A legalização do absurdo (O futuro dos ingressos na Bahia) !

Ingressos-Jogo-Vitoria

POR: BETH DANTAS

A questão dos valores dos ingressos já foi tão abordada por todos os perfis dos meus amigos que nem entrarei em discussão. Mas é importante ressaltar que esses aumentos abusivos que estamos naturalizando podem futuramente se transformar na cova do trabalhador, que assim como os ricos também torce e quer ter o direito de assistir ao seu time amado de perto.

É nítido que querem afastar àqueles que não possuem capital dos estádios, para que esses considerados inferiores não venham a sujar os bancos com os seus sapatos de lama ou quebrar os banheiros como prova da sua condição de barbárie. A ideologia dominante rege e determina a nossa vida e temos que reagir.

Não é direito que nos privem de acompanhar o time que somos apaixonados só porque não temos R$90,00 para tal feito. A essência do futebol vai sendo perdida a cada jogo que passa. São juízes mal-intencionados que punem os atletas em suas comemorações por tirar camisa, subir em alambrado, ou dar uma ingênua flechada; são jogadores que almejam unico e exclusivamente o dinheiro, sem se importar com o caminhão de confiança que o torcedor nele depositou e partem pro rival sem nenhuma cerimônia ou timidez; é a parceria público/privada que quer elitizar o mundo e junto com ele o nosso futebol. Capitalizam os sonhos.

Extremamente vergonhosa essa situação. Espero que pensem na camada mais humilde da população ao organizar esses eventos pois para um pai de família que recebe salário mínimo pagar R$90,00 para assistir ao jogo do seu amado clube, por mais amado que seja, não é fácil.

Anúncios

13 comentários em “A legalização do absurdo (O futuro dos ingressos na Bahia) !

  1. Desculpe, mas discordo completamente de seu texto.

    O mercado e a procura por ingressos cada vez mais caros só aumentam a receita de bahia e vitória, que só assim poderá competir com os grandes clubes do Rio e Sao PAulo. Como queremos nosso clubes grandes com receita infimas??? é a logica de mercado.
    Um ingresso de Barcelona e Milan custa 300 dolares,O de Barcelona e Real Sociedade custa 57 dolares. Mesmo sem entrar no merito do timaço do Barcelona, a Logica é a mesma quanto maior a procura maior o preço do ingresso.

    Quanto a justificativa de que um assalariado minimo não terá condição de ir a um bavi. é verdade, mas a alimentação o estudo a moradia, não devem ser trocadas por um jogo de futebol. R$ 30 o ingresso como era, já afastava esse torcedor, que nem deveria ir ao estadio, mas sim se preocupar com estudo, livro ou algo que fizesse mudar e melhorar a sua condição.

    Curtir

  2. Pessoal, todos estão discutindo o preço do ingresso á R$- 90,00, só que na verdada vão ou vamos pagar R$- 45,00 pois não será cobrada a apresentação da carteira que asegura a meia entrada, o que já é feito no nosso estadio e em piTUIaçu, concordo que até mesmo a R$- 45,00 ainda seja cara para a maioria dos trabalhadores, mas se pensarmos bem é muito melhor nos associarmos aos nossos clubes do que pagar ingresso individaul mesmo que não vá á todos os jogos ainda assim é vantagem, já mim decidir não irei a este 1º jogo na arena não só pelo ingresso (provavelmente eu até ganhe um) mas taqmbém pelo tum ulto que acredito que ira ser pois além do jogo em si ainda terá um show antes, então prefiro ver como o estádio e sua organização vai se portar diante de grande quantidade de público.

    Curtir

  3. É exatamente o que falou o Fabio, futebol é negócio. Com ingressos a 10, 20 reais, como se exigir alguma melhor estrutura do estádio??? Como se exigir melhores acessos e conforto. Infelizmente é a realidade, não tem como. Esperar do poder público??? Não dá. Aliás temos (nós brasileiros) essa cultura de esperar que o poder público faça tudo, nós achamos que temos todos os direitos, mas não nos conscientizamos que temos nossos deveres tb.

    Descordo do colega Mocota que os ingressos no futebol brasileiro é um dos mais caros do mundo, muito pelo contrário. Ingresso fora daqui é muuuuito mais caro, o que fez com que os clubes profissionalizassem o seus programas de sócio e os estádios tem sua capacidade utilizada em 70 a 80% só de sócios nas partidas. Os ingressos são caríssimos e é muito difícil achar p comprar em véspera de jogo, citando aqui o exemplo da Espanha e não digo de Madrid e Barcelona, vivenciei em um jogo da 2ª divisão.

    É complicada a situação, vivemos hoje um período de transição e muita coisa no nosso país vai ser na marra. O país está bem economicamente, a partir de agora será cada vez mais difícil ter empregada doméstica em casa (com a excelente lei recém aprovada), será mais difícil ir a todos os jogos do seu time…

    Enfim, reconheço que a situação do pai de família que vive com um salário terá dificuldade de ir ao estádio, mas reconheçamos que quando o time do coração perde a torcida se une para ir à sede do clube gritar, esbravejar, exigir saída do técnico, do presidente etc… mas quando um deputado, vereador ou mesmo o prefeito da sua cidade “esculhamba” a vida do cidadão, chama o povo de otário na cara dura, ninguém se reúne para fazer nada…

    Feliz páscoa galera.

    Curtir

      • Grande Mocota, primeiramente aproveito a oportunidade para parabenizar suas postagens… vc é bom nisso cara.

        Agora sobre a reportagem e o assunto, volto a ressaltar, o problema ñ tá no preço do ingresso, repare na conclusão da matéria. O problema tá na renda do povo, tá no calendário, tá em campeonatos inviáveis como os estaduais, etc…

        Infelizmente Mocota ñ podemos exigir nada, estadios modermos, clubes estruturados, boas contratações, a conta ñ fecha. É a regra do jogo, do bom e velho capitalismo, a gente recebe o que a gente paga. Como diria alguém q esqueci e tô com preguiça de olhar no google: “não existe almoço grátis”.

        Valeu Mocota, feliz pascoa camarada e sorte p nosso time esse ano.

        Curtir

      • Mocota, o pior é que ainda tem torcedores do nosso clube defendendo, por interesse e comodismo, que adotemos a arena. Vamos levar e ferro, e sem poder reclamar depois.

        Curtir

      • O preco MEDIO do ingresso no brasil nao eh um dos mais caros.
        Quem conhece a europa sabe como sao os precos la. Jogos bem “normais” custam normalmente cerca de 60 a 70 euros, os ingressos MAIS BARATOS. Jogos mais importantes, como da Champions, por exemplo, chegam a custar de 300 a 500 euros.

        Em que planeta que isso esta no mesmo patamar que no brasil?

        A grande questao eh que a renda media mensal eh menor. Mas acho que uma pesquisa mais bem feita e representativa seria se fosse calculada a renda media mensal DOS FREQUENTADORES DE ESTADIOS.
        Outra questao eh aquela que extrapola a questao futebolistica e chega ate os pilares de uma sociedade. Se um jogo na europa custa 60-70 euros, pode-se concluir que:

        1 – A populacao tem condicao de pagar;
        2 – O estadio tem condicoes de receber confortavelmente e com seguranca aquele publico, sem contar na questao das instalacoes dos jogadores e condicoes do gramado;
        3 – A regiao das cercanias do estadio nao sao perigosas e assoladas por pobreza, trafico, criminalidade, roubos, etc;
        4 – O transporte publico atende perfeitamente a demanda dos torcedores que querem ir ao estadio, de maneira eficiente, rapida e segura. Nisto, inclui-se onibus, metros, trens, taxis, etc;

        Entao, quando o preco de um jogo na europa custar 100 euros, saibam que ele VALE o que custa. No brasil, independente do preco, pouquissimos, ou talvez nenhum, dos estadios incorporam os valores associados aos itens supracitados.

        Se tentarmos abordar de uma maneira matematica, imaginando qual seria o valor do ingresso do brasil, caso ele estivesse nos mesmos padroes dos valores da europa, no que diz respeito a razao valor do ingresso / renda mensal media da populacao.
        Utilizando a Alemanha como exemplo, temos:

        Preco do ingresso na alemanha: R$ 43,79.
        Renda mensal media na alemanha: R$ 6.813,99.

        (43,79 * 100) / 6813,99 = 0,643%

        Multiplicando o resultado pela renda media mensal do brasileiro, temos:

        (0,643 * 2042,47) / 100 = R$ 13,12.

        Ou seja, para termos um valor similar ao da alemanha, a media dos nossos ingressos teria que ser 13 reais. Alguem aqui acredita nesta utopia ?
        Ate o cinema custa mais de 20 reais.

        Logo, fazer este tipo de comparacao, na minha opiniao, eh completamente inutil. Cada pais vive a sua propria realidade. Se alguem aqui acha que os precos dos nossos ingressos tem que ser parecidos com os da europa, do ponto de vista da relacao “preco / renda mensal”, acho que temos que cobrar primeiro eh saude parecida com a da europa, educacao parecida com a da europa, lazer parecido com o da europa, seguranca parecida com a da europa…

        Curtir

  4. Belíssimo texto Beth Dantas!!!

    Plac, Plac, Plac…

    O ingresso do futebol brasileiro é um dos mais caros do mundo. Estão aproveitando a onda Copa do Mundo para que os que tem riqueza e poder aumente mais ainda a riqueza e o poder.

    Ser “boca-aberta” faz parte da nossa cultura e isso tem acabar. É o imposto mais caro, é o combustível mais caro, é o futebol mais caro…

    Que povo mais cheiro mole é esse minha gente?!

    Todo mundo aceita na boa e não reclama de nada?!

    Não faz um protesto, não adere a um boicote?!

    Com relação aos ingresso isso é um ABSURDO!!!

    E o pior é que a fatia gorda dessa grana não vai para os clubes baianos e sim para os cofres das construtoras.

    Mocota ainda é obrigado a entrar no site da Globo.com e assistir um monte de sardinhas duelando com Leões discutindo de quem é a Arena Fonte Nova.

    E o pior disso tudo é que quando Mocota foi abrir os olhos da galera, foi moderado.

    Cambada de alienados!!!

    O estadio pertence a quem determina os preços abusivos e quem mais vai lucrar com o espaço.

    Os seja, o Consorcio está aproveitando a paixão e a cegueira dos baianos pelo futebol para lavar a jega.

    Triste Bahia que tem o nível educacional abaixo de São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Minas Gerias e Pernambuco.

    Nesses Estados a ganancia do Consorcio sofreu resistência.

    Na Bahia uma consultoria revela que o consorcio vai faturar cerca de 40 milhões e cardume de sardinhas ainda vai bancar essa loucura para que seu clube receba apenas cerca de R$ 9 Milhões.

    E o pior é que tem alguns Leoninos que acham que seguindo os passos das sardinhas é o melhor caminho para o sucesso…

    kkkkkkkkkkkkkkkkkk…

    Deixa Mocota rir para não chorar…

    ————————————————-

    Diga não a Arena Fonte Nova. Diga sim ao Novo Barradão.

    Avante Leão!!!

    Curtir

  5. Discordo da abrodagem, principalmente com o trecho: “para que esses considerados inferiores não venham a sujar os bancos com os seus sapatos de lama ou quebrar os banheiros como prova da sua condição de barbárie”. O Discutido aqui não pode entrar pelo caminho do preoconceito.
    Os preços não estão altos para excluir um “povo inferior”, os preços estão altos, porque, quem investiu dinheiro na arena entende que terá demanda para os ingressos. Tá alto por que alguem vai achar que deve pagar.
    Certo ou errado, o futebol hoje é negócio, e negócio de muita grana. Um evento como este, muita gente vai querer ir, e vai pagar o preço que ele estão pedido. Se não venderem 1000 ingressos, no jogo seguinte eles repessam o preço. Mas mesmo caro, vai vender tudo.
    Precisamos entender que vivemos em um regime capitalista, que, quem ivenste em um negocio que ter retorno. Quem de voces, de posse de um produto exclusivo, desejado por muitos, não vai aumentar o preço. Por que será que pra sair no bloco da Ivete ou Chiclete é mais caro? Sobra algum?. Oferta x Demanda
    Mas Graças a Deus somos livres para decidir como devemos gastar o que ganhamos. Se eu acho caro pagar R$ 90 em um jogo do meu time do coração, na inauguração de um estádio que fez parte da minha infancia, eu não compro o ingresso. Da mesma forma que se eu acho caro pagar 30 mil em um carrinho mequetrefe, vou andar de Onibus.
    Vamos ter cuidado com estas motivações sociais.

    Curtir

  6. Prezada Beth Dantas,

    Concordo com as suas palavras.

    Mas, como exigir a construção de uma “super arena barradão”, ao custo de 500 milhões, com um ingresso de 20 reais ?????

    Por isso é que, ao revés de muitos, acredito que devemos ter setorização para todos os preços.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s