Eleição ameaçada no ECV

vs21

Fábio Mota já havia se manifestado através de entrevista exclusiva com a gente que iria a justiça por conta de problemas com a forma que esta sendo conduzida as eleições do clube, só que antes que viesse a tona o processo de Mota a chapa do Vitória Séc XXI se mobilizou e através de um dos membros entrou com a ação para impugnar o regime eleitoral do clube, como podem ver no texto da Tribuna da Bahia abaixo.

O sócio do Esporte Clube Vitória Ricardo Santos Pereira, registro número 01002675, entrou com um pedido de impugnação contra as normas do Regimento Eleitoral para o triênio 2014/2016, que vai direcionar o processo de sucessão de Alexi Portela Júnior, prevista para a primeira quinzena de dezembro de 2013. O documento pede revisão de critérios estabelecidos no Regimento, particularmente com relação aos prazos para a divulgação da relação de sócios que tem direito ao voto na eleição do novo presidente e do novo Conselho Deliberativo do clube.

“O prazo é insuficiente para que os associados que tenham direito ao voto, que diga-se de passagem são os mesmo que estarão aptos a serem candidatos ao Conselho, possam ter a fidúcia do direito estatutário líquido e certo. A Autorização para a divulgação da lista de votantes apenas 5 (cinco) dias antes da eleição trará benefícios diretos à chapa da situação, que diante da possibilidade do uso da máquina ou do descomedimento do poder político terá prejudicado seriamente o pleito eleitoral”, diz um dos trechos do pedido de impugnação do Regime, no ofício do sócio Ricardo Santos Pereira.

O ofício, redigido em quatro folhas ofício e dirigido ao presidente da Comissão Eleitoral, Nilton Gonçalves de Almeida Filho, questiona ainda no item 08, os critérios de divulgação, restrições à publicidade da plataforma e dos projetos dos candidatos à eleição presidencial do Vitória.

Anúncios

20 comentários em “Eleição ameaçada no ECV

  1. Prezado Mocota,

    Para construirmos um novo CT e um novo Estádio devemos indagar.

    Onde será ???

    Existem terrenos na Paralela.

    Só vale a pena, em meu entendimento, mediante permuta nas seguintes condições:

    I. Arena – na Paralela ou nas imediações do Aeroporto Litoral Norte (no máximo uns 5 Km do Aeroporto).

    II. CT com 200.000 metros.

    No máximo, uns 10 Km do Aeroporto.

    Neste caso, temos dois exemplos concretos:

    CAP

    Que vendeu o Boqueirão para fazer seu futuro.

    Arena da Baixada e CT do Cajú.

    O Modesto ABC

    que trocou a Vila Olímpica pela estrutura na Rota do Sol.

    http://www.abcnatal.com.br/REPORTAGEM/REPORTAGEM_HTM/reportagem_061.htm

    Curtir

  2. Prezado Valmerson,

    Gostaria de dividir o comentário em duas partes:

    I. AS ELEIÇÕES DO ECV.

    O poder não se entrega, ele tem que ser derrotado.

    Não se enganem, Alexi Portela não entregará nenhuma parcela de poder a ninguém.

    Senão vejamos:

    1. A reforma do Estatuto tem sido estudada há mais de 02 anos.

    Enquanto isso, no rival, o interventor reformulou o Estatuto, acolhendo a proposta de direito de minoria proporcional ao número de votos de cada chapa em apenas 45 dias.

    Isso, por si só, mostra que existe um projeto de poder eterno no Vitória.

    Qdo. se tem um inimigo mais forte que nós, devemos fingir que não existe problema e continuarmos fazendo o que sempre fizemos.

    Mas, se decidirmos lutar, devemos decidir vencê-los.

    E, se esta não for a intenção, é melhor larga de mão.

    Assim, não adianta o biquinho junto a Comissão, mas sim, propor logo uma intervenção judicial como no rival.

    Do caos sairá a verdadeira democracia.

    II. INTENÇÃO DE BOICOTAR O MOCOPROJETO.

    Não tenho intenção de boicotar nada.

    Assim como você, seria favorável a Arena Paralela se fosse viável economicamente.

    Apenas pondero que não devemos vender nosso patrimônio para negociarmos com o Mercado.

    Devemos trocar nossa área por uma área de 50.000 para construção de uma Arena (devidamente terraplanada e com licenciamento ambiental de construção) e um CT com 200.000 quadrados em alguma cidade da região metropolitana que conceda boa condição ao nosso clube.

    Se conseguissemos uma permuta com estas condições, teria um aliado ao Mocoprojeto.

    Curtir

    • Oxente, Robinho!!!

      Sendo assim, Mocota vai ali providenciar o que você solicita e volta já.

      Mocota faz questão de ter você como aliado, também.

      Robson, você passando a avaliar, criticar e colaborar no Mocoprojeto tenha certeza que a margem de erro diminuirá sensivelmente.

      PS – É como a sábia Mocovó sempre diz: “Mocota acha a pedra valiosa. Mas quem tem o poder de lapidar são os sábios torcedores Rubro-Negros.”

      ————-
      Diga não a Fonte Nova. Diga $im ao Novo Barradão na Paralela em 2016.

      Avante Leão!!!

      Curtir

  3. Boa iniciativa da chapa Século XXI. A cada dia AP mostra a sua covardia e a sua vocação pra ditadorzinho de bastidores. Valmerson fiz um texto criticando a incoerência do discurso e a prática pela diretoria do clube sobre os meninos das divisões de base do Leão. Confira!

    Curtir

    • Fabinho Moderation, Mocota gostou muito do seu texto sobre a divisão de base e gostaria de fazer uns comentários, lá.

      Teria como você liberar um credito de umas 10 comentadas?!

      ————-
      Diga não a Fonte Nova. Diga $im ao Novo Barradão na Paralela em 2016.

      Avante Leão!!!

      Curtir

      • Se for pra comentar com SERIEDADE, sem nenhuma pitada de pirraça e sem os mesmos assuntos já debatidos em exaustão pode sim! Você pode pintar lá na hora que quiser, eu já te expliquei DIVERSAS VEZES. EU (e toda a galera da CRN) não suporta mais é ficar lendo as mesmas coisas sobre Bida, RS, Uelliton e tantos outros jogadores e/ou treinadores que foram do passado (mesmo que recente) e que não trabalham mais para o clube e que não foram unanimidade pela torcida.

        Curtir

      • Mocota agradece a oportunidade.

        Amigos?

        (Mocota com a mão direita estendida. Na esquerda balança uma bandeirinha branca onde tem escrito a palavra PAZ.)

        Curtir

    • Atualmente no Vitória é da seguinte maneira, inscreve-se as chapas e a vencedora fica com 100% do Conselho, o que queremos e foi proposto para mudança pelo MOVIMENTO SOMOS MAIS VITÓRIA-MSMV é que seja igual ao Internacional conselho composto por proporcionalidade a porcentagem de votos de cada chapa, elege na mesma proporção os conselheiros, tornando um conselho misto com diversas ideologias dentro do clube.

      Curtir

  4. Salve, Salve Amada Nação Rubro-Negra!

    A ideia sempre será de quem faz e não quem pensa primeiro.

    Palmas então para o Vitória Seculo 21, através de Ricardo Santos Pereira, que pensou, foi lá e fez.

    Plac, Plac, Plac…

    PS I – As chances de ser eleito tem que ser igual para todos. Se Alexi Portela, Carlos Falcão e Ney Campelo estão com medo de perder, passem a olhar para os anseios da torcida e joguem o Governo e a Arena 51 para escanteio.

    PS II – Mocota espera que o anseio de justiça do VS21 seja do mesmo nível para existir uma votação limpa para decidir se Arena multiuso sairá do projeto de Mocota ou do deles.

    PS III – Exigir democracia é fácil. Exercer são outros 500…

    PS IV – Será muita covardia exigir de Alexi democracia para as eleições e querer impor que somente em Canabrava é viável para construção de uma Arena Multiuso Rubro-Negra.

    ————–
    Diga não a Fonte Nova. Diga $im ao Novo Barradão na Paralela em 2016.

    Avante Leão!!!

    Curtir

    • Mocota, já fiz esta pergunta e não obtive a sua resposta, então farei novamente vejo você constantemente falar em uma construção da Arena Barradão na Paralela, passo todos os dias por esta avenida e não vejo nenhum terreno que possa abrigar uma arena multiuso, mesmo sendo este local no Estádio de Pituaçu na minha opinião não comporta um estádio deste formato que vc tanto reclama.

      Curtir

      • Amado irmão Gera!

        Mocota pegou as medidas da Nova Arena do Palmeiras e da Arena do Sport (área total) no google eart.

        Depois fez uma adaptação num software apropriado e verificou que o projeto paulista e o projeto pernambucano “encaixa” quase que perfeitamente tanto em Pituaçu como no Wet’n Wild.

        Lógico que o formato de todo o complexo não será idêntico e nem terão as mesmas medidas. Mas pode ter certeza que a diferença será mínima.

        Gera, Mocota defende que a melhor alternativa para o estadio do Vitória ter visibilidade, localização e acesso, e o Governo não deixar de investir na Saúde para investir em um estadio de futebol é a troca de Pituaçu pelo Barradão.

        Ganha todo mundo.

        Mas se depois de finalizada todas as possibilidades de negociação, não existir acordo, o Vitória parte para a parceria com a iniciativa privada. Wet’n Wild, por exemplo.

        ————-
        Diga não a Fonte Nova. Diga $im ao Novo Barradão na Paralela em 2016.

        Avante Leão!!!

        Curtir

      • Isso quer dizer que em o VITÒRIA construindo seu novo estádio na área onde hoje é o Wet’n Wild vai acabar com a “MELHOR SEGUNDA FEIRA DO MUNDO”?

        Mocota, Mocota, rsrsrsrsrs.

        Curtir

      • Por que acabaria?

        O que impede da “MELHOR SEGUNDA FEIRA DO MUNDO” ser realizada na Nova Arena Rubro-Negra?

        Seja ela em Pituaçu ou no Wet’n Wild?

        Hã? Hum? Hein?

        PS – Gera, sabia que o seu principio de cornetada para o Mocoprojeto virou uma valiosa Geradica, sabia?

        Gera, continue assim.

        Plac, Plac, Plac…

        ————–
        Diga não a Fonte Nova. Diga $im ao Novo Barradão na Paralela em 2016.

        Avante Leão!!!

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s