lesão, ficam a disposição, Escudero ainda sente dores no local e pode continuar vetado.

Nino e Neto Coruja: Jogadores já foram liberados e treinaram no dia de hoje normalmente, farão o treinamento coletivo na quinta-feira e estarão a disposição para sábado.

Mansur e Leílson: Não sentem mais dores, e depois de ser avaliados já estão liberados para os treinos da quinta-feira.

Wilson: O jogador deve ser vetado, mesmo sendo apenas um edema, existe a possibilidade de que as dores não sejam sanadas e o risco de agravar para uma verdadeira lesão, com isso deve ficar para sábado quando estiver 100%.

Ayrton e Alemão: Jogadores fizeram os exames e se encontram aptos para os treinamentos, caso seja da vontade de Caio Junior estreiam contra o Santos.

Médico diz que Wilson deve jogar contra o Coxa


imagem_1305131368484187_g

As breve orações parecem ter surtido efeito. Após a assessoria afirmar que Wilson sofre ma contusão e ficaria afastado por pelo menos uma semana, médico do Vitória desmente a situação e afirma que o arqueiro estará no gol nesta quarta contra o Coritiba.

-Acreditamos que ele estará apto nas próximas 48 horas,  nessa quarta no mínimo ele deve estar no banco, do ponto de vista médico acreditamos que ele estará em campo sem problema nenhum.

 

-A imagem mostrou um Edema, mas nem sempre a estiramento, temos 48 e vamos recuperar o atleta.

Vitória voltou aos treinos!


IMAGEM_NOTICIA_3

O Vitória retomou as atividades na manhã desta terça-feira, 18, uma semana de folga após a realização da quinta rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro, interrompido por causa da Copa das Confederações.
Todos os jogadores, inclusive o goleiro Deola, recém-operado de uma fratura no osso escafóide do punho direito, estiveram presentes ao Centro de Treinamento Manoel Pontes Tanajura.
Como programado, os jogadores foram submetidos avaliação no aparelho isocinético, sob coordenação do fisioterapeuta Anderson Araújo. Depois, correram em torno do campo 3 do CT.
Dos jogadores que estavam entregues ao departamento médico, somente Mansur e Neto Coruja ainda permanecem em tratamento. A previsão é que segunda-feira, 24, eles sejam liberados.
“Neto está sem dor, fará exame de controle e segunda-feira estará liberado para iniciar a transição do departamento médico para o físico.Mansur encontra-se dentro da previsão de três semanas para ser liberado e também segunda-feira será entregue para transição. Ele estava fazendo fisioterapia e reforço muscular”, esclarece o Dr. Luís Filipe Fernandes.
Neto Coruja sofreu uma lesão na parte posterior da coxa direita no jogo contra o Grêmio, o quarto dos cinco disputados pelo time nesta primeira fase do Brasileiro. Mansur jogou somente contra o Inter RS, na estreia, e apresentou uma lesão no adutor da coxa esquerda e pubalgia (inflamação no púbis).
Nino, Dinei (dores nos adutores), Leilson (lesão muscular) e Renato Cajá (torção no tornozelo direito) estão liberados para treinamentos físicos.
O goleiro Deola iniciou a fase de terapia ocupacional em um centro médico e a partir desta terça-feira passou a fazer fortalecimento dos membros inferiores e pedalar na bicicleta ergométrica na academia de musculação do CT rubro-negro.
Reunião
Antes das atividades deste terça-feira, o gestor de futebol Raimundo Queiroz reuniu os jogadores na sala de imprensa João Borges Bougê para agradecer em nome da diretoria o desempenho do time nos cinco primeiros jogos.
O técnico Caio Júnior falou sobre a preparação até o retorno do Brasileiro, com o Vitória jogando dia 7 de julho, contra o Goiás, em Goiânia.