[Vitória x Coritiba] O jogo da pressão


VITÓRIA X CORITIBA

Uma verdadeira batalha é o que se pode prevê para o jogo deste sábado pelo campeonato brasileiro, pressionados por melhores resultados, por afastar o perigo de degola e mirar no G-4, rubro negro e alviverde fazem duelo importantíssimo no Barradão.

Ainda sem contar com Escudero e Maxi Biancucchi, Ney Franco resolveu lançar um time com 3 volantes e desta vez Cáceres fará a sua verdadeira função como 3º homem do meio campo, onde ele se destacou jogando as primeiras partidas do comando do treinador. Ele ainda conta com o retorno de Ayrton a lateral direita, com isso Leílson  cede lugar no time e volta ao banco de reservas.

Alex andou como duvida pelo lado do Coxa, mas esta confirmado no duelo, o camisa 10 deve ser marcado de perto por Michel e Luiz Gustavo, pois é verdadeiramente o maestro da equipe, anulando as suas jogadas, o time de Chamusca perde muito da sua ofensividade.

Após um grande período de queda livre, o Coritiba voltou a vencer no brasileiro na ultima rodada em casa para o Santos, já o Vitória vem de duas derrotas e precisa do triunfo em casa para se manter na sexta colocação e mirar o G-4 e afastar qualquer possibilidade de proximidade com o z-4, o time esta pressionado por ter perdido o clássico BAVI depois de 2 anos e meio.

Ney Franco falou da importância da torcida nesse momento para voltar a vencer e disse que conta com a arquibancada para voltar aos triunfos.

Tira-teima

Vitória e Coritiba já se enfrentaram em 3 oportunidades este ano, pela Sulamericana o Vitória venceu no Barradão por 1×0 e depois perdeu pelo mesmo placar e foi eliminado nos pênaltis, pelo campeonato brasileiro eles empataram em 1×1 no Couto Pereira.

FICHA TÉCNICA
Série A
Vitória x Coritiba
Local:
Estádio do Barradão, em Salvador (BA)
Data: 12 de outubro de 2013
Hora: 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Francisco de Assis Almeida Filho(CE)
Assistentes: Clóvis Amaral da Silva(PE)  e Carlos Jorge Titara da Rocha (AL)

Vitória: Wilson; Ayrton, Victor Ramos, Kadu e Juan; Michel, Luiz Gustavo, Cáceres e Renato Cajá; Marquinhos e Dinei. Técnico: Ney Franco.

Coritiba: Vanderlei; Victor Ferraz, Leandro Almeida, Luccas Claro (Chico) e Diogo; Júnior Urso, Gil, Robinho e Alex; Geraldo e Julio César. Técnico: Péricles Chamusca.