Foi com o Bahia, mas e se fosse com o Vitória da Bahia?

Esperei um pouco para postar esse texto devido a repercussão que o assunto ganhou, mas acho muito importante a discussão entorno da péssima arbitragem na partida em Porto Alegre, no âmbito da rivalidade é valido gozar o Bahia, porém no histórico é algo em que precisamos nos solidarizar e nos preocupar.

Utilizei o termo Vitória da Bahia, justamente porque boa parte da nossa torcida odeia, e acredita que é um a tentativa da mídia sulista em diminuir o clube, pois  bem, e não é isso que que os erros constantes de arbitragens a favor de clubes do eixo em detrimento de clubes do nordeste? O que aconteceu no domingo não é fato exclusivo do Bahia, eu poderia citar dezenas de situações em que arbitragens tendenciosas prejudicaram ao Vitória, Sport, Náutico, Santa Cruz, Bahia e tantos outros.

Em 2010 o Vitória foi vitima de muitas intervenções dos homens de preto, teve aquele lance de Heber Roberto Lopes punindo Viáfara, teve uma penalidade clara em Schwenck não assinalada no primeiro jogo da final na Vila Belmiro, mas um jogo que se assemelhou em muito ao do rival Itinga, Vitória 1×1 Corinthians no Barradão. Para quem não lembra, essa partida era válida pela 36ª Rodada do campeonato brasileiro 2010, e foi a primeira vez que o Vitória entrou na zona de rebaixamento, vamos relembrar alguns lances.

O Corinthians fez 1×0  após boa jogada de Ronaldo que deu um passe fenomenal para o companheiro Danilo marcar, após este resultado o Vitoria foi para cima e empatou com Viáfara de Pênalti, o zagueiro Ralf meteu a mão na bola e o juiz assinalou a infração 1×1 no placar, mais um detalhe importante, Ralf já tinha amarelo e era para ser expulso, mas o juiz não teve coragem.

No segundo tempo o Vitória foi ainda mais para cima e os erros de arbitragem ficaram ainda mais evidentes. Em um lance rápido Adailton foi lançado na área e chutou, o goleiro Julio Cesar fez grande defesa, mas a bola retornou aos pés de Adailton que tentou driblar o goleiro e foi atropelado pelo mesmo, penalidade clara não assinalada, Simon mais uma vez amarelou, o Leão da Barra não se intimidou e continuou buscando o triunfo e aos 44 minutos do segundo tempo um lance que jamais irei esquecer: Junior Diabo Loiro é lançado entre 3 defensores do Corinthians ele se livra, dribla o goleiro, deixa o zagueiro no chão e marca um golaço Vitória 2×1 Corinthians, sabe o que isso representava naquele momento? O Vitória estava se afastando da zona de rebaixamento, empurrando Flamengo e Atlético MG para baixo para se engalfinharem para não entrar no Z-4, só isso? Não, o Corinthians era líder do Brasileiro com 63 pontos e o Fluminense vinha em segundo com 62 pontos, com o empate o timão foi para 64 e ficou apenas um ponto do Flu que vencerá e foi a 65. Isso mesmo, descaradamente o gol do Vitória foi anulado para favorecer o time alvinegro, com isso o Vitória entrou pela primeira vez na zona de rebaixamento e o interessante foram às manchetes do dia seguinte.

Corinthians só empata na Bahia e vê o título se complicar

Prejudicado com penalidade inexistente, o Timão cai para segunda colocação

Ronaldo se machuca e Corinthians tem dificuldades para empatar com o Vitória-BA

Corinthians praticamente dá adeus ao título empatando com time que está na zona de rebaixamento.

É impressionante como nenhum dos noticiários esportivos falaram de como o Vitória foi operado no Barradão, eles só se davam conta de que o poderoso Corinthians perdeu a liderança e naquele momento via o Fluminense com grandes possibilidades de assegurar o título, mas do Vitória que foi prejudicado e entrou na zona de rebaixamento as citações foram apenas de diminuição, por tanto volto a repetir que embora tenha acontecido com o nosso maior rival, nós já sentimos na pele as barbáries de arbitragens tendenciosas.

É lamentável ainda que a imprensa como um todo se exima da responsabilidade de noticiar os fatos de maneira verídica em detrimento de um preferencia cega e nociva para o esporte como um todo, e duas rodadas depois eu ainda tive que engolir Carlos Eugenio Simon encerrando a carreira como uma grande estrela do futebol, a globo fez reportagens incríveis distorcendo até mesmo vaias de torcedores em celebração a histórica carreira do naquele momento já ex-arbitro, vocês me dão asco!

FICHA TÉCNICA 
VITÓRIA 1 x 1 CORINTHIANS

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 21 de novembro de 2010, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (Fifa-RS)
Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Julio Cesar Rodrigues Santos (RS)
Cartões Amarelos: Ralf, Elias (Corinthians); Nino Paraíba, Egídio (Vitória)

Gols: CORINTHIANS: Danilo, aos 20 minutos do primeiro tempo; VITÓRIA: Viafara, aos 43 minutos do primeiro tempo.

VITÓRIA: Viáfara; Nino Paraíba, Gabriel Paulista, Anderson Martins e Egídio; Neto Coruja (Bida), Uelliton, Ramon (Fernando) e Elkeson (Henrique); Adaílton e Júnior
Técnico: Antonio Lopes

CORINTHIANS: Julio Cesar; Alessandro, Chicão, William e Roberto Carlos; Ralf, Jucilei, Elias e Danilo; Jorge Henrique (Paulinho) e Ronaldo (Iarley)
Técnico: Tite

 

44 comentários em “Foi com o Bahia, mas e se fosse com o Vitória da Bahia?

  1. Nunca mais chame o Vitória de Vitória da bahia. Vc gostaria de ser chamado de viado? Acho que não. Todas as pessoas querem ser chamadas pelo seu devido nome, que é um direito da personalidade da pessoa física e jurídica.

    Curtir

    • Toda pessoa física ou jurídica tem uma localização como referencia.

      Mocota não torce nem pelo Vitória de Guimarães, nem pelo Vitória de Setúbal…
      Mocota e mais de 2 milhões de apaixonados torcem pelo…

      VITORIA DA BAHIA!!!

      Caso o nobre colega Leonardo Cus visite Portugal e caso seja perguntado para qual time torce, limitaria a dizer Vitória?

      E naturalmente quando fosse perguntado se torcia pelo de Setúbal ou Guimarães, o senhor iria dizer o que? Que torce pelo Vitória de Bebeto, Vitória de Dida, Vitória de Vampeta…

      É cada uma…

      Não vá aprender valorizar suas raízes, não. Fique aí com essa conversinha furada de cheiro mole.

      Rumo a Liderança.

      Avante Leão!!!

      Curtir

    • Leonardo meu caro, a sua comparação foi um tanto quando equivocada mas tudo bem, O Vitória é do estado da Bahia e fazer referência a isso não o diminuiu, mas se você leu o texto deve ter entendido o porque de ter colocado no título Vitória da Bahia, quem me segue sabe que nunca o fiz isso e desta vez foi bem proposital!

      Curtir

  2. Belissimo texto!!!

    Parabéns Valmerson concordo com tudo que vc disse, realmente a arbitragem em quase sua totalidade é tendenciosa a errar sempre contra os nordestinos.
    Agora não posso negar que ri muito em ver a cara dos jogadores do Jahia cercando o arbitro totalmente desesperados, inconformados.
    Nada mais natural do que lembar daquele velho ditado: “Quem faz aqui,paga aqui” que o diga o excelentíssimo ex presidente do Jahia o Sr Osório Vilas Boas que infelismente não está mais no meio de nós. Ele com certeza saberia explicar porque este ditado tem tudo a ver com o jogo de domingo.

    Curtir

  3. E A MIDIA, PRINCIPALMENTE, A TRICOLORIDA, FICA CHORANDO PELO ERRO DESSE JUIZ RUINZINHO, DIGA-SE DE PASSAGEM, COMO DESCULPA PELO PESSIMO CAMPEONATO QUE O JAIA,VEM FAZENDO. OS ERROS NUNCA VÃO DEIXAR DE ACONTECER. ENTÃO VAMOS NOS PREPARAR PRA MUITOS CHORORO DE CAVERÃO, TIRIRICA PRESIDENTE, E AS MIDIAS TRICOLORIDAS DAS SARDINHAS.

    Curtir

    • Raimundo e tem que chorar mesmo, o Bahia está fazendo um péssimo campeonato e na unica que vem bem é prejudicado de forma grotesca!

      Curtir

  4. ótimo texto, Valmerson!
    o juiz roubou o Jahia, achei graça, mas futebol não poderia ser decidido em erros de arbitragem. ainda mais qdo o juiz come pressão e erra de forma tendenciosa. é um desrespeito ao time, que trabalha forte a semana inteira e à torcida.
    todo erro grosseiro deveria ser punido. não devolvem os pontos, mas diminui a sensação de impunidade.
    Eu odeio a expressão Vitória da Bahia, rs! O nome é Esporte Clube Vitória!
    VV!
    PS texto novo:
    http://globoesporte.globo.com/platb/ba-torcedor-vitoria/2012/08/08/chegadas-e-partidas-vitoria/
    Valeu!

    Curtir

    • Também detesto que chame nosso clube de “Vitória da Bahia”, Nós somos Vitória, os outros são Vitória da conquista, Vitória do Espirito santo, Vitória dos cambal Etc
      Ou Alguém ja viu o Flamengo ser chamado de Flamengo do Rio, O Corinthians ser chamado de Corinthians de São Paulo, no entanto existe o Flamengo do Piaui e o Corinthians de Alagoas.
      Graças a Deus a imprensa principalmente a sulista entendeu isso e poucos ainda nos chamam de “Vitória da Bahia”
      Se for pra chamar o nosso time de Vitória de algum local, que se fale então Vitória de Salvador pronto. rsrsrsrsrrs

      Curtir

      • concordo com vc.
        não existe sentido nessa expressão. todo mundo sabe, até quem não acompanha futebol, que o time cujo nome é Vitória, é de Salvador, na Bahia.
        VV!

        Curtir

      • Prezado Vitória Maniacos. A sede do Vitoria é em Salvador. Salvador está localizada na Bahia.

        Então é muito natural que se chame Vitória da Bahia.

        Se Flamengo, Corinthians, Santos, Vasco… Não precisam de referencia é por que o “resto” do país é obrigado a engolir os times da grande mídia que dita as tendencia em vários segmentos.

        Por este motivo, a partir de agora, largue de onda e tenha muito orgulho de declarar em qualquer canto que torce pelo VITORIA DA BAHIA.

        Principalmente quando o VITORIA DA BAHIA ganhar dos protegidos da grande mídia.

        Mocota ficou em êxtase quando o VITORIA DA BAHIA eliminou o Botafogo do Rio.

        Valorize e divulgue suas origens.

        Um Viva ao Vitória!!!

        Um Viva a Bahia!!!

        Salve, Salve VITORIA DA BAHIA!!!

        Rumo a Liderança.

        Avante Leão!!!

        Curtir

      • Antigamente eu tinha isso comigo, com o passar dos anos não vejo problema nenhum nisso.

        Curtir

      • Concordo plenamente com você! É estranho de ouvir, sem sentido, mas também não costumo levantar bandeira de protesto, deixo essa missão com meu amigo Diego VV rsrsrsrs.

        E também acho esse argumento de Mocota nada convincente (para mim, claro!), não é questão de negar as raízes, nada a ver isso, é só que o nome é Vitória e não precisa de “sobrenome”… Como muito bem disse o Vitória Maníacos, nós somos o Vitória, os outros são Vitória de alguma coisa!!

        SRN

        Curtir

      • A questão não é criar um sobrenome para o Vitória, tipo: Vitória 1899, Vitória da Bahia…

        Dentro da Bahia somos “Vitória” (com muito orgulho). Acontece que fora do Estado a instituição é conhecida como Vitória da Bahia (e isso não diminui o clube em absolutamente em nada).

        Sinceramente, ficar de calundu por isso, Mocota considera que ou o torcedor não quer assumir as raízes ou fica de birra por que o nome do rival copia o nome do Estado.

        Talvez, para quem mora em Salvador não saiba, mas na maioria dos outros estados o Vitória é conhecido como “Vitória da Bahia”.

        Em uma rápida busca pelo google encontramos até link de atleta do clube se referindo ao time como “Vitória da Bahia”.

        Por que acontece isso? Acontece que quando eles saem do Estado da Bahia ou do Brasil o clube é conhecido por “Vitoria da Bahia”.

        http://www.estadao.com.br/noticias/esportes,paulo-cesar-carpegini-e-o-novo-tecnico-do-vitoria-da-bahia,866627,0.htm

        http://ropitti.blogspot.com.br/2009/04/bandeira-do-vitoria-da-bahia.html

        http://portalceleste.com.br/acao-de-marketing-do-vitoria-da-bahia

        http://blog.chicomaia.com.br/2012/07/05/futebol-e-cidadania-o-otimo-exemplo-do-vitoria-da-bahia/

        http://lista.mercadolivre.com.br/Camisa-do-Vit%C3%B3ria-da-Bahia

        http://blog.tribunadonorte.com.br/ricardo/agora-e-o-vitoria-da-bahia…/85313

        Rumo a Liderança.

        Avante Leão!!!

        Curtir

      • É justamente porque quem mora em Salvador sabe muito bem disso é que se está comentando,
        Não é porque os outros chamam, que nós mesmos devemos chamar ou achar bonitinho! Como comentei não é algo que me afetar, MAS SE ME PERGUNTAR O QUE EU ACHO, eu vou dizer que acho extremamente desnecessário, é algo que se propagou e não vejo como forma de exaltação do estado, como já disse acho fora de propósito.

        SRN

        Curtir

  5. Valmerson, concordo com vc em quase tudo, porém, se vc prestar atenção no lance do gol anulado da carniça de itinga verá que zé roberto está impedido e participa da jogada. Ele coloca o corpo na frente do defensor do grêmio (acho que é pará), para que o mesmo não alcance a bola antes do chute de fael (na distância que pará se encontrava não alcançaria a bola nunca). Não garanto que o bandeira tenha marcado isso, mas é fato.

    Curtir

    • Ronei, Zé Roberto não participa do lance, o jogador chutou para o gol e Fahel intercepitou, se fosse um lançamento para área aí sim Zé Roberto estaria participando.

      Curtir

  6. Valmerson, até entendo quando você fala em se solidarizar, porque realmente é algo que acontece conosco também…
    Mas que eu morri de rir ao saber que os jogadores do jahia choraram no vestiário, eu morri! kkkkkkkk

    SRN

    Curtir

    • huahuhauhauhua!
      pergunta pra Souza como é que faz o chorôrô?!
      “Vai chorar é? vai chorar é?. Chore SARDINHA? hehehe!
      VV!

      Curtir

    • Jéssica é por isso que falei que no âmbito da rivalidade é valido, eu também tirei sarro dos meus amigos tricolestes, mas nem por isso eu posso deixar de emitir o meu parecer diante daquela barbárie, até porque isso já aconteceu com o Vitória.

      Curtir

  7. Sem palavras! Ótimo texto!
    Tiririquinha correu atrás e sem querer deu um tapa sem mãos no bundão do Alexi.
    Com certeza se o prejudicado fosse o Vitória, ia ficar por isso mesmo.

    Saudações!

    Curtir

  8. Valmerson, você falou tudo o que eu penso. Aquele jogo contra o Corinthians não me sai da cabeça…

    A TV Jahia nem falou nada…

    Mas contra o FINADO já são DOIS dias dedicados ao assunto…

    Curtir

  9. Valmerson, quanto a dizer “Vitória da Bahia”, Mocota acha o máximo.

    Isso de não gostar de chamar de Vitória da Bahia, Mocota acredita deve ter sido coisa criada ou defendida por algum cheiro mole.

    É cada uma…

    Existe Vitória de Guimarães, Vitória de Setúbal, Vitória de Santo Antão, Vitória do Espirito Santo…

    O que existe demais falar “Vitória da Bahia”?

    Esse mesmo lenga-lenga, Mocota viu em um blog sobre CAP. Tem uns cheiro- moles lá, que também não gostam que chamem de Atlético do Paraná.

    Ora Bolas!!!

    Em um universo futebolístico que existem dezenas de Atléticos, qual o mal que existe em dizer o local de origem de cada um? Exemplo:

    Atlético de Minas, Atlético do Paraná, Atlético de Alagoinhas…

    VUMBORA VITÓRIA DA BAHIA!!!

    ———————————————————

    Excelente Texto, Valmerson!!!

    Ele ajuda (e muito) provar que os maiores culpados pela queda do Vitória em 2010 não foi Alexi Portela, Ricardo Silva e elenco.

    Foi essas e por outras que Mocota sempre defendeu que ações extra-campo prejudicaram muito mais.

    PS – Contra o mesmo Corinthians, no jogo de ida, em São Paulo, o juiz também empenou o baba.

    Rumo a Liderança.

    Avante Leão!!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s